Selecção e o futuro | Relvado

Selecção e o futuro

 

pmaroque diz: "depois de uma vez nos
anos 60 (Mundial 66) e duas vezes nos anos 80 (Euro 84 e Mundial 86), Portugal
começou a ganhar hábitos de presença nas fases finais das grandes competições
(1996, 2000, 2002, 2004 e provavelmente 2006), tudo isto no pós-Mundiais de
juniores Riade 89 e Lisboa 91. Teve Queiróz e a sua equipa técnica de há 15
anos influência no nosso futebol actual ou existiram outros factores? Parece-vos
que estamos no bom caminho? Acham que temos condições para pensar que esta
dinâmica é para continuar? Temos nesta altura valores que nos permitam pensar
com tranquilidade no Euro 2008 e no Mundial 2010?"

Seleção:

Comentários [29]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Off topic!!Calma não sabem fazer contas!!!

A diferença do Fcporto e do Slbenfica é só de um dia mas se fizermos a contar vamos ver que..

As equipas no momento são:

Porto
Baía = 35
Sonkaya = 24
Pedro emanuel = 29
Ricardo costa = 24
César peixoto = 25
Ibson = 21
Luciano gonzalez = 24
Diego = 20
jorginho = 28
Lizandro = 22
Benny = 27

Suplentes:
Helton = 27
Pepe = 22
Meireles = 22
Hugo almeida = 21
Quaresma = 21
Postiga = 23

E a média é 24.411 anos

e uma convocatória do Slbenfica levaria:

Moreira,quim,Anderson,luisão,ricardo rocha,nélson e dos santos,Karyaka,beto,nuno assis,simão,geovanni,petit,manuel fernandes,karagounis,mantorras,nuno gomes,miccoli!!! É notório que esta equipa onde não vai fugir mesmo nada á que o Koeman levará para o resto do campeonato,é muito mais velha que a do Fcporto!!

O Slbenfica só tem 1 dia de diferença porque tem hélio roque,carlitos,bruno aguiar,etc mas não os utiliza enquanto no FCporto o Andriaanse utiliza quaresma,ricardo costa,ibson,diego,lucho,lisandro,etc...
Não Comparemos por favor!!
ABraços!!

Basta olhar para as Selecções jovens


Claro que teremos grandes equipas nas próximas competições internacionais.

Aliado à estrutura actual e aos jogadores das selecções mais jovens, iremos continuar a participação assídua nos Euros e nos Mundiais.

Não esquecer o ranking actual de Portugal, o que lhe permite ser quase cabeça-de-série dos grupos de qualificação, defrontando assim equipas de países mais fracos.

...

É claro que a geração de ouro teve grande contributo para o cimentar de uma posição forte no futebol europeu. Foi com ela que ficamos colocados em "potes" mais favoraveis, evitando outros tubaroes nos grupos de acesso às provas mais importantes.

Agora é dar um trabalho de continuidade, uma tarefa que nao parece dificil pois o potencial está todo lá, com jogadores de grande categoria a jogarem nos melhores clubes do mundo.

Falando do apuramento para o mundial 2006 na Alemanha, deve dizer-se que Portugal teve muita sorte no sorteio, pois está a jogar contra adversarios muito acessiveis. Até aquele que era suposto ser o adversario mais forte, a Russia, tem-se revelado muito fragil. Se nao nos apurassemos com este grupo, entao quando é que isso seria possivel?

Formação

É a palavra chave. A evolução do nosso futebol é real e não vai regredir porque é resultado de todo um trabalho de formação e de melhoria de condições de treino, quer a nível de conhecimentos dos treinadores, quer das condições de trabalho.
Se recuarmos apenas alguns anos, uns cinco anos, eram muito poucos os clubes que tinham treinadores habilitados a trabalhar com os miudos na formação, e também eram muito poucos os clubes que tinham formação. Neste momento a base de recrutamento é muito maior, e mesmo os clubes de aldeia já têm treinadores graduados e preparadores físicos licenciados.
Para além disso, embora ainda seja um trabalho em desenvolvimento, começam a ser cada vez menos os clubes a trabalhar em campos pelados. Cada vez há mais relvados, quer naturais, quer sintéticos, e este é um aspecto que também vem melhorar desde logo as capacidades evolutivas dos mais novos. Porque na relva o toque de bola é completamente diferente.
A nossa "geração de ouro" teve ainda a grande virtude de criar ídolos entre os mais novos e, neles, a vontade de crescer no futebol e tornarem-se, também eles, ídolos. E basta ver a quantidade de ídolos incontestáveis que o nosso futebol teve antes da geração de 90, grandes nomes como Eusébio, Futre, Chalana, Fernando Gomes e não me ocorrem muitos mais, e de 90 para cá temos Figo, Rui Costa, Deco, Cristiano Ronaldo, Ricardo Carvalho, Pauleta e outros para lá caminham. O nosso futebol está, definitivamente lançado, e o tempo em que eramos conhecidos no estrangeiro como uma equipa tosca, dura e sem técnica, já lá vai, felizmente.

