Mundial2010: Coentrão no onze ideal do L´Équipe | Relvado

Mundial2010: Coentrão no onze ideal do L´Équipe

 


Mundial2010: Coentrão no onze ideal do L´Équipe
Fábio Coentrão é o único jogador português que integra as escolhas dos leitores do jornal francês L´Equipe para a equipa ideal do
Mundial da África do Sul. O lateral do Benfica aparece ao lado de cinco espanhóis - Casillas, Ramos, Puyol, Xavi e Villa -
que dominam o melhor onze da publicação.




Eis o onze ideal do Mundial 2010
de acordo com os leitores do L´Equipe:

+ Casillas (Espanha), Sérgio Ramos (Espanha), Puyol (Espanha), Friedrich (Alemanha), Fábio Coentrão (Portugal),
Khedira (Alemanha), Mueller (Alemanha), Sneijder (Holanda), Xavi (Espanha), Forlán (Uruguai) e Villa (Espanha).

Foto: FIFA


Mundial 2010:

Comentários [46]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Nojentos!

Mas qual é a novidade?!

Mais uma conquista!

Depois do Sartor, o L'Équipe! Parabéns Fábinho.

Coentrão

É de notar o facto de Coentrão ser o único jogador do onze ideal que não pertence a nenhuma das equipas que chegaram às meias finais. Bastou-lhe 4 jogos. Eduardo só não aparece porque no lugar dele está um GR espanhol, que por sinal só sofreu 2 golos em 7 jogos e não sofreu nenhum nos últimos 4.

Orgulho para os benfiquistas...

...mas acima de tudo para os portugueses. E esperemos que a vontade, a abnegação, a intensidade e a defesa da pátria que Coentrão demonstrou possa resvalar para certas e determinadas personagens que povoam esta Selecção.

Justíssimo

De longe o melhor lateral-esquerdo da prova. Este é um onze muito próximo do "meu" ideal, onde talvez trocasse apenas Khedira por Schweinsteiger... Abraço, JC

Re: Justíssimo

os dois melhores foram o Coentrão e o Michel Bastos do Brasil

Re: Justíssimo

Por acaso acho o Michel Bastos o pior defesa esquerdo dos últimos .. sei lá .. trinta anos do Brasil. E obviamente que não me recordo de todos :)

Re: Justíssimo

Só o Roberto Carlos esteve lá 20 anos :).Partilho da tua opinião sobre o Michel Bastos.

Re: Justíssimo

"De longe.." não concordo.Salcido do México e o próprio Fucile estiveram muito bem.Agora Coentrão foi sem dúvida um dos melhores. Cumps

Re: Justíssimo

Salcido e Fucile estiveram muitíssimo bem, assim como Van Bronckhorst. Mas Coentrão esteve praticamente perfeito. Com 11 Coentrões na Selecção, talvez ainda estivessemos bêbados a esta hora... ;)

Re: Justíssimo

A par de Eduardo claramente os melhores.Secalhar um dos "problemas " foi mesmo esse..... Abraço.

Re: Justíssimo

Problemas só tivemos dois, caro amigo, foi um cagão no banco e uma braçadeira de capitão que andou sozinha para trás e para a frente... Além de Coentrão e Eduardo, houve mais alguns que estiveram muito bem e que não têm culpa do treinador os ter posto a correr para trás. O único que esteve verdadeiramente mal foi o Ronaldo, de longe o pior de todos...

Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

"O internacional uruguaio Jorge Fucile, do FC Porto, faz parte do «onze» ideal do Mundial do jornal italiano «Gazzetta dello Sport». A Espanha e a Alemanha, ambas com quatro jogadores, são as selecções que forneceram mais jogadores ao «onze» ideal do jornal italiano. Aqui fica os jogadores escolhidos: Casillas; Lahm, Puyol, Friedrich e Fucile; Muller, Schweinsteiger, Iniesta e Sneijder; Forlán e Villa". Parabéns ao Coentrão e parabéns ao Fucile. Ambos fizeram um mundial brilhante!

