Viva, o grande Pedroto | Relvado

Viva, o grande Pedroto

 

Vitória de Setúbal, grandes épocas europeias, Boavista, dois segundos lugares e 2 Taças de Portugal, Guimarães, Selecção e FC Porto beneficiaram do seu excepcional talento. Actualmente, somente Mourinho atingiu esse nível.Viva Pedroto!mercurio44

Seleção:

Comentários [40]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Pedroto : um homem genial mas...

Tive oportunidade de conviver com José Maria Pedroto algumas vezes, à mesa do Café Velazquez onde sempre ia tomar café com os amigos após o almoço! Era um homem de humor fino e tinha como principal caracterísitca detestar perder! Mesmo a jogar á moedinha à mesa do café ele era incapaz de aceitar de bom grado perder nem que fosse uma vez! A sua primeira passagem pelo FC Porto como treinador, quase se saldava por um primeiro título nacional que só estranhos empates com União de Tomar e Académica impediram nas últimas jornadas. Mas deixou obra apesar de ter um plantel que não tinha a qualidade que os de agora têm e com a agravante de ter de enfrentar o Benfica de Eusébio! Dessa passagem resultou uma zanga com Pinto de Magalhães e a necessidade de uma Assembleia Geral para ultrapassar a proibição de voltar a treinar o clube! A sua segunda passagem, já no tempo de Américo de Sá e com Pinto da Costa como Chefe do Departamento de Futebol, viria a resultar na conquista de dois campeonatos seguidos e na perda do terceiro em situação estranha! Afastar-se-ia com Pinto da Costa, depois disso e só voltaria ao clube, já com este como Presidente, para voltar a ser campeão e conduzir o Porto até à sua primeira final a nível europeu que, não por acaso, perdeu! José Maria Pedroto foi ainda, e é importante que seja dito, Campeão Europeu de Juniores, num certame que teve em Portugal a sua fase final e em que na equipa brilhavam a grande altura dois portistas: Rui, guarda-redes, eterno suplente da equipa principal mas que fez toda a carreira no FC Porto e Serafim, o homem dos golos impossíveis, entre extremo e ponta de lança, mais tarde transferido para o Benfica por 5000 contos, a mais cara transferência do futebol português! Interessante notar que, desta formação de juniores, o que teve a carreira mais brilhante seria um pequeno médio-ala esquerdino de seu nome António Simões, que fez parte da formação benfiquista que venceu a segunda Taça dos Campeões! José Maria Pedroto era um pragmático e defendia que como os jogos começavam com 0-0, à partida um ponto estava sempre do nosso lado. Era bom conquistar mais um, mas essencial era não perder o que já tínhamos! Isto levava-o a assumir, em jogos mais complicados, uma postura defensiva que, em minha opinião, não permitiria que o Porto ganhasse uma final europeia! O caminho, os alicerces do FC Porto europeu foram lançados com Pedroto e o seu fiel ajudante António Morais, mas foi preciso Artur Jorge e um futebol já bem, diferente e mais dominador para que o Porto chegasse à vitória! Demorou mais três anos!

o grande Pedroto

Concerteza um dos melhores treinadores da história do Vitória FC

Foi com este que começou o Vale tudo

drogas de rendimento para os jogadores e putas e vinho para os árbitros e dirigentes.

Re: Foi com este que começou o Vale tudo

foi com as drogas que levou o vitoria de setubal às meias finais da taça uefa. Eliminou com o Setubal o Inter de milao, ignorante. Levou o Boavista à frente ate à ultima jornada do campeonato, recebeu o benfica(secalhar com drogas) e perdeu. Cresce e aparece ignorante!

Re: Foi com este que começou o Vale tudo

yup, drogas de rendimento era com ele.

Pedroto, o visionário!

