Vieira vai crucificar Jesus para salvar a pele? | Relvado
Lead: 

Tempo do Sp. Braga saborear um momento de grande exaltação clubística.

Tempo do FC Porto nã

 

O Sp. Braga está na final da Liga Europa por mérito próprio. No conjunto das mãos, nem se intimidou nem se deslumbrou. Assumiu-se como um colectivo. Tinha poucos jogadores disponíveis mas, nos últimos jogos, fez disso uma força.
 

Depois de um percurso notável (Lech Poznan, Liverpool, Dínamo Kiev, Benfica), mesmo considerando que caiu da ‘Champions’, em cuja competição somou 9 pontos na 1.ªfase (2 vitórias sobre Partizan e uma perante o Arsenal) após ter eliminado o Celtic e o Sevilha, o Sp. Braga procurou a sorte, exibindo ao mesmo tempo forte maturidade competitiva.


Na eliminatória com o Benfica mostrou, até, alguma dose de calculismo e pragamatismo, agarrando-se ao princípio de que, ao marcar ‘fora’, concorreria para dar um passo muito importante em direcção a Dublin. Assim foi. O golo de Vandinho, num jogo em que o Benfica não conseguiu impor-se de uma forma indiscutível, como precisaria, foi crucial. É verdade que a vantagem adregada pelo Benfica na Luz (2-1) não obrigava os ‘encarnados’ a marcar golos -- uma das suas especialidades. Mas, para isso, era preciso que o Sp. Braga também fosse inoperante. A partir do momento em que a equipa de Domingos chegasse ao golo, como aconteceu, sabia-se que iria ser muito difícil ao Benfica ‘dar a volta’ ao marcador. Cumpriu-se a previsão.


Não teve uma pontinha de sorte o Benfica, perante as oportunidades que conseguiu construir? É verdade. Mas não deixa de ser também verdade que, nessas ocasiões, o Benfica foi muito atabalhoado e, obviamente, ineficaz. Para além do simples facto de o Benfica nunca ter conseguido impor o seu futebol. Ao contrário de outras vezes, não foi autoritário -- e bastou ao Sp. Braga não perder o equilíbrio e a concentração para se superiorizar. E viver, agora, o seu tempo de grande exaltação clubística, com Domingos Paciência e António Salvador ‘na crista da onda’.

 

 

Final em Dublin -- finalmente uma ‘festa do futebol’ entre equipas portuguesas

 

FC Porto e Sp. Braga vão proporcionar em Dublin, finalmente, uma ‘festa de futebol’ portuguesa. Estamos precisados disso. Uma ‘festa do futebol’ sem incidentes, em que os vencedores saibam ganhar e os vencidos saibam perder e reconhecer os méritos de quem ganha. Pelas relações entre os dois clubes, estão reunidas as condições para que isso aconteça. Sem subserviências, porque nestes momentos o orgulho fala mais alto.

 

Dois  jovens treinadores portugueses na final, Domingos Paciência e André Villas-Boas. Dois casos de inegável brio e consistência.

 

O FC Porto é favorito, pelo futebol que tem apresentado. O FC Porto, repito, é neste momento uma das cinco melhores equipas europeias. Tem um ataque temível e jogadores de excepção: Hulk e Falcao, apoiados por um meio-campo operativo, são capazes de compensar alguma súbita arritmia. E que bem esteve Helton no jogo com o Villarreal!

 

E agora, Benfica?

 

Não foi preciso muito tempo para Luís Filipe Vieira anunciar que é preciso tomar medidas em relação ao futuro. Pediu desculpas aos sócios e vai encetar a fuga para a frente.

 

Vieira tem de assumir as suas responsabilidades. Não pode, como sempre, utilizar o treinador como escudo de protecção.

 

Despedir Jorge Jesus é uma tentação, mas se se podem pedir responsabilidades ao treinador do Benfica (claramente, não conseguiu dominar o balneário e optimizar o rendimento dos jogadores como o havia feito na época passada), não há como separar as responsabilidades do presidente relativamente aquilo que aconteceu com a equipa ao longo desta temporada.

 

Deu jeito a Luís Filipe Vieira utilizar Rui Costa como ‘escudo’ quando as águas na Luz ficaram agitadas. Depois, quando o ‘efeito Quique’ perdeu força, foi tempo de ‘assumir Jesus’ e, com ele, fazer a sua própria assumpção. O consulado de Vieira, mesmo em regime de forte investimento, viveu então os momentos de maior fulgor.

 

Não se pode ter a memória curta: foi com Jesus que o Benfica reconquistou o título; foi com Jesus que o Benfica voltou às grandes assistências; foi com Jesus que o Benfica voltou ao tempo do futebol-espectáculo; foi com Jesus que o Benfica valorizou os jogadores.

 

Um certo deslumbramento transversal à estrutura não permitiu que Luís Filipe Vieira tivesse a lucidez necessária para ajudar a fazer a transição que se impunha de uma época para a outra. Foram muitas as alegrias, os festejos, que levaram a um estado de ‘catarse positiva’, mas paralisante.

 

O Benfica comprou mal (nalguns casos) e noutros ‘não corrigiu o tiro’.

 

O Benfica não vendeu alguns jogadores no momento certo. Apenas Fábio Coentrão parece ter ficado ‘ligado à corrente’ de uma temporada para a outra.

Sem Di María, Ramires e David Luiz; sem Salvio (a partir de certa altura); com Gaitán ao pé coxinho; com Saviola irreconhecível; com Cardozo pisca-pisca; e com Roberto a ziguezaguear, era necessário que outros jogadores se impusessem. E aí se estabeleceu a diferença: para além da exaustão (física e psicológica), a segunda linha do plantel do Benfica não tem classe. Quem são os responsáveis?

 

Não vejo condições para Vieira assumir as suas responsabilidades, isto é, tirar as ilações necessárias e preparar com critério a próxima época, com os erros entretanto já cometidos. Se bem percebi o ‘aviso’ de Vieira logo após o jogo com o Braga, a tentação vai ser deixar cair Jorge Jesus. 