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

http://www.gazzetta.it/Speciali/Mondiale_2010/11-07-2010/ecco-supersquadra-71401985743.shtml

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

Uma vez que a página está a dar erro quando se tenta aceder pelo link... aqui está o que diz a Gazzetta dello Sport: Ecco la supersquadra Vota anche tu la Top 11 Costruiamo un team con il meglio espresso da Sudafrica 2010. Molta Spagna e Olanda, ma anche la Germania contribuisce in modo cospicuo. E ora votate la vostra Top 11 JOHANNESBURG (Sudafrica), 11 luglio 2010 - Stasera al Soccer City Stadium di Johannesburg si gioca la finale di coppa del mondo: Olanda-Spagna. Il tempo dei bilanci, di questo primo Mondiale ospitato dal continente nero, è vicino, distante quanto il triplice fischio conclusivo dell’arbitro inglese Webb. Vediamo dunque chi ci ha fatto divertire, sinora, stilando nostra la Top 11 del torneo. In squadra inseriamo non tanto i migliori giocatori in assoluto, ma quelli che, ruolo per ruolo, schierati in una formazione verosimile, hanno avuto il miglior rendimento. E "costruiamo" pure la rosa dei 23, quella della nazionale dei sogni del Mondiale sudafricano. Scegliamo il modulo 4-2-3-1, quello utilizzato da Olanda e Spagna. PORTIERE — Casillas (Spagna), Neuer (Germania), Eduardo (Portogallo). In un Mondiale disgraziato per i portieri, forse per colpa delle traiettorie bizzarre dello jabulani, Casillas ha rappresentato una garanzia di qualità. Nelle partite ad eliminazione diretta non ha sbagliato niente, sinora, ed è stato provvidenziale contro il Paraguay. In panchina portiamo Neuer, in tribuna va Eduardo. TERZINO DESTRO — Lahm (Germania), Maicon (Brasile). Il capitano della Germania ha disputato un super torneo, e non è una novità. Anche da terzino destro, lui che ha giocato una vita sull’altra corsia, riesce a fare la differenza. Maicon, nonostante la prematura eliminazione del Brasile, si conferma pendolino quasi inarrestabile. TERZINO SINISTRO — Van Bronckhorst (Olanda), Salcido (Messico). Il posto da titolare se lo prende l’olandese, tre Mondiali, e l’ultima partita della carriera davanti, quella in cui da capitano potrebbe alzare la coppa del mondo. Gol da favola e salvataggio contro l’Uruguay, tanta qualità. Bravo anche Salcido, rimpiazzo di lusso. DIFENSORE CENTRALE — Piquè (Spagna), Puyol (Spagna), Lugano (Uruguay), Juan (Brasile). La coppia della Spagna è stata la più affidabile. Due soli gol subiti finora, più la rete decisiva del veterano del Barcellona alla Germania. Mescolano freschezza ed esperienza. Ottimi Lugano, la cui assenza per infortunio forse è costata all’Uruguay la finalissima, e il romanista Juan. MEDIANO — De Jong (Olanda), Khedira (Germania). Scegliamo un mastino di centrocampo per dare equilibrio ad una squadra sbilanciata in avanti. Spiccano il recupera palloni del Manchester City e la rivelazione tedesca, autore del gol che ha assegnato il 3° posto. CENTROCAMPISTA — Schweinsteiger (Germania), Iniesta (Spagna). Il giocatore del Bayern da centrale è diventato una sicurezza, il suo Mondiale è stato tutto "carne e patate": consistente. Lo spagnolo ha mostrato sprazzi della riconosciuta classe, bruciando allo sprint per un posto in panchina il talentuoso Ozil. rifinitore — Sneijder (Olanda), Xavi (Spagna). Il centrocampista dell’Inter è stato il trascinatore dell’Olanda. Idee, personalità, e soprattutto gol, meglio di un centravanti. L’architetto della Spagna non ha trovato la porta, ma le sue geometrie restano incantevoli. ATTACCANTE ESTERNO — Muller (Germania), Robben (Olanda). Muller ha fatto "i bambini con i baffi" in questo Mondiale. Sgroppate, gol, e chissà se non fosse mancato per squalifica contro la Spagna cosa sarebbe successo... Robben questo Mondiale, per un acciacco, sembrava non potesse neanche giocarlo. E invece è stato determinante. CENTRAVANTI — Villa (Spagna), Klose (Germania). Villa ha sostituito Fernando Torres come terminale offensivo delle Furie Rosse. Scatti brucianti e tanti gol. Scatenato. Klose, una certezza quando si tratta di Mondiali, ha segnato 4 reti, come i pari ruolo Higuain e Luis Fabiano, ma le sue hanno contato di più. ATTACCANTE ESTERNO — Forlan (Uruguay), Donovan (Usa). Forlan ha giocato un Mondiale meraviglioso, che con un’altra casacca più nobile indosso avrebbe avuto un’altra cassa di risonanza. Rifinitura, carisma e gol. Donovan ha assicurato quantità, qualità e reti pesanti agli Usa, bruciando l’altalenante Robinho per un posto in panca. dal nostro inviato Riccardo Pratesi

