Bruno de Carvalho vs jornalistas, parte III | Relvado

Bruno de Carvalho vs jornalistas, parte III

Sindicato apelou a processos criminais, presidente do Sporting já reagiu.
 
Bruno de Carvalho (Rodeado de jornalistas)

Há nova "batalha" com Bruno de Carvalho como protagonista. Agora com jornalistas. O presidente do Sporting criticou jornalistas "que se escondem atrás dessa profissão para mentir e tentar manipular a opinião pública"; o Sindicato dos Jornalistas não gostou.

O sindicato referiu em comunicado que há uma "tentativa de intimidação" por parte do líder de Alvalade, para com os jornalistas de quem "não gosta", anunciou uma exposição junto do Governo e pediu aos jornalistas em causa para iniciarem processos criminais contra Bruno de Carvalho.

O presidente do Sporting já reagiu, no final da noite passada, na sua página no Facebook. O dirigente explica que respeita os jornalistas mas está contra "aqueles que envergonham a classe". Haverá também uma queixa apresentada à Entidade Reguladora da Comunicação contra o jornal 'O Jogo'.

Mensagem de Bruno de Carvalho:

1. Ao contrário de alguns "jornalistas" não me escondo atrás de supostas fontes para mentir passando a responsabilidade do mesmo para outrem. Digo a verdade, desmascaro mentiras e digo claramente quem usa destas práticas indignas exactamente para protecção de uma classe que não merece este tipo de "colegas";

2. Nada me move contra jornalistas, antes pelo contrário, apenas não considero jornalista aqueles que envergonham a classe mentindo, que se escudam em fontes duvidosas ou falsas e que não dão a hipótese de contraditório aos visados;

3. A alguns "jornalistas" é-lhes permitido mentir, humilhar e enxovalhar pessoas escondendo-se atrás do direito de liberdade de imprensa. E uns fazem-no diariamente sem qualquer tipo de pudor ou consciência;

4. Este arauto da liberdade de expressão luta pela liberdade dos seus associados mas, pelos vistos, está muito preocupado que eu faça uso da minha. Para este senhor existem pessoas que vivem numa democracia onde têm direitos e depois existo eu que devo só ter obrigações;

5. Ainda hoje o Sporting CP anunciou oficialmente que irá fazer uma queixa à ERC contra a notícia falsa de ontem do jornal o jogo, que hoje volta a reforçar a mesma. Para além desta queixa à ERC também serão alvo de um processo em tribunal.

Agora também este presidente dos jornalistas sindicalizados será alvo de um processo judicial pois terá de provar que, como diz no seu comunicado, faço "falsas acusações".

Uns usam as televisões, outros os jornais, outros revistas e outros blogues. Eu uso a minha página de Facebook que é a única ferramenta que tenho para informar devidamente as pessoas e para me defender e ao Sporting CP das mentiras constantes que são passadas às pessoas.

Uns chamam a esta minha prática calamidade, outros tentativa de intimidação. Eu tenho um nome simples: o direito e liberdade de informar e de me indignar com tudo o que eu acho impróprio e indigno.

Manterei o meu total respeito pelos jornalistas. Manterei o meu direito a desmascarar todos aqueles que se escondem atrás dessa profissão para mentir e tentar manipular a opinião pública.

Sporting:

Comentários [2]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

já só tenho pena do

já só tenho pena do individuo. Até a familia ja deve andar envergonhada.

E o esquizofrénico

continua a roncar!