 

Vieira quer continuar no Benfica e vai defender a presidência contra putativos candidatos. E, para isso, é capaz de fazer tudo, porventura sacrificar, até, o ‘seu’ treinador, com uma alta factura para pagar. Mas se isso acontecer está visto que é a forma mais fácil (e injusta) de ‘salvar a pele’. Este é o momento de se reavaliar a dimensão de Luís Filipe Vieira. Porque a derrota em Braga pode ser, também, o reinício de mais uma ‘travessia no deserto’. 

(Rui Santos escreve de acordo com a grafia do português pré-acordo ortográfico)

Taxonomia: 
Rui Santos

Nova época na luz

Formar um Plantel para o Benfica da próxima época pode ser a equação mais dificil de resolver mas eu posso ajudar.Começando pelo Treinador Jorge Jesus este terá a sua ultima oportunidade é como na escola é o seu terceiro periodo.
Na baliza .MOREIRA;JULIO CESAR
DD MAXI;WASS
DE ANSALDI;CAROLE
DC LUISAO ;JARDEL;M.VITOR;G.MILITO
MDC JAVI;MATIC;NUNO COELHO
MC CHANTOME;CANALLES
MAC BRUNO CESAR;DAVID SIMAO; NICO GAITAN
MAD OBERTAN;CANDEIAS
MAE NOLITO;B.RUIZ
PL CARDOZO;AQUAFRESCA
AVA RODRIGO;JARA;OSVALDO ESP BARCELONA
Se Jorge Jesus sair então estou a Pensar em dois nomes Rui Faria e Luis Henrrique Barça B
LUIS HENRRIQUE PORQUE ESTA A FAZER UM CAMPEONATO ESPETACULAR e vai acabar o contrato.
Estes Seriam os mais baratos

Podendo Gastar dinheiro então opeteriamos por Rafa Benitez que foi campeão com o valencia 2 vezes.

Nota: Luis Henrrique vai treinar o Atletico Madrid anuncia hoje 12-05-2011 a Marca

Acho estranho

Acho estranho ainda o presidente do Slb não ter demitido o Jorge Jesus, não é por mal mas já falhou muitas oportunidades, não sei se será da equipa ou ele que está mal, mas haver mudança vai ter de certeza e é a única solução.

CRUCIFICAR!!!

Boa noite e cumprimentos. Pois eu não acredito até porque se calhar era mais uma grande machada nas finanças do SLB...Agora que o sr.LFV tem que reformular a sua forma de gerir o clube e deixar de dar carta
branca aos treinadores para fazerem o que querem no que respeita a dispensas e aquisições, disso não
tenho a menor dúvida. Já agora só dois exemplos, embora pudessem ser muitos mais:1- O Benfica tinha
contratado o Patrick e o Shafer e 2/3 semanas depois o sr. Jesus decidiu dispensá-los. A que propósito? E
se não serviam porque os contrataram??? 2-O sr. Fernando Santos pediu/exigiu a contratação de Luis Filipe
e o sr.LFV fez-lhe a vontade.Porquê? Se o sr. Fernando Santos não o quis no Sporting, eu presidente do SLB
ia fazer-lhe a vontade? Claro que não, embora pudesse tentar um defesa direito, se fazia falta mas L.Filipe
em princípio nunca. E está à vista o resultado...Claro que muito mais haveria para contar mas não agora.
Saudações desportivas e benfiquistas.F.Reis

LFV, como qualquer grande líder,

é inimputável !

Despedir Jorge Jesus...

Mas porquê ?
Então na época passada o JJ não era melhor do que Mourinho?
Então na época passada quando se constou que Pinto da Costa estava interessado nos serviços do JJ não foram logo a correr e fizeram novo contrato?
O culpado disto tudo se o JJ for despedido é do Pinto da Costa, pois já disse que o treinador para a próxima época é o André.
Mas meus amigos enquanto o orelhas estiver no Benfica é só promessas de que o Benfica vai ser a melhor equipa do Mundo, que para o ano vão ganhar tudo, enfim todos os anos é sempre a mesma coisa, quando se vê apertado vem com o Apito Dourado e esquece-se do polvo da APAF das escutar a escolher árbitros.
Continuo a dizer a mesma coisa:
-Não sei se Pinto da Costa fez o que dizem que fez, mas se o fez, não nem metade do que já fizeram ao FC do Porto.
Não se esqueçam que no antigamente só os presidentes dos três clubes de Lisboa é que poderiam ser Presidentes da Federação. Sabiam?
Eu sou do tempo do caso do Mister King e do famoso caso Calabote querem que vos avivem a memória foi no d Domingo 22 de Março de 1959, tinha 15 anos e estava a ouvir o relato, pois antigamente não havia TV em directo estávamos nos princípios da RTP a preto e branco bem e por hoje já me estão a doer os dedos de tanto teclar

Saudações (des)portistas

___________
Dragãoport

Mudança treinador

boas noites. Na minha opinião o LFV deve crucificar o JJ sem dúvída. JJ assumiu chegar a 3 finais e apenas conseguiu uma, e também lutar pelo título e viu-se o que deu...
em primeiro lugar acho que o benfica deve mudar de treinador e na minha opinião o mais indicado seria o scolari...
outro aspecto que na minha opinião tem de se mudar urgentemente são as contratações:
para que comprar-mos joven promessas que nunca ninguém ouviu falar, até poderão ser bons jogadores mas sempre levam 1/2 anos a adaptar e quando adaptam-se tem de sair pois não os conseguimos manter no clube... então acho que o melhor seria comprar jogadores acimaa dos 25 anos experientes a nível internacional e até os há ao preço que se compram as jovens promessas...
um aspecto que gostaria de realçar é a aposta nos jogadores nacionais, há poucos no plantel benfiquista, o 11 base este ano tem 1, pró ano talvez nenhum pelo que se lê...