Vinha há pouco no carro a ouvir os diferentes programas de desporto com particular atenção na Antena 1 e RCP e em todos eles se prestava a justissima homenagem a este enorme senhor do futebol português, infelizmente desaparecido cedo de mais. Não tive o provilégio de acompanhar o FC Porto desse tempo, mas é com imenso orgulho que ouço e leio o que se diz sobre José Maria Pedroto. Desde Toni, a Manuel Fernandes, passando por Domingos Gomes, entre outros, é unânime a ideia que JMP era um homem muito à frente do seu tempo. Um treinador inteligentíssimo, de ideias visonárias e que procurava na ciência futebolística as respostas para aquilo que se passava dentro do campo. Para além dos avançados conhecimentos técnico-tácticos Pedroto revelou-se como um grande líder e provavelmente como um dos melhores de sempre ao nível da psicologia no desporto. Não é por acaso que tenha sido com ele que o FC Porto enfrentou o estigma da ponte e que ao fim de 19 anos de jejum sob o domínio dos grandes de lisboa, o clube da invicta tenha conseguido sagrar-se campeão nacional. Feito que voltou a repetir no ano imediatamente seguinte. Foi também com ele que se iniciou o primeiro passo para a conquista da Europa que viria a confirmar-se em 1987, com a epopeia na taça das taças que só terminou na final de Basileia com a Juventus. Pedroto morreu há 25 anos mais ainda hoje continua a ser uma referência do desporto nacional. Aliás diga-se que o seu funeral foi uma das maiores manifestações de pesar alguma vez vivida no país, quando a cidade do Porto parou para lhe prestar a devida homenagem. Basta pensar que o cortejo fúnebre demorou 3 horas percorrendo várias artérias da cidade e mais de 60 mil pessoas visitaram o pavilhao das antas onde o seu corpo esteve em câmara ardente. Acontecimento cujas proporções só terão tido paralelo mais tarde com a morte de Amália e Álvaro Cunhal! Como portista eu digo, muito obrigado José Maria Pedroto!

Para mim...

... Pedroto é sinónimo de respigão em futebolês. Perdoem-me os seus defensores, que me perdoe a alma de Pedroto, mas digam lá se os seus feitos não teriam uma outra áurea se não tivessem carregados de guerras inúteis divisionárias regionais e até de malcriação e má conduta para com os adversários? Tenho a certeza que aonde ele esteja certamente já se reveu nesses seus erros. Futebol é para mim união, jamais divisão!

Re: Para mim...

CR9, para começar tens que situar essa "guerra" na altura, de como era o futebol na altura e como era dirigido. Na altura não sei se seria assim tão inutil. a expressão o "fcp começa a perder mal passa a ponte arrábida" diz te alguma coisa? Quanto à mácriação não sei a que te referes ao certo mas dou te razão, odeio esta em qq altura e situação

Re: Para mim...

Grande erro! Devias ter sido mal-educado como alguma da corja de esgoto bufado que aqui anda ...

Re: Para mim...

que parolo do caralho. então tu ainda não andavas de colhão para colhão quando o pedroto morreu? como é que podes julgar uma pessoa pelo o que o filha da puta do teu inventa? vai de retro filho de um cão. era melhor o hagan não?

Re: Para mim...

lava a boca quando falares do Sr. Pedroto, fedelho imbecil. Vai limpar o ranho do nariz

Re: Para mim...

Para vocês o mundo era melhor sem o Pedroto, não era? ;)

Re: Para mim...

O teu miserável moralismo só tem paralelo com a teu tolhido intelecto de ressabiado. És grande...

aonde???

Após ganhar o Titulo de 1977/78

Disse" é uma grande felicidade para o NOSSO clube". Respeito. Um homem que marcou não só o FC Porto,como todo um País.Sem dúvida muito à frente no seu tempo,a tirada sobre os profissionais da altura,disto tudo.