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

Acrescenta aí, se faz favor..."o melhor onze das equipas presentes nas Meias Finais do Mundial". Não é bem a mesma coisa, pois não?

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

Não sei se é um 11 apenas contemplando os semi-finalistas ou se é um 11 de toda a competição. Em nenhum lado vi referido que só contavam jogadores cujas selecções marcaram presença nas meias-finais... http://www.ojogo.pt/Directo/NoticiaHora_futmundial2010onzegazzetta_130710_275392.asp http://www.abola.pt/nnh/ver.aspx?id=214228

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

ALiás, está aqui uma falha qualquer, pois Fucile nem aparece nos jogadores propostos pela gazzetta dello sport... http://www.gazzetta.it/Speciali/Mondiale_2010/11-07-2010/ecco-supersquadra-71401985743.shtml

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

Será que tb vai ser noticia?..

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

Queres ver que são portugueses Zefil? O Fucile já se naturalizou?

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

Não... só se fosse jogador português

Re: Fucile no «onze» ideal da «Gazzetta»

eu vou explicar devagarinho, a gazzetta fez o melhor onze das equipas que chegaram as meias finais do mundial, o l`equipe fez o melhor onze de todas as seleccoes presentes no mundial.

Aqui está a diferença entre Portistas e vermelhos

Sei reconhecer que o Coentrão está um jogador e pêras, e foi certamente uma excelente surpresa nos últimos meses. Está certo, apareceu no onze inicial do L´Equipe. Estão todos eufóricos. É tema de conversa há dias.. Entretanto soube que Fucile entra no onze inicial do As - Jornal de paixão do encarnados -, e neste caso estão caladinhos. Quero lá saber se está no onze. Euforia desmedida, é o que é!

O Fucile que jogou contra o Arsenal???

LOL

Re: Aqui está a diferença entre Portistas e vermelhos

Preferia que não tivesse tanta visibilidade mas é a minha opinião ...

Re: Aqui está a diferença entre Portistas e vermel

Por acaso a eleição nem é do As… e apenas contemplava jogadores presentes nas meias-finais. Mas a eleição acaba por ser justa por o Fucile fez um bom Mundial. Eu não vejo euforia nenhuma, vejo orgulho por vermos um atleta nosso vingar ao mais alto nível depois de tanto desdém alheio…

Re: Aqui está a diferença entre Portistas e vermel

Sempre julguei que fosse melhor a extremo. Agora sim, posso dizer que poderá ser um defesa esquerdo de topo. Falta-lhe ganhar massa muscular.

Re: Aqui está a diferença entre Portistas e vermel

Também creio isso. É de resto algo que em Portugal se trabalha muito pouco.

Cá está..

O jogador que fez um mundial "razoável", e que não "defende nada". Sim, aquele que nem convocado deveria ter sido :)

Vocês vivem num mundo à parte...

... não foi consensual por aqui que o Coentrão fez um grande mundial? Acordem para a realidade...


www.casasdeapostas-portugal.com