Erros benfiquistas

Jorge jesus leva o Benfica ao céu época passada apesar de não ter ganho muita coisa época passada (campeonato e taça da liga) faziam um futebol espectáculo que entusiasmava qualquer adepto de futebol durante 90 minutos sempre a pensar em ataque sem tirar o pé do acelerador
Mas a transição entre a época passada e esta começou cedo com acrescentando juventude e contratando cedo os jogadores (airton,jara, kardec entre outros) mas o benfica vendeu 2 jogadores muito importantes (um equilibravaa equipa o outro desiquilibrava a equipa adversária) e depois outro que já estava com pensamento noutro lado e sai a meio da época

Das contratações Airton ainda não mostrou muita coisa Kardec parecia que ia entrar com o pé e cabeça quente época mas esfriou muito cedo Jara davam-lhe um reforço muito bom fazendo lembrar Lisandro Lopez o que é certo é que só o vi jogar bem nestas ultimas semanas e ainda não se parece muito com lisandro mas parece tem potencial para bom jogador mas como lisandro ainda tem de trabalhar muito mas para mim a pior foi o Roberto o Guarda-redes que iria dar vitórias na optica de Jesus é um guarda-redes muito inconstante tanto é capaz e utilizar o seu 1,95m para fazer um defesa impossivel como depois tem um saída em falso e deita o jogo a perder

Queriam ganhar a Liga dos campeões mas a Liga dos campeões cansa mais os jogadores e o benfica passou algum tempo sem ir lá e quando vai fica em 3º lugar e com o Lacazette(Lyon) a dar um ajudinha

Passando a fase má o benfica começa a dar fruto Salvio e Gaitan começam a introsar-se na equipa e começam a explodir pelas alas passaram cerca de 3 meses em vitórias atrás de vitórias como futebol muito ofensivo mas começam a cansar-se todos até que com o Portimonense tem de jogar co os reservas porque a equipa titular não dá frutos e os reservas são demasiados rascas para jogar tirando 1 ou outro empatam esse jogo pouco depois perdem com o braga

Começa o Inferno chamado Futebol Clube do Porto oferecem o campeonato ao FCP na Luz com uma derrota por 2-1 e passado poucos dias após ter ganho por 2-0 no Dragão Perdem na Luz 3-1 a equipa quebra e aposta tudo na Liga europa ultrapassam PSV`s PSG`s mas chega um colosso chamado Sporting Braga ganham em casa por 2-1 podiam ter dado 3 ou 4 mas o Braga com a sua atitude prática e até ás vezes cínica de jogo marca um golo na luz em quase a única oportunidade que cria
Estádio Axa estádio de onde sai Jesus e estádio onde assombra o seu benfica época após época Parece impressionante Jorge Jesus como treinador do Benfica perdeu todos os jogos no estádio dos Gverreiros do minho
SCBraga equipa em que não há estrelas apenas todos juntos são uma estrela muito viva e cintilante que todos se unem até indo buscar jogadores ao satélite porque não tem jogadores ultrapassa a "Super-equipa" marcando num golo de canto e ainda tendo muita organização empenho e sorte à mistura dita o Fim do sonho Europeu dos Benfiquistas

Após esta época onde apenas ganham a taça que menos importa que análise será feita continuará Jorge Jesus? Teremos um Benfica melhor na Próxima época?

Jesus foi cruxificado ha mais de 2000 anos.

E eu gostava era de ver o paralelo com Sir Alex Ferguson. Aqui ha 5 anos, quando o Chelsea deitou a Man Utd abaixo, era ve-los aqui em Inglaterra a pedir a cabeca do velho. Agora, com 3 finais da Champions em 4 anos, eh ve-los a fazerem-lhe venias.

Gente amorfa e sem cerebro sempre a houve. Mas quando sao esses a liderar eh que a porca torce o rabo.

O mestre da tática

Hoje é grande a frustração que sinto como adepto benfiquista, em pouco tempo somos humilhados em 2 jogos onde tinhamos vantagem na primeira mão. Não entendo algumas abordagens táticas e a forma como se estrutura a equipa para jogos onde se dispões de vantagem. Mais uma vez JJ volta a apostar num sistema de futebol que está falido. E digo falido porque? Como é que uma equipa pode ter bola quando não tem jogadores no meio campo capazes de fazer isso? Vou começar por abordar esta zona de campo porque julgo ser a mais importante. Actualmente o Xavi Garcia é um trinco à moda antiga, ou seja funciona basicamente como jogar de destruição e encosta-se demasiado aos centrais( não sabe sair com bola em posse) acabando por dar demasido espaço entre a 1ª linha de meio campo( fase de contrução) e a 2ª linha( fase de ligação meio campo-ataque). Logo a seguir vem o desamparado Carlos Martins que sente dificuldades em lidar com tanto espaço nesta zona, isto porque tem de interpretar o jogo com e sem bola, o que acaba por ser desgastante só para um unico jogador no meio campo. E agora eu pergunto, que equipa no mundo(refiro-me a equipas top) joga apenas com este sistema na zona intermediária? Porque é que JJ não possui no plantel um jogador na posição 8? Reparem na equipa do Porto que neste momento possui vários jogadores nessa posição( João Moutinho, Guarin, Ruben Micael, Beluchi). Actualmente e no futebol moderno, este tipo de jogadores são fundamentais porque dão equilibrio defensivo e sabem jogar com e sem bola.

Logo de seguida, e como se não bastasse ter estas dificuldades, o mestre da tática insiste em jogar com 2 avançados, um na zona de finalização( Cardozo) e um a jogar entre linhas( Saviola). O ultimo, tem um papel fundamental nesta tática suicida do JJ, tanto que, quer ande em campo ou não tem de jogar sempre! E, como está completamente em baixo de forma, não consegue ser importante para dar opção passe, como não consegue finalizar jogadas, isto quando o benfica tem bola. E quando o benfica não tem bola? simplesmente não defende a zona da primeira fase de transição defesa-meio campo, acabando por se notar um espaço enorme no zona intermediária.

Já me alonguei no comentário e peço que o Senhor Rui Santos aborde a questão estratégica que o JJ apresenta sempre, já que a teimosia parece não faze-lo pensar que existem planos b.

+1 000 000.