Re: Viva, o grande Pedroto

O JUIZ OFICIAL do FCP ja ilibou uma vez o macaco por ter esmurrado um agente da policia num jogo de basket do porto, este caso entao é para dizer. Tragam mais uma saca de peanuts O líder dos Super Dragões, Fernando Madureira, também conhecido como «Macaco», fica hoje a saber o veredicto do tribunal quanto ao processo em que está acusado de resistência e coacção. Os factos remontam a 12 de Outubro de 2005 quando, junto ao Estádio do Dragão, Porto, elementos da PSP abordaram dois indivíduos (Adriano S. e Bruno M., também arguidos no processo) por suspeitarem que estes estavam a proceder à venda ilícita de bilhetes para o jogo FC Porto - SL Benfica que iria realizar-se quatro dias depois. Segundo a acusação, os indivíduos já estariam dentro do carro da PSP, para serem transportados para a esquadra, quando Fernando Madureira e membros da claque portista se aproximaram, alegadamente para impedir a actuação dos agentes, rodeando e empurrando os polícias e desferindo murros na viatura policial. Nas alegações finais, de 10 de Dezembro, o Ministério Público pediu a condenação de todos os arguidos envolvidos no processo, enquanto a defesa de «Macaco» pediu a sua absolvição. A leitura da sentença está agendada para hoje, pelas 13h30, nos juízos criminais do Porto.

Re: Viva, o grande Pedroto

estes, e outros que tal, iam todos dentro se fosse eu a mandar

Re: Viva, o grande Pedroto

o teu presidente protege-os..., e a protecao é reciproca. mas esse é um deus intocavel

Re: Viva, o grande Pedroto

Não clubizes uma questão global... eu quando falo de todos incluo todos os que usam a violencia como cartão de visita... ainda agora , um amigo meu depois do slbxfcp no McDonalçds à saida do estádio teve 20 NN atrás deles e apedrejaram-lhe o carro... um deles levou com uma pedra na cabeça e podia ter corrido muitomal... consegues desculpar isto só porque é do teu clube? isto para mim é uma coisa que me ultrapassa. e o sportinguista que morreu no Jamor? e os NN apanhados com droga numa casa na luz? Demolidor, isto é uma questão global, e enquanto aligeirarem e acharem que os outros é que são maus vai continuar assim... repito, e incluo os do meu clube, para mim ia tudo preso...

Re: Viva, o grande Pedroto

A ira gera o ódio, e do ódio nascem a dor e o medo.

Pedroto, o mestre...

Já ontei falei de Pedroto e não vale a pena repetir o que foi dito, mas já que o artigo pede estórias dele, aqui fica uma. Reveladora da sua personalidade, do seu olho cirúrgico e da forma como se movimentava no futebol com preocupações muito mais avançadas que os outros. Foi-me contada por José Neto, um mestre no futebol em Portugal e uma das pessoas mais acarinhadas e respeitadas por todos no nosso desporto. Uma pessoa extraordinára, uma forma de estar e uma capacidade motivacional fora do comum. Impagáveis foram as horas que passei a ouvi-lo falar, repetia-as todas com o maior prazer. Bom, mas contava então José Neto, uma ocasião, a história como chegou ao futebol profissional através do convite de José Maria Pedroto. Num congresso sobre futebol já não sei onde, há muitos e muitos anos atrás (era Pedroto treinador do Guimarães e José Neto estudante de desporto), da plateia surge uma pergunta inovadora para Pedroto. Mais ou menos isto: "Mister, qual é o grau de relação entre os treinos que efectua durante a semana e o contexto de abordagem táctica ao jogo que pretende ao fim de semana?" Admirado, Pedroto respondeu (na altura, acreditem que isto era uma pergunta muito inteligente) e no final veio falar com José Neto, convidando-o a aparecer em Guimarães. Chegado ao seu escritório cheio de medo e com 1001 perguntas para fazer, José Neto é confrontado com um Pedroto de uma humildade inacreditável e a perguntar-lhe tudo e mais alguma coisa sobre aquilo que ele achava do futebol que o Guimarães praticava. Depois, perguntou o que é que ele podia fazer pelo Guimarães e o que é que a análise estatística lhe dizia? Daí para a frente... ficaram sempre juntos, inclusive no Porto, onde Neto assumiu igualmente as funções para as quais tinha estudado: recuperador físico. Enfim... uma pequena estória, mas que fala de duas das grandes figuras do futebol português e da forma como o destino os cruzou. Acho que Pedroto era uma pessoa extraordinária e muito humilde. Quem estava sempre a fazer perguntas a toda a gente, pasme-se, era ele. E não o contrário... Que descanse em paz. Vê-lo recordado desta forma 25 anos após a sua morte... só pode ter sido alguém realmente diferente. Abraço, JC