O caminho para o Mundial 2006 está quase certo

Mas é necessário que na convocatória final estejam jogadores que actuem nos seus clubes e não sejam suplentes.

Moderação corrigida!

Então o rapaz dá a opinião sem ser mal educado ou nada que se pareça e leva um despropositado, porque?

Re:O caminho para o Mundial 2006 está quase certo

Mas o que é que isso tem a ver?

É por um jogador estar no banco que deixa de ser bom? Há quantos anos está Rui Costa no banco? E - se bem que felizmente não seja necessário - se ele quisesse ainda tinha lugar nesta selecção, pois mágicos como ele há pouco.

Como disse antes, felizmente temos outro mago (embora importado) que o substitui sem problemas nenhuns.

Dá-me o banco do Real Madrid qualquer dia em vez da equipa principal do Benfica... se calhar só com esses sete chegava para ganhar a liga portuguesa...

Queiróz e não só ele

Tiveram a sua influência nas prestações futuras, mas o trabalho de base pertence aos clubes sem eles não havia possibilidade de sucesso. E depois há também a questão da habilidade pura, jogadores como Cristiano Ronaldo, Quaresma, Moutinho, etc. podem ser trabalhados mas já nasceram com o dom natural dos predestinados.

O futuro parece-me auspicioso

A última pergunta é que me despertou interesse em responder ao artigo.
E essa pergunta é Temos nesta altura valores que nos permitam pensar com tranquilidade no Euro 2008 e no Mundial 2010?
Penso que sim e vou tentar de memória citar alguns jogadores que já estão na ribalta do futebol português e que em 2010 terão menos de 30 anos.
- JOÃO MOUTINHO
- CRISTIANO RONALDO
- HELDER POSTIGA
- QUARESMA
- HUGO ALMEIDA
- MANUEL FERNANDES
- RAUL MEIRELES
- BOSINGWA
- CARLOS MARTINS
- HUGO VIANA
- MOREIRA
- BRUNO VALE
Quase todos já internacionais A.
Dos actuais, falando apenas dos que jogaram ontem contra o Luxemburgo, poderão ainda disputar o Euro-2008:
- PAULO FERREIRA
- RICARDO CARVALHO
- JORGE ANDRADE
- DECO
- MANICHE
- SIMÃO SABROSA
Estes para além dos citados Ronaldo, Postiga e Moutinho.
Figo, Ricardo, Pauleta, Costinha e
Nuno Valente deverão fazer a sua despedida no Mundial 2006.
Mas há outros valores na forja para 2008 e 2010. E alguns deles ainda nem se ouviu falar muito deles.

Re:O futuro parece-me auspicioso

Bruno Vale e Hugo Almeida, estas convocações foram apenas uma brincadeira do sargento Scolari. Ele quiz mostrar a nós portugueses que quem mandava na selecção era ele e não o Pintainho da Costa.
Quem é que quer ver estes dois toscos na nossa selecção? Eu, não!

Re:O futuro parece-me auspicioso

E que interessa o que tu queres ou não queres?
Já li uma data de comentários teus a chamar tosco ao Hugo Almeida. Que capacidade tens tu para afirmares uma coisa dessas?

Lá no Alentejo

mais especificamente em casa do Noko, não se manja muito de Futebol... É o mínimo que pode dizer de alguém que chama perna de pau ao Deco!

Cumprimentos

Re:Lá no Alentejo

lost in action returns...wht's happen?

Re:Lá no Alentejo

lolada

Valores

Claro que temos condições reparem nestes jovens jogadores possiveis em 2008 ou 2010.