"Rui Santos escreve de acordo com a grafia do português pré-acordo ortográfico".

MAI NADA.

ATÉ QUE ENFIM.

CHEGA DE CORDEIROS ESTÚPIDOS.

Infelizmente estas atitudes

Infelizmente estas atitudes reflectem a cultura futebolistica portuguesa (pouca ou nula), para justificar os desaires, responsabiliza-se o que é provavelmente o menos responsável. Jorge Jesus já provou que é um bom treinador e sem ovos não se pode fazer omoletes.A equipa do Benfica está em défice e também foi azarada com a lesão de salvio que é uma pedra fulcral no ataque do Benfica.
Só acho ridiculo o presidente e treinador no ano dizerem que o Benfica vai marcar uma nova era de conquistas e agora como é natural são alvo de chacota e de gozo.
Neste aspectos admiro o futebol inglês, sabem respeitar o desporto e admiram um bom jogo de futebol independentemente que a sua equipa perca, muitas vezes batem palmas à equipa adversária.
Mais ridiculo é Luis Filipe Vieira vir pedir desculpas aos adeptos, que no meu ponto de vista mostra uma enorme falta de respeito ao trabalho que o Braga está a realizar, não assumindo que o Braga teve mérito.Parabéns Braga pela fantástica campanha.Quanto ao Benfica sótenho a dizer:Deixem-se de encenações

JOrge Jesus e Luis Filipe Vieira

é facil encontrar os responsáveis por uma época desapontante do Benfica.
O Primeiro será sempre o seu Presidente e o Segundo o seu treinador. Isto parece um "Cliché" mas desta vez acenta que nem uma luva.

Luis Filipe Vieira é responsável porque continua a a assumir pastas (como as do futebol) para as quais não está minimamente habilitado ou preparado.

Jorge Jesus, que conseguiu o titulo de "catedrático", mas apenas da arrogância, falta de humildade e da burrice.

Burrice, porque desde o inicio desta temporada não soube gerir tudo o que de bom lhe tinha acontecido anteriormente. Qualquer treinador do Benfica, que jante e veja jogos ao lado de Pinto da Costa põe-se a jeito para todas as criticas...e na minha opinião, justas.

Arrogante, porque se esqueceu que não foi ele a ganhar o titulo de campeão o ano passado, mas sim o Benfica. O Benfica terá a agradecer a JJ pelo bom trabalho do efectuado a época anterior, mas mais terá o JJ a agradecer ao Benfica. Arrogante também porque nunca foi capaz de reconhecer os erros que cometeu, desde má preparação da época, ás calinadas tácticas que repetidamente foram aparecendo... O segredo de Jorge Jesus, do ano passado, foi a humildade e a vontade de vencer.

Para bem de Jorge Jesus e também do Benfica, seria bom que ambos continuassem a colaborar na próxima época, mas com a convicção que os lugares não são garantido e ninguém nesta vida é imprescindível

Tempos de Mudança

Na minha opinião ontem assistimos á queda do paradigma e modelo que foi implantando de no minimo ha 2 anos para cá no clube Benfica. E ai está este termo que utilizo Clube é isso que o Sport Lisboa e Benfica é um clube e não mais que isso um Clube como todos os outros clubes espalhados por esta Europa fora um Clube como os restantes outros 2,3 grandes Clubes em Portugal e não mais que isso.
Mas o Modelo o paradigma dominante no Benfica e que está agora em declinio baseou-se em outras permissas e ai é que foi o erro estratetegico do Benfica o Benfica quis ser mais que um simples Clube de Futebol quis substituir a selecção Nacional quis ser um simbolo de um Grupo de portugueses,quis ao fim ao cabo dividir o pais quando o presidente do Benfica disse que Benfica era Portugal e eu pergunto e os portugueses que não são adeptos do Benfica são Bielorrusos??? os portugueses sportinguistas,Bracarenses,portistas,vitorianos de setubal ou de guimarães os maritimistas etc não benfiquistas não seriam portugueses??? o Benfica usando e tendo ao seu dispor (pois para mim é uma evidencia) uma Grande Maquina Comunicacional com Bons Gestores de comunicação entendidos em Politica em Marketing Politico etc fez passar a voz do Benfica e a mensagem da Euforia da Exaltação da Demagogia das Promessas Faceis do Deslumbramento em diversos Meios de comunicação através de Comentadores Fazedores de Opinião (uns de uma forma mais subtil outros de uma forma mais directa) que tinham como objectivo não fazer analises Objectivas e Imparciais sobre os fenomenos futebolisticos mas sim Elogiar manter em Alta os Indices de euforia colectiva do Benfica, ou seja, enquanto as mensagens dos clubes de futebol como o FCP o SCP ou o SCB ou outro qualquer são estancadas e facilmente abafadas a mensagem do Benfica fazia-se e faz-se Ouvir não só pelos seus dirigentes não so pelos seu Canal mas por varios comentadores e jornalistas que deram ao Benfica um tratamento previligiado e preferencial durante estes tais 2 anos.
Mas como tudo na vida tem custos e consequências e esta estrategia este Paradigma do Benfica que no meu entender já se previa precoce acabou por ruir com a mesma facilidade que surgiu e teve consequências preversas que criou uma nova configuração no mundo futebolistico portugues porque acima de tudo o Benfica substimou e muito a inteligencia e capacidade dos adversarios e restantes intevenientes no Mundo do Futebol e ha 2 anos para cá começamos assistir a um fenomeno interessante que é que o Benfica criou demasiados anti-corpos no Mundo do futebol criou muitos problemas com muitos clubes começou a não ser bem-vindo a certas cidades e a certos clubes onde dantes era bem recebido porque a realidade não é algo estanque a realidade é movel e altera-se .
Isto para dizer que este Modelo Histerico Benfiquista baseado em muitas coisas mas baseado num principio basico que pelo facto de ter mais adeptos tem de ter mais privilegios e que so por ter mais adeptos isso chega para vencer jogos acabou de Falir e insistir neste modelo será o suicidio para o Benfica.... o Benfica só dará a volta por cima quando fazer uma introspecção e verificar que o Benfica é só mais um clube Grande em Portugal e que a realidade muda é um clube Grande em Portugal em igualdade de circunstancias com os outros clubes só quando o Benfica fazer esse processo essa mudança de paradigma é que o Benfica poderá tentar lutar de igual para igual numa possivel sucessão ou mudança de ciclo hegemonico no mundo do futebol e acima de tudo o Benfica o seu Universo e a sua voz que se faz Ouvir por dezenas de vozes espalhadas nos Media tem de entender que tem de respeitar o Espaço e as decisões dos outros clubes.... tem de entender que o FCP tem todo o direito de ter o Presidente Pinto da Costa como seu lider porque o Pinto da Costa tem as condições legais para o ser e tem de respeitar isso e pensar que o Pinto da Costa não é Prof.Carlos Queiroz e que não é expulso do FCP atraves portas e travessas o Benfica tem de deixar-se disso e aceitar a auto-gestão e as decisões do FCP goste ou não goste. Tem de aceitar que o SCP tem o direito como clube de convidar quem queira para estar nas suas tribunas a ver jogos tem de aceitar que o SCP trate o FCP como gente ou que faça negocios de direitos televisivos com quem quiser.... tem de aceitar que o Nacional ou Sp.Braga tenham boas relações institucionais com o FCP ou seja tem de respeitar o espaço dos outros e entender que não é mais que os outros que não é Portugal e mais que não é Dono da Verdade e não é por ter mais adeptos e controlar(entre aspas) as tendencias da Comunicação social que poderá alterar aLivre-vontade dos outros clubes. E so quando o SLB aceitar esta realdiade mudar este Paradigma de arrogancia propaganda face aos outros é que na minha opinião terá condições para se sustentar como uma equipa um Clube vencedor a longo prazo.
É porque este caminho do SLB não se traduziu em mudança nenhuma concreta a nivel da hegemonia do futebol português o Benfica foi campeão o ano passado na ultima jornada com 4 pontos de vantagem face ao 2º classificado apos o FCP vir de um Tetra campeonato e este ano acaba a epoca como está acabar vencendo apenas a taça da Liga e o pior é que olha para a frente para o futuro e ve-se a braços com uma realidade muito indecisa e pouco definida porque não vejamos:
Cenário 1:
Jorge Jesus continua no SLB sem praticamente margem de manobra ao minimo deslize é posto em causa e com a responsablidade de não manter o mesmo modelo de futebol e de comunicação que teve até aqui;resta saber as relações no seio do balneario;
Cenário 2:
Jorge Jesus sai vem um Novo treinador nova liderança é uma icógnita;

