Um pontinho para o Sporting graças a São Patrício (Crónica) | Relvado

Um pontinho para o Sporting graças a São Patrício (Crónica)

Guarda-redes decisivo com três defesas espantosas em Olhão. Mas.. e o resto?
 

26 de novembro de 2011: O Sporting joga no estádio da Luz em terceiro lugar, a apenas um ponto dos líderes Benfica e FC Porto. 23 de janeiro de 2012 e apenas cinco jornadas depois: os leões empatam em Olhão e ficam em quinto lugar, a 13 pontos do Benfica, 11 do FC Porto, 5 do Sporting de Braga e com os mesmos pontos do Marítimo, quarto colocado. Como explicar esta queda abruta do leão?

As coisas já estavam suficientemente complicadas para o Sporting, mas no aquecimento, mais uma grande contrariedade: Schaars lesionou-se e foi substituído por Carriço, com André Martins, um jogador aparentemente bem mais útil do que o central adaptado ao meio-campo, a ficar no banco. Convém referir que Renato Neto já fazia parte do onze leonino..

Na frente, o técnico dos leões também surpreendeu, sem a presença de um ponta de lança de raíz. Carrillo e Capel ficaram nas alas e...Jeffren no meio. 

O Sporting começou bem, com duas boas iniciativas de Carrillo. O peruano ganharia ainda o primeiro amarelo, depois de grande trabalho sobre Ismaily, que só o travou em falta quando o jovem leão se aproximava da baliza. Aos 12 minutos, Matías Fernández quase inaugurou o marcador, de livre direto. A bola embateu nas malhas laterais.

Mas os algarvios responderam bem ao melhor início dos verde e brancos e Cauê quase marcou aos 13', aproveitando incrível apatia leonina na sequência de um livre lateral. No Olhanense, era sempre Cauê a criar perigo: o médio teve nos pés três oportunidades de golo na primeira parte.

O Sporting baixou de rendimento e só apareceu aos 33', quando Capel efetuou bom remate, travado por Fabiano. Carriço e Renato Neto eram dois "travões" no jogo ofensivo da equipa de Domingos Paciência. É estranho ver uma equipa grande iniciar um jogo com dois jogadores com estas caraterísticas a meio-campo...

E Jeffrén também não aparecia, enquanto Carrillo se apagou à medida que o tempo foi passando. Valia Matías aos leões, mas o chileno estava muito desacompanhado.

Boa entrada e...São Patrício!

O Sporting voltou a entrar bem no jogo, mas mais uma vez apenas durante cerca de 15 minutos. Polga teve grande oportunidade para marcar, mas ainda não foi dessa que se estreou a marcar no campeonato português. E logo depois, Jeffren teve uma perdida incrível.

Entretanto, a versão "infantil" de Carrillo já estava em campo. O peruano tem muitas qualidades e enorme potencial, mas não está ainda preparado para jogar numa equipa supostamente grande.

Domingos demorou 64 minutos (!!) a desfazer a inenarrável dupla de médios defensivos, colocando finalmente um jogador que sabe o que fazer à bola (André Martins) no lugar de Renato Neto. E Rubio rendeu o desgastado Jeffren. Era para ganhar presença na área, mas não se notou.

Nos últimos 20 minutos, o Olhanense fez o suficiente para vencer. Mas como tantas vezes tem acontecido ao longo das duas últimas épocas, Rui Patrício demonstrou que é neste momento o melhor jogador do Sporting e realizou três defesas simplesmente inacreditáveis. E pensar que ainda há quem critique o guarda-redes titular da seleção nacional...

Nos descontos, Carrillo até poderia ter dado a vitória ao Sporting, mas o seu "pontapé" quase saiu pela linha lateral.

Ah! Uma boa notícia para o Sporting: na próxima jornada há um Marítimo-Sporting de Braga. Mas será que os leões conseguem ganhar em casa ao Beira-Mar?

Sporting:

Comentários [46]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Sem dúvida...

...foram 11 jogos contra 10 ,não foi?

POIS

COMO É QUE UM BIMBV ACVRRVPVTALHADV TEM A CORAGEM DE VIR FALAR EM ARBITRAGENS???? ISTO REALMENTE.... SO RINDO????

Mas o que é isto?

Custa-me imenso ver uma equipa como o Sporting nesta situação novamente. É inexplicável como é que depois de um mau começo de campeonato, começaram a praticar um bom futebol e de uma jornada para a outra tem sido a cair constantemente.

Não sei se é o Domingos que tem culpas, se é a direcção, se é os jogadores, eu não sei. O que sei é que desde o jogo com a Académica que Domingos tem vindo a inventar no plantel e mais uma vez a prova disso foi ontem ao jogar com Polga, Carriço a médio, com Renato Neto (a meu ver mais um flop) a construir, quer dizer... a destruir jogo e com Jeffren a ponta de lança. Jeffren nem na posição dele tem mostrado alguma coisa quanto mais a avançado?! Com soluções como André Santos, André Martins, Rodriguez, Xandão (e este deve ser bom que nem calçou) e com Sebas e Rubio no banco eu não consigo perceber estas escolhas do Domingos ou da direcção.

A verdade é que com estas invenções já foi o suposto campeonato, certamente irá a Taça de Portugal e resta saber se a Taça da Liga e a Liga Europa também vão à vida. Mas como sócio e adepto do Sporting e por mais estranho que possa parecer não vou deixar de apoiar a equipa até ao fim. SL

Disseste tudo....