Na Baliza:
Moreira
Bruno Vale

defesa:
Zè Castro

Meio-campo:(grande qualidade)
Joao Moutinho
Tiago
Manuel Fernandes

Avançados:
Varela
Hugo Almeida

Não acham que temos grandes jogadores para as proximas competições?

Re:Valores

Depois de ler o teu comentario vi que Portugal parece nao produzir avançados de (espingarda) se sabem o que eu quero dizer.

Re:Valores

Com esses defesas todos, vamos ter que inventar um sistema de jogo completamente novo!!!

Re:Valores

Hugo Almeida? Deixa-me rir, esse gajo é um tosco!

Re:Valores

Um membro com -12 nao devia tar a dizer bons comentarios?

Meu Deus!!!

Bruno Vale, Moreira, Paulo Ribeiro, Mário Felgueiras, Tiago Gomes, Valdir, Jorge Ribeiro, Miguelito, Jorge Lopes,João Dias, João Pereira, Laranjeiro, Miguel Garcia, Miguel Veloso, Nani, Semedo, Pedro Ribeiro, Nuno Morais, André Marques, Gonçalo Brandão, Zé Castro, Amoreirinha, Ricardo Costa, Bruno Alves, Tonel, Bosingwa, Paulo Machado, Raúl Meireles, Custódio, João Alves, João Moutinho, Sérgio Organista, Hélio Roque, Hugo Viana, Manuel Fernandes, Carlos Martins, Márcio Santos, João Coimbra, João Vilela, Danny, Hélder Barbosa, Targino, Fábio Paím, Vieirinha, Davide, Manuel José, Filipe Oliveira, Quaresma, Cristiano Ronaldo, Ivanildo, Edgar Marcelino, Paulo Sérgio, Daniel Candeias, Hélder Postiga, Manuel Curto, Silvestre Varela, Hugo Almeida, João Moreira, Ricardo Vaz Tê, Cícero, Cristovão, Lourenço, Carlos Saleiro, Makukula e Pedro Oliveira.

Com certeza me estou a esquecer de muitos e a exagerar na qualidade de alguns enumerados, mas penso que todos os nomes em cima referidos são a prova dada de que, quanto a novos craques a despontar, não nos podemos queixar e a quantidade de matéria prima continuará a ser abundante!!!

Colocar as pessoas certas nos lugares certos.

Portugal sempre teve bons jogadores e grande selecções ao longo dos anos.
Mundial 1966 (Otto Glória)
Euro 1984 (Fernando Cabrita, A.Morais, Toni e José Augusto)
Euro 2000 (Humberto Coelho)
Euro 2004 (Luiz Filipe Scolari)
Mundial 2006 ? (Luiz Filipe Scolari)

O Facto de Portugal estar com grandes possibilidades de se apurar pela 4ª vez consecutiva se deve principalmente a 2 nomes : Humberto Coelho e Luiz Felipe Scolari.
Com Humberto Coelho a selecção brilhou no Euro praticando um futebol bonito e eficaz ao ponto de humiliar equipas tão poderosas como a Inglaterra ou a Alemanha, caindo apenas nas meias finais perante a França (outra vez) com uma mão imaginária do Abel Xavier.
António Oliveira foi o sucessor desta magnífica equipa e herdou assim de um conjunto recheado de talentos, chegar ao apuramento era coisa fácil nestas condições, Humberto Coelho já tinha feito o grosso do trabalho.
Temos que continuar nesta via e apoiar a nossa selecção e o Ricardo que é bom guarda redes como também o são Vitór Baia, Quim ou Moreira, mas não os considero superiores aos antigos Vitor Damas, Manuel Bento, Zé Beto, e até Silvino ou Neno.

Re:Colocar as pessoas certas nos lugares certos.

Esquecem-se sempre do "Pássaro Azul",Zé Pereira de seu nome de baptismo.Em 66 foi ele,um dos factores determinantes na classificação da nossa Selecção.É claro,nessa altura o Belenenses era um dos 4 grandes.Hoje é o que todos sabemos.Um grande Clube.Ou não fosse o meu clube de sempre.

Re:Colocar as pessoas certas nos lugares certos.