Outros cenarios:
O Presidente do SLB poderá ser sujeito a eleições
Para não falar da posição do proprio Rui Costa

Uma coisa é certa no plano desportivo a equipa do SLB ira sofrer muitas alterações irão sair bastantes jogadores penso que isso é obvio haverá uma reestruturação no plantel da equipa ou seja, Jorge Jesus ou outro treinador terá de refazer um Novo 11 pois no meu etender poderão sair bastantes titulares do 11 criar nos mecanismos etc ao contrario pelo que parece o FCP irá manter a espinha dorçal da equipa e sabemos que isso para o FCP vale e vale muito....
No meu ponto de vista o FCP tem agora as condições necessarias para solidificar ainda mais o seu poder e hegemonia no plano desportivo do futebol portugues....

Resumindo:
O Golpe de Estado Benfiquista e uma possivel revolução por muitos apregoada o ano passado saiu forada e pior fortaleceu ainda mais o FCP que arrisca-se a fazer a vencer de novo um titulo europeu juntando já ao campeonato e sem esquecer da taça de Portugal....resta saber se os Comentadores dos Media portugueses irão conferir esse suposto sucesso apenas ao treinador André Villas-Boas esquecendo-se da estrutura como fizeram com o Mourinho até parece que o Mourinho seria que é se não tivesse estado no FCP, pois não era no SCP ou no SLB que o Mourinho iria vencer 2 titulos europeus seguidos e projectar-se para a Europa do futebol....

Cumps a todos
Viva a Liberdade de expressão

Pois é

Dentro do mercado Nacional, neste momento só vejo 3 técnicos que podem substituir JJ: Paulo Bento, Manuel José e Fernando Santos. Mas por outro lado, se o Benfica mantem JJ no comando arrisca-se a ficar em terceiro lugar no campeonato, pois Domingos Paciencia é muito melhor treinador e Vilas Boas é de outro planeta. Assim o melhor é o Benfica referenciar um treinador com provas dadas. Se não conseguir então deve manter o JJ para lutar pelo 2º lugar do campeonato, pois enquanto o Vilas Boas se mantiver no Porto acho que o ceptro de campeõ está atribuido.

Esse endeusamento de Vilas Boas leva-me a concluir

que, se se mantivesse na Académica, esta em breve estaria a disputar o título...
Se sem ovos não se fazem omoletas, é verdade que a qualidade do cozinheiro determina a qualidade da confecção, certo?
O que quero dizer é que o Porto, este Porto, seria sempre campeão, mesmo que o treinador fosse...JJ!