Como é que mudaram de bom para péssimo assim num ápice.....estranhíssimo....mas real!!!

É um facto

Para uns (Xandão), há tempo de adaptação, integração faseada e etc., para outros já não, Renato Neto e Seba chegam, fazem um par de treinos, e são titulares em jogos importantíssimos (Porto, Nacional, Braga). Depois, saem da equipa ou da convocatória.

bem apanhado

Este pontito é meu.

Cumps

ERAM 22.06

MEU POST : ESTE PONTO TEM NOME ... RUI PATRICIO

22.28 O SR (LOL) ANDRÉ CRUZ MARTINS PUBLICA ESTE TITULO.

NO COMMENT

O Sporting está forte!!!

Quando Joao Pereira, Polga, Jeffren são titulares e Carriço joga a meio campo, algo vai (muito) mal na equipa. A haver justiça no resultado, seria 1-0 para o Olhanense. O Sporting só tem o que merece, e ainda há-de vir mais para baixo. É assim que esperam ganhar ao Nacional para a taça?

1 - 0?

Só o Patricio fez 4 ou 5 defesas de grande categoria

Sim, tenho que concordar. Bem

Sim, tenho que concordar. Bem podem rezar para que o Patricio não se lesione, senão nem a troika os safa da crise em que ficam.

não vi o jogo, portanto não

não vi o jogo, portanto não me posso referir ao jogo jogado. mas quando na equipa titular o sporting não tem um ponta de lança, joga com carriço e polga sejam lá em que posição for, são muito maus... desculpem-me mas não há milagres.

agora é importante realçar a quantidade de titulares que estão lesionados. hoje foi schaars... falta rinaudo izmailov ww rodriguez jeffren está a fazer o segundo ou terceiro jogo, capel está de gatas pelo que vi nos últimos jogos, carrillo tem que crescer, matias TEM que se afirmar... não sei se o problema é o domingos ou lá o que é, mas dá ideia que esta equipa está outra vez a ficar à deriva. parece-me que os sportinguistas têm um papel importante com esta equipa. ou acabam com ela fazendo o que fazem sempre(assobiar e coisas do género como críticas frequentes de todo a lado a dirigentes treinador jogadores cortador de relva etc..) ou então podem ter paciência e mentalizar-se que este ano já foi mas que o próximo está pra vir. e têm jogadores de qualidade no plantel.

julgo que a euforia naquelas vitórias consecutivas atingiu os jogadores e agora não sabem o que fazer par recuperar... talvez seja falta de liderança no balneário.

ps: não esquecer que este ano o terceiro lugar dá dieito a eliminatória da champions. isso é vital pró sporting a meu ver.

Quase concordava a 100%

Só não concordo com a parte dos jogadores não saberem o que fazer... parece-me que há mesmo alguma descrença... Neste momento, quando não se consegue marcar na primeira meia hora, parece que os jogadores começam a duvidar de si mesmos e que a bola vá entrar... mas sabem o que fazer e têm mostrado isso... lutam, correm, tentam ganhar...
No jogo com o Nacional, por exemplo, a primeira parte não foi grande coisa, mas não justificava estar a perder por 2 - 0... um golo de um livre que não existe e um erro do Polga... Na 2ª parte tentou-se tudo e mais alguma coisa... fomos muito felizes no empate, é certo, mas os jogadores fizeram por isso...

Acho que quem embandeirou em arco não foram os jogadores, foram os adeptos mais otimistas... achavam que iamos ganhar a tudo e todos...
Este ano só temos que pensar na Taça e Liga Europa... no Campeonato, é lutar e dar tudo pelo 3º lugar e CL...

SL

Patricio salvou o Sporting de

Patricio salvou o Sporting de ser goleado em Olhão. A continuar assim reentra na luta pela titularidade da Selecção Nacional, com Eduardo e Quim.

Com este pontinho mantem o Sporting na luta com o Maritimo pelo 4º lugar e a salvo, para já, de ser apanhado pelo Guimarães.

Enfim

Um nada absoluto. Parecia um jogo entre equipas do mesmo nível. Continuar com Carriço a meio-campo (constrangedora, aquela perda de bola em que, após o passe de Matías, ficaria em zona frontal, para chutar, e a bola lhe passa por baixo do pé) parece gozo. Mas é isso, Domingos, continua a emprenhar pelos ouvidos e, como os jornais acha que é um grande achado (da mesma forma que nunca achavam que o Postiga ou o Djaló jogavam mal), lá deve continua esse "tampão" de meio-campo que nada tapa e nada constrói.

Não percebi a lógica de jogar sem referência na área - somos o Barcelona, agora? -, sobretudo quando o Sporting só consegue ter, no máximo, dois jogadores no raio de acção da bola.

E, depois, que raio de decisões são estas, que metem Renato Neto, após dois treinos, a titular nos dois jogos mais importantes da época, depois fora da convocatória em Braga e agora titular outra vez? Está tudo doido, só pode. Com o Ribas, igual. Faz uns três treinos, é titular. Depois, nem um minuto faz.

Duas palavras :

Rui Patriclo.

Saudações leoninas :) SA

Já deixavas de confundir

o facto de o Rui Patrício ter deficiências gritantes com a possibilidade de valer zero.