Bom Treinador

No entanto deviam perguntar ao Presidente do Sporting, que na altura o quis contratar, porque que é que ele não aceitou as condições do Pedroto, condições que foram aceites pelo Pinto da Costa. Haverá alguém que se lembre do que se passou? gostaria de saber.

A homenagem dos boavisteiros

http://www.boavisteiros.com/index.php?option=com_content&view=article&id=916:o-mentor-do-boavistao&catid=1:noticias-recentes&Itemid=12#yvComment916

A Homenagem dos boavisteiros

http://www.boavisteiros.com/

O CR9 até tem uma certa razão...

Querem ver agora que Pedroto não partia um prato? Grande treinador? Sem dúvida! Mas o discurso que tem Pinto da Costa, hoje em dia, relativamente á guerra Porto/Lisboa, tinha-o Pedroto, na altura, de uma maneira bem mais vincada (tal como Pinto da Costa). Era bastante polémico e o CR9 não diz mentira nenhuma quando refere que o Pedroto tratou bastante mal alguns colegas de profissão. Apenas Mário Wilson lhe respondeu à altura. De resto, dos melhores treinadores portugueses de sempre.

Re: O CR9 até tem uma certa razão...

não sei o que lhe disse M Wilson, ou o que disse ele na altura, mas naqueles tempos o que era e ocmo era tratado o Porto? já agora o que disse ele e lhe disse Mario Wilson?

Re: O CR9 até tem uma certa razão...

Boas Kiko. Foi uma tirada bastante infeliz dos dois. Má educação acima de tudo. Pedroto referiu-se a Mário Wilson dizendo que este, como treinador era um palhaço, não tendo, no entanto, intenção de ofender os palhaços. Além disso chamou-lhe alcoólico e acusou-o de dopar jogadores. O Mário Wilson, ao contrário dos outros, respondeu e disse que para além disso só faltou chamar-lhe batoteiro incorrigível, ditador e desrespeitador para que Pedroto esboçasse o próprio retrato. Cumps.

Re: O CR9 até tem uma certa razão...

sim realmente, não primou pela educação. abraço e obrigado

Bem haja

foi um estratega, um homem de uma causa e de convicções, e que, a par de Pinto da Costa, rebentou com o centralismo no desporto, que vigorara durante quase meio século. Tem o meu eterno respeito.

O Mestre

Já não me lembro bem dele, mas deixou um legado à vista de todos. Foi com ele e Pinto da Costa que o FCP disparou para outro patamar. Primeira final europeia , em basileia, onde já não se sentou no banco. há uma frase dele, que na altura em que foi dita, diz muito dele como treinador, um treinador muito à frente: "O verdadeiro calcanhar de Aquiles do nosso futebol reside no simples facto de quase todos pensarmos que, quando saímos dos estádios, já não somos profissionais de futebol". isto dito há 30 anos é qualquer coisa de brilhante... palmarés: Como jogador: 2 Campeonatos Nacionais 1 Taça de Portugal 17 internacionalizações Como treinador: 2 Campeonatos Nacionais 5 Taças de Portugal 4 vezes finalista da Taça de Portugal. Seleccionador nacional (17 jogos, 03/04/74-30/03/77). Foi também o primeiro treinador com curso superior, passou tb por Boavista, Guimaraes e seleção Nacional... Um grande Homem


www.casasdeapostas-portugal.com