Ser lider é ver + além

Agora toda a gente vem bater no J.J., mas o desastre já se adivinhava. Ainda antes do jogo em que o Benfica foi eliminado para a Taça eu dizia a amigos meus benfiquistas, que o Benfica deveria despachar o JJ no final desta época e ir buscar o Domingos. Às xs para quem está de fora demora algum tempo para fazermos a correcta avaliação de um treinador, mas não para quem está dentro. No entanto ficou evidente esta época que o Domingos é muito melhor treinador que o JJ, e aquilo que foi claro esta época é que por exemplo o Domingos consegue gerir muito melhor o balneário e consegue ser muito melhor a jogar contra equipas de nível da Champions, é um treinador em todos os aspectos muito + completo do que o JJ, que apenas consegue por a equipa a jogar num sistema, para o qual se não tiver jogadores não consegue fazer nada. O JJ foi um bluff que durou uma época! Agora o LFV não é um bom presidente, as escolhas que faz são sempre ditadas por influencias externas nunca pela sua cabeça, parece ser um presidente sempre à procura de votos e que decide a consoante a maré, não é líder segue correntes de opinião, por isso nunca chegará aos calcanhares do Pinto da Costa

se não querem

Se não querem deem o Jorge Jesus ao meu Sporting, para mim é um grande treinador, o Benfica á muitos anos que não apresentava um futebol tao vistoso e tão alegre o Benfica é a equipa que em Portugal mais ao ataque joga com maior tempo de posse de bola, problema do Benfica foi ter um começo de época desastroso dei o ouro ao bandido, a partir do momento que ficou longe do titulo ainda mais se afundou e viu-se bem nos jogos com o Braga uma notória força animica, conclui que Jorge Jesus é um grande treinador se não o querem deem ao meu Sporting aliás o JJ é Sportinguista do coração

Fazer carreira com sound bits, comigo não!

Lá está o Rui Santos a fazer o mesmo que os colegas que já o ouvi criticar. Aproveitar as declarações de Luis Filipe Vieira para capitalizar audiências e ao mesmo tempo fazendo prognósticos surreais(também aqui se conquista a verdade desportiva), isto não tendo em conta as suas conclusões apoiadas em pequenos excertos dos factos onde a sua adjectivação roça o insulto. É por isso que deixei de adquirir jornais desportivos à excepção da heroina do "jornalismo" desportivo, a Leonor Pinhão com a qual pontualmente e de forma salutar discordo. As interpretações possiveis das declarações de Vieira são inumeras, por isso aguardo em local proprio(2ª feira na Benficatv) esclarecicimento e não justificações ou desculpas pois isso é para quem só vê a espuma da onda. Espero sinceramente poder continuar a comentar neste sitio, que me parece de muito potêncial mas como não recorro ao insulto, apenas posso dar audiência aos meios de informação que me respeitam enquanto individuo minimamente inteligente e de capacidade critica.

Leonor Pinhão?

Quando chama heroína ao Bin Laden benfiquista já percebi igualmente o que para si é "salutar".
Estamos conversados e identificados. A tal que queria ver como era jogar com um árbitro estrangeiro a apitar...

Essa Leonor Pinhão é

uma que tenta copiar o humor do pai e que um dia escreveu (A Bola) que "qualquer penalti a favor do Benfica é sempre bem marcado e que, se for contra, é sempre mal assinalado"?

Parece-me Injusto

Concordo com o texto escrito em relação ao Benfica, a tentação do Luis Filipe Vieira em despedir o Jorge Jesus é grande, mas mais uma vez não vai resolver nada.

Os problemas do Benfica são bem acima do treinador e do balneário, está em quem manda, que época após época continua a cometer sempre os mesmos erros.

Não se pode permitir a uma equipa como o Benfica que saiam jogadores importantes a 1 dia do fecho do mercado de versão sem que estejamos devidamente precavidos para os substituir, não estou a dizer que não se venda, não, o futebol é cada vez mais um negócio onde os clubes necessitam de dinheiro para sobreviver, mas devem fazê-lo com cabeça, perdemos o Ramires em cima do fecho de mercado e quem tínhamos para o substituir? Ninguém.

Nisto o treinador, seja ele qual for, não tem culpa, assim como não tem culpa de perder o melhor central que tinha no mercado de inverno mais uma vez em cima do limite, e o melhor que arranjamos é o Jardel que vem do olhanense.

Uma equipa que se diz ‘A melhor equipa do mundo’, ‘A maior equipa do mundo’, não pode nem deve estar contente de ganhar 1 campeonato de 5 em 5 anos, e aqui é que está a grande diferença para o nosso grande rival dos últimos anos, a mentalidade que entrega aos seus jogadores, quando entram naquela casa, não podemos permitir que jogadores pagos a peso de ouro, lá por terem sido campeões 1 ano, serem os melhores marcadores do campeonato, terem sido aumentados no final da época, vir época após época dizer que querem ir embora, ter performances desastrosas e ninguém fazer nada, aqui sim é que o presidente tem que intervir, puxar-lhes as orelhas, fazer o que for preciso para que estas situações não aconteçam, aqui a culpa não é claramente do treinador mas sim de toda a sua estrutura, penso que temos muito a aprender e mudar muitas mentalidades que estão agarradas ao passado.

Esta época tem sido um equívoco e as únicas coisas que possa apontar ao nosso treinador, é a sua ‘teimosia’ pela contínua insistência na utilização do Roberto, do César Peixoto, pela má gestão do plantel no final da época que penso muito tem contribuído para estes resultado, pela sua postura pouco profissional, após ter sido campeão nacional pelo Benfica, vai assistir à final da taça de Portugal ao lado do líder do clube rival? Isto não pode acontecer.

Algumas pessoas podem achar que já são muitos pontos a apontar ao JJ, mas mesmo assim penso que deve continuar o seu trabalho, porque despedi-lo não vai resolver o problema, por achar que em Portugal é um dos melhores, lá está é tudo uma questão de atitude, na época passada entrou da melhor maneira possível, dizendo aquilo que os adeptos queriam ouvir, ‘vamos jogar o dobro’, ‘vamos ser campeões’, esta época foi o que se viu.

Agora atenção é preciso empenho, acertar nas contratações e não contratar por contratar como tem acontecido na presente época, emprestando se calhar alguns bons jogadores que teriam lugar de caras na equipa do Benfica, por exemplo estou a lembrar-me de momento do Urreta.
Espero sinceramente que tenhamos aprendido com os nossos erros, em principal o nosso presidente, e aqui estou à vontade porque fui um dos muitos que lá o colocou, tenha aprendido a lição e não vá em pressões para despedir o elo mais fraco, que é sempre o treinador.

Benfica sempre.

Permite-me que te diga:

a herança de Quique durou um ano...

Analise a Frio.

