Que grande (des)governo! | Relvado

Que grande (des)governo!

 

Não sei, nem ninguém sabe se com Queiroz perto dos jogadores as coisas seriam diferentes e os resultados não seriam humilhantes! Contudo o que sei é que a responsabilidade de toda esta situação tem alguns nomes e que o dr. Gilberto, pela falta de liderança e pela forma como conduziu (ou foi conduzido) o processo, deve pôr-se andar e deixar a Selecção “limpa”!

Amândio de Carvalho, a “cabeça do polvo”, já lá está há tempo a mais, pois após Saltillo, também com uma Selecção chefiada por este senhor, empatamos na Madeira com Malta, portanto não é que este senhor esteja desabituado destas confusões e deveria ter deixado “limpa” a FPF depois de Saltillo, contudo ainda lá anda. Até quando?

Luís Horta, que até pode ser uma autoridade mundial na luta anti-doping e um bom técnico, não prestou um bom serviço ao país, deve meditar e ponderar em relação ao futuro.

O dr. Laurentino Dias, até este processo quase sempre omisso e durante este processo sempre tão interventivo e sempre disponível para antecipar os castigos do Prof. Queiroz, deve arrumar o seu gabinete e pô-lo à disposição do sr. Primeiro Ministro.

Carlos Queiroz foi deselegante e até mal-educado, contudo não disse nada que não seja linguagem, infelizmente, recorrente no futebol. Na minha opinião já não tem condições para continuar mas perante todo o enxovalho com que tem sido atacado na praça pública deve fazer valer o seu direito de defesa e concordo que recorra para o TAS.

Agostinho Oliveira é o menos culpado, mas quer se queira quer não é o rosto da desorientação por que passa a Federação e da má imagem deixada pela Selecção nestes dois jogos. Será que poderemos descer mais fundo?

PS: Aragonés não. Temos bons treinadores em Portugal.

Seleção:

Comentários [8]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

GRANDES BULGAROS

TAMBEM PEQUENOS E POBRES MAS COM MAIS VERGONHA NA CARA,,,,   PEDIRAM A DEMISSÃO TREINADOR  E DIRECTOR PARA O FUTEBOL ,,, NÃO FAZEM MERDAS PARA SEREM DESPEDIDOS E AGUARDAM QUE TAL ASSIM SEJA  PARA RECEBEREM O RESTO DO CONTRATO.........................  A COREIA DO NORTE  É QUE TEM RAZÃO  NÃO HONRRAS O TEU PAIS   ÉS CASTIGADO     ,,,      ESTA SEITA IAM TODOS FAZER TRABALHO COMUNITÁRIO DURANTE  1 ANO  LAVAR ESTRADAS  8 HORAS POR DIA  SEM €€€€ NÃO TINHAM DIREITO A  NADA   ,,,,,    PORTUGAL   A CIMA DE TUDO            C.Q.   É UM CHULO

PERTO DE QUEM

 perto dos jogadores longe deles ,,,,    o seu marco está por onde passou não ganhou  nada,,,   que treinador pode haver no mundo  que coloca a jogar  3  jogadores que ainda nem um jogo fizeram,,,,    ele quer ser despedido ....  SERÁ QUE NÃO CONSEGUEM  VER ISTO   ....  JÁ CHEIRA   MAL   ESTA MERDA

Queria o artur jorge e o

Queria o artur jorge e o antónio oliveira, nãa era?

Ainda bem que falas de Saltillo

Como foi triste ver Simões,no funeral de José Torres,acusar Amândio de Carvalho de todos os males do futebol português.Será que este ressabiado,já se esqueceu que dois meses antes esteve a "trabalhar" juntamente com o dirigente federativo?!! Memória de peixe,Senhor Simões???

 

 

Nova versão do Relvado e nova versão do Aveiras?!

Estava à espera de mais provocação e parvoíce pá, ou será que a Edição alterou-te o artigo?

 

Quanto às questões que falas, para mim é muito simples em Espanha o director desportivo da Selecção é Hierro, um ex-capitão da Selecção e homem ligado ao futebol durante toda a vida. Bem sei que não existem modelos perfeitos e o Amândio até pode ter qualidades, mas será ele o homem indicado para andar com os jogadores em estágio? Será a ele que os jogadores recorrem, quando precisam? Não me parece, acredito mais que a sua função seja meramente administrativa ou seja, é um bibelot que ninguém sabe para que serve mas que fica sempre bem...

 

Profissionalizem a FPF, arranjem uma estrutura forte e vão buscar homens do futebol e não homens que vivem do futebol.

 

De caminho, acabem com a merda das Associações de Futebol, que estão cheias de Amândios que só sabem viver às custas do poder que as Associações têm e reformulem tudo. Obriguem os nossos clubes a ter 5 escalões de formação com 90%  de jogadores portugueses e façam com que os seniores tenham que ter um mínimo de jogadores formados em Portugal. Aquilo que se passa com a Selecção, é o culminar de vários anos em que os grandes clubes (excepção ao Sporting) cagaram para a formação e preferiram os resultados imediatos.

Humberto Coelho em parceria

Humberto Coelho em parceria com Paulo Bento, estava a solução arranjada. Dois bons técnicos, de gerações diferentes, que dariam resultado.

 

Falasse em Paulo Bento...

...medo...

muito...

...medo