Pois pois o António Oliveira estragou tudo no tal mundial da coreia, que envergonhou a maioria dos portugueses com os frangos do Baia e os socos do João Vieira Pinto ao árbitro argentino(ainda me lembro dele a abrir a boca).
Esse Oliveira não percebia nada de táctica, no jogo frente à Coreia a equipa da casa, um jogo importante em que apenas um empate servia para passar à fase seguinte, Portugal acabou o jogo sem um único avançado no relvado, que miséria de treinador.
No México 86 houve o caso saltillo, no Coreia-Japão 2002 houve então o famoso caso com as putas.

Re:Colocar as pessoas certas nos lugares certos.

que frangos do Baia?
Os golos dos USA nao me parece que seja culpado e no ultimo jogo é graças a ele que nao se leva 4!

Re:Colocar as pessoas certas nos lugares certos.

realmente foi muito estranho o oliveira ter tido um fracasso para o apuramento do mundial com o escandalo no algarve com prostitutas "paula" com jogadores do fcp que bateram nelas e depois humberto faz um bom trabalho e é recambiado para oliveira voltar ..na altura baía estava no pior momento da carreira secretario estava afastado capucho idem e mais uns quantos do fcp ...ai se vê a influencia que o fcp têm no madail ...jorge costa capucho secretario e mais uns quantos acusaram nandrolona nos testes medicos e quem foi recambiado foi o quim e o kennedy ... nem se soube disto na altura ...coreia foi tudo um jogo de interesses ...ainda por cima o oliverinho ia pá noite experimentar as prostitutas asiaticas e chegava atrazdo aos treinos ...uma coisa inconcebivel...agora fazem toda esta pressão ao scolari pq? porque ele não lhe faz os favores mas os jornalistas já lixaram o nuno gomes ao fazer perguntas sobre tira o pé mete o pé ..e isto ainda vai dar barracada jornalistas da rtp sempre a fazer pressão denegrindo a imagem de uns protejendo as de outros!

Para voltar à calculadora não custa nada

As pessoas que não trabalhem árduamente, que não continuem a desenvolver a mesma dinâmica que a equipa de Carlos Queiroz e depois Agostinho Oliveira, Rui Caçador e outros utilizaram, que depois vão ver o quão depressa Portugal volta à calculadora.

Se nos temos dado bem com os ditos teóricos do treino, então há que continuar.

Re:Para voltar à calculadora não custa nada

Estás a reduzir isto ao mínimo, ao trabalho da selecção. É importante, sem dúvida, mas se nos clubes não se trabalhasse de forma diferente, então a selecção ia continuar a ter os mesmo problemas que teve até à chegada destas gerações, porque sem ovos, não se fazem omeletas.

Re:Para voltar à calculadora não custa nada

Aquilo que eu vi foi uma mudança radical na forma de trabalhar das selecções.
Neste ultimos anos temos estado no top das 10 melhores do mundo e a subir cada vez mais.
O que já não acontece com os clubes, que t^^em um papel importante , mas não tanto como isso, mormente nos séniores.
Caso contrário Coreias do Sul, Bulgarias ou Nigerias não tinham chegado onde chegaram nos mundiais.

Re:Para voltar à calculadora não custa nada

Há que separar de uma vez por todas as selecções de juniores ou sub20 com a selecção A, nada tem a ver.
Ainda não percebo como se fala ainda dos títulos conquistados pelos nossos juniores em 89 e 91, não é nada de extraordinário isso já aconteceu à perto de 16 anos, e campeonatos do mundo de juniores tem decorrido todos os dois anos, alguns até ganhos por equipas africanas. Onde está Portugal nisto tudo? Acontece que desde então nem sequer consegue o apuramento para algumas destas fases finais. E o que fez Carlos Queirós desde então? Pouco ou nada, ainda vive da fama dessas conquistas.

Re:Para voltar à calculadora não custa nada

Meu caro o que defendo que se mantenha é a forma de trabalhar nas selecções, nomeadamente na descoberta de novos talentos e na organização de torneios inter-associações, ond aequipa de Carlos Queiroz foi pioneira e que permitiu chegar a equipas como as de 89 e 91.
É esse trabalho que defendo a continuidade e que vai permitindo (juntamente com os clubes)a selecção principal ser refrescada de quando em vez.
É certo que há algum tempo que não ganhamos uma grande competição, mas mantemos presença nas partes finais de provas jovens importantes como o torneio de Toulon e campeoanatos da europa.
A base do trabalho de Carlos Queirós está lá toda.
Convem não a esquecer.