Boa tarde.
Já o disse e volto a dizer, as responsabilidades do fracasso e da vergonha, esta temporada, começam nas más contratações para o plantel, culminando com a "ausencia" de um preparador físico, será que o Benfica tem algum!! se tem...não sabe o que faz, e com um plantel muito podre em qualidade, em Braga o que se viu do Benfica, foi apenas isto; O Fábio Coentrão e mais 10. Se todos jogassem e tivessem a atitude e qualidade do Fábio, o Benfica, não estava onde está, e não sofria as humilhações que tem sofrido.
Gasta-se milhões em jogadores que não se conheçem de lado nenhum, e nem se conheçe a sua qualidade, o que fazem os olheiros do Benfica! Muito há a mudar, a começar pelas contratações.
Não me venham cá dizer que o mercado europeu, é muito caro, é verdade que sim, mas se queremos uma equipa com garantias de sucesso há que investir na qualidade, e não em resmas de jogadores oriundos das américas, sem qualquer prova de qualidade. Os milhões que já se gastaram em resmas de jogadores, dava para comprar menos, mas melhores jogadores. E já nem falo nos emprestados, ... que é outra equipa do Benfica, de contratações falhadas. (Yebda, Urreta, Yartey, Elvis, Fredy Adu, enfim...é um rol que nunca mais acaba..) é isto uma boa politica de contratações!!! e de gerir os milhões!!! não culpem apenas o Treinador.
Culpem o plantel que pouca qualidade tem, e culpem sobretudo a direcção, que não sabe fazer contratações de qualidade.

Timing

Não existe meio termo na questão do comando técnico do Benfica. Ou fica ou vai embora e se a opção for esta última então deve ser de imediato, para assim poder dar condições e sobretudo tempo a um novo treinador.
Despedir Jorge Jesus mais tarde não altera nada esta época e vai isso sim começar a por em causa a próxima temporada.

Senhor Rui Santos, escreve-se

Senhor Rui Santos, escreve-se assunção e não assumpção.
Faça favor de confirmar:

http://www.ciberduvidas.com/pergunta.php?id=1308

leste a ultima linha do artigo?

(Rui Santos escreve de acordo com a grafia do português pré-acordo ortográfico)

ah ah ah

então o brilhantinas men não sabe português?ah ah ah ah

the joke is on you

Assim se apanha quem não lê os artigos até ao fim e vai na conversa dos outros.

(Rui Santos escreve de acordo com a grafia do português pré-acordo ortográfico)

Um fim anunciado...

A situação do SLB é muito complicada, após um rotundo falhanço no Campeonato, na Taça de Portugal, na Champions League, na Supertaça e ontem na Liga Europa.

Jorge Jesus o ano passado conseguiu levar a nação Benfiquista ao rubro, a equipa jogava bem, ganhou o campeonato e acima de tudo teve mérito mas a euforia desenfreada foi a armadilha aonde se deixou cair.

O auto proclamado Catedrático adoptou um discurso demasiado optimista roçando por vezes uma enorme arrogância, esquecendo-se que o mais difícil não é chegar mas sim manter-se no topo num ciclo de vitórias.

Este ano foi claro o mau planeamento da época e na minha perspectiva o factor ainda mais determinante foi a questão física, o modelo de jogo adoptado por Jorge Jesus pode ser espectacular, pode empolgar os adeptos do Benfica mas impõe um enorme desgaste físico devido ao ritmo frenético.

A procura incessante do Golo sem gerir os momentos do jogo tem estes riscos, este ano o Benfica quebrou fisicamente e para além disso as lesões de alguns jogadores foram determinantes. Outro ponto importante é a qualidade deste plantel, existem 11 ou 12 jogadores de bom nível mas não existe soluções no Banco e nestes últimos jogos foi evidente a falta de qualidade da segunda linha do plantel, jogadores como Filipe Menezes, Kardec, César Peixoto, Airton, Luís Filipe, não dão garantias em conseguir substituir os habituais titulares.

A Administração da SAD também têm responsabilidades, as saídas de Di Maria, Ramires e David Luiz não foram devidamente compensadas e ontem foi o culminar de uma época desastrosa na qual corre o risco de ficar a mais de vinte pontos do FCP, tornando-se um novo recorde num campeonato com 3 pontos por cada jogo em disputa.

Sinceramente não vejo como será possível manter Jorge Jesus como treinador, mais do que perder todas as competições importantes foi a maneira como as perdeu e nesse aspecto a meia final da Taça de Portugal foi a gota de água, perder em casa quando tinha conseguido uma vantagem de 2-0 no Dragão é praticamente imperdoável. Ontem na conferência de imprensa foi notório a fragilidade de Jorge Jesus, de cabisbaixo e negando as evidências, ontem o Braga foi mais bem organizado e acreditou mais que a equipa do Benfica.

Luís Filipe Vieira tem uma árdua tarefa pela frente e será muito difícil conseguir resistir a tentação em demitir Jorge Jesus!

Ilusão

Eu acho injusto crucificar Jesus (outra vez?), mas não posso deixar de fazer a seguinte reflexão: é verdade que o SLB foi brilhante em muitas fases da era Jesus. Mas também fica claro, ao fim deste tempo, que
1) Jesus tem um problema grave de gestão do planeamento da época em termos de cargas de treino e gestão do plantel. É penoso ver como a equipa se arrasta (é o termo) no campo. Isso já se tinha visto o ano passado no último terço da época que levou ao descalabro em Liverpool, à derrota no Dragão e ao sufoco final para ganhar o campeonato na última jornada ao Braga. Não era (só) ironia a afirmação de Pinto da Costa que seria mais fácil ganhar ao SLB na final... E exemplos deste ano do mesmo problema não faltam. O jogo de ontem é só mais um.
2) Em termos tácticos o "Mestre da Táctica" só tem uma táctica, ou seja, não tem plano B. E isso é a demonstração clara das insuficiências de JJ e, em último termo, da sua falta de perfil para treinar equipas de topo (já não falo dos problemas de comunicação...).
Por estes 2 motivos julgo que até pode fazer sentido pensar em mudar de treinador, mesmo num contexto com este, Mas o problema do SLB (que é, afinal o mesmo do Sporting) vai continuar: ambos não sabem (é o termo) gerir a mudança, assegurando a continuidade de resultados. Podem ir ganhando 1 campeonato aqui e ali, mas isso acaba por ser uma curiosidade estatística num mar de vitórias azuis e brancas.
No desespero, resta a manipulação da comunicação social e os boatos, de que o triste episódio do artigo da Marca desta semana é um claro e infeliz (mais um...) exemplo.

A acontecer será um erro!

O Benfica tem um bom treinador e bons jogadores. Não serão os melhores do mundo, mas são bons, acima da média mesmo.

A equipa do Benfica teve a baixa de forma demasiado tarde na época, na altura das grandes decisões.

A baixa de forma deve acontecer mais cedo, entre Dezembro e Janeiro (precisamente quando esteve no melhor), para depois se subir novamente na ponta final.

Começou mal a época e teve que correr atrás do prejúízo. É notório o mau momento de bons jogadores, que não deixam de o ser por estarem num mau momento: Cardozo, Saviola, Gáitan, Maxi, Martins, Javi...

Planeiem melhor a próxima época, pois estas coisas são planeáveis e até previsíveis, não se pode chegar à fase decisiva da época sem jogadores capazes... Faltou um plano B que pudesse fornecer as segundas linhas em melhores condições.

A equipa foi sendo espremida depois de engrenar (com Sálvio e Gáitan em grande) e com o objectivo de recuperar terreno, não houve espaço nem tempo para mecanizar as segundas linhas. Jara talvez tenha sido a excepção, mas não se pode exigir mais na época de estreia.

Dezembro, Janeiro e Feveiro foram muito bons, mas logo em Março entrou em queda sem que aparecessem soluções. A "saída" de Sálvio e Gáitan foram as machadadas finais.

Despedir Jesus será, na minha opinião, desastroso. Há que pensar já na próxima época, manter os melhores (excepção ao Coentrão que já deverá estar vendido e incluindo o Sálvio) e comprar bem e cirurgicamente (avançado, central, laterais, o médio Bruno César será suficiente?).

O Jesus em futebol ofensivo é muito bom. Parece falhar, quando a equipa não pode ou não consegue jogar assim e precisa de jogar em contenção (excepção feita ao 2-0 no dragão onde também teve a sorte do jogo). O trabalho psicológico dos jogadores também tem que ser melhorado, pois ontem foi clara a maior vontade dos jogadores do Braga e o amedrontamento e ansiedade dos jogadores do Benfica.

Depois “aparece” Roberto, que quanto a mim não é culpado, é também vítima do mau jogo da equipa. Alguém falou no Roberto quando foi feita uma série de 18 vitórias? É excelente entre os postes, precisa de melhorar nas saídas. Tem 24 anos e pode e deve ser trabalhado. Hélton esteve sempre em grande no Porto? Quem segurou o Patrício na primeira época no Sporting. Ok, não custaram 8 milhões é verdade… e por isso Roberto é crucificado.

Arrisco-me a dizer que o Jesus será o treinador ideal para o Benfica, pois consegue por a equipa a produzir um futebol que esgota o estádio mesmo estando em segundo lugar. Precisa de corrigir alguns aspectos, mas para isso não pode ser despedido na segunda época. Também precisam de melhorar os “outros” da estrutura, quem decide quando e como se pode comprar e vender, e de que forma isso influencia os objectivos desportivos.

Se o Benfica arranca mal, a

Se o Benfica arranca mal, a pressão será imensa ... JJ Out. :-)

Boa análise

Creio somente que Cardozo deveria igualmente ser transferido se surgisse uma boa proposta.
Convém também não te esqueceres que, para além de Bruno César, o SLB já assegurou Nolito, Wass, Matic,...

Mercado e Planeamento

O Cardozo, quanto a mim passou o prazo da venda rentável, tendo em conta a idade. Para vender a baixo do custo, só havendo um substituto à altura. Esta deve ter sido a pior época, mas convém não esquecer que desde que chegou vale em média 20 golos, tendo na época passado ficado a 1 dos 40, em jogos oficiais.

Vender depois desta época será a preço de saldo, portanto mais vale ficar, recuperá-lo, pois também ele sofreu com a irregularidade da equipa. Na próxima época a idade será um entrave a um maior encaixe. "Arrisca-se" a acabar no Benfica... será mau? Um bom Cardozo nunca é mau!

Dos outros, só o Matic está confirmado, creio. É óbvio que as contratações e dispensas já deveram estar alinhavadas, assim como o planeamento da época. E este último ponto é fulcral:
- Não há Mundial (não sei até que ponto a Copa América poderá interferir);
- 3ª pré-eliminatória da Champions a 26 ou 27 de Julho, frente ao 2º de campeonatos de países de 2ª linha: Ucrânia, Roménia, Holanda, Turquia, Grécia, Suíça, Bélgica e Dinamarca, mais o 3º da Rússia (Rubin);
- 4ª pré-eliminatória da Champions a 16 ou 17 de Agosto, frente a alguns tubarões, 4º de Inglaterra, Espanha ou Itália e 3º de Alemanha e França;

Começar a época a falhar o objectivo Champions será arriscar a saída do Jesus lá para o Natal…

Acabar no Benfica não digo

Acabar no Benfica não digo pois no final de contracto pode sair para onde quiser sem o Benfica receber nada em troca

"salvar a pele"

Acredito que o presidente deixe cair JJ para não cair com ele na pré da champions, caso não haja "pontinhas de sorte" ou os jogadores mantenham "altos indices de fadiga fisica" ( como simpatizante prefiro que JJ fique.) Se não...já estou preparado para o retorno do cemiterios de treinadores PARTE-2.
( Medidas a curto prazo: comprar Artur ao Braga e aguentar Coentrão até janeiro ) Roberto pode ser uma grande promessa, mas o futebol é feito de ( resultados) imediatos e os pontos Roberto ofereceu aos adversarios ao longo da epoca, até a mim me desmoralizaram. ( quanto mais aos colegas de profissão).

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.