Treinador português ou estrangeiro para o FC Porto? | Relvado

Treinador português ou estrangeiro para o FC Porto?

 

Dentre os treinadores nacionais, muitos têm sido citados, com dois nomes à cabeça: Domingos Paciência e André Villas Boas. Mas também têm sido falados outros como Jorge Costa, Paulo Bento, José Peseiro, Manuel Machado ou Carlos Carvalhal. Os dois primeiros, jovens e com muito valor, reúnem um grande conjunto de preferências com Domingos Paciência a ter a seu favor o facto de ter feito toda a sua carreira de jogador, e mesmo o início da de técnico, no Porto, sendo um homem da casa. Villas Boas também conhece o clube, tendo estado num dos melhores períodos.Dos outros, Jorge Costa é o de maior carisma, mas de menor experiência e ainda não me parece ser o seu tempo. Carvalhal, que o Sporting não parece querer, também conhece a casa, algo muito importante neste momento. Manuel Machado, ainda que saiba pôr equipas a jogar futebol, gosta demasiado de apostar na defesa e Paulo Bento tem demasiadas semelhanças com Jesualdo, além de não ter cultura à Porto! O seu vício de lançar sempre as culpas ao árbitro não se casa nada com a exigência de rigor do Porto.Nos estrangeiros, creio que Pinto da Costa gostaria particularmente de dois nomes, ambos franceses: Claude Puel e Paul Le Guen. O primeiro sabe-se já ter sido contactado por duas vezes no passado, enquanto o segundo talvez esteja mais disponível. José Peckerman, argentino, ex-seleccionador do país das pampas, Mircea Lucescu, romeno e também já muitas vezes falado, são outros nomes possíveis de um lote restrito!Eu apostaria, apesar de tudo em Domingos Paciência, uma solução do FC Porto, o que me parece poder trazer largos benefícios! E os relvas? Em quem apostam e porquê?dragao13

FC Porto:

Comentários [108]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Assim, como assim, em jeito de off-topic

http://antonioboronha.blogspot.com/2010/03/estorias-da-bola-quarenta-e-um.html gspot.com/2010/03/estorias-da-bola-quarenta-e-um.html

Re: Assim, como assim, em jeito de off-topic

Excelente, lol...é muito bom estas estórias contadas pela boca de quem as viveu...e já agora, investigue-se...lol...

Re: Assim, como assim, em jeito de off-topic

Via-o quase todos os dias quando estava no Algarve.

eu tentava o lançamento de runas

Se o DN acha que tem capacidades de adivinhação do que vai na cabeça do PDC, mais vale dedicar-se à cartomancia ou a outras artes de adivinhação do futuro. Mas o que seria do jornalismo desportivo sem inúmeras conjecturas e especulações? No ano de reconstrução que aí vem, parece que o Domingos estará na pole position. Curiosidade: quanto tempo de contrato tem o Domingos com o Braga? E porque não um português emigrado? Será descabida uma aposta no Peseiro? (treinador que numa estrutura mais forte do que aquela que encontrou no Sporting poderia melhorar os resultados que conseguiu em Lisboa)

Depois de ter passado pelo Sporting

o Peseiro entrou numa onda de muitos fracassos, até pode ter alguma qualidade mas é um treinador sem pulso... Cumps

Re: eu tentava o lançamento de runas

Domingos tem mais uma temporada de contrato. A sair, Salvador não pode exigir menos do que o que o Benfica pagou por Jesus. Mas para mim, o maior problema não é esse. É a possiblidade de replay da época passada, com um treinador em trânsito entre clubes com interesses desportivos divergentes (pelo menos na época em curso). Não tenho dúvidas de que o Porto fará tudo o que estiver ao seu alcance para ainda se conseguir guindar ao segundo lugar. Não sei se Domingos (mesmo sem questionar a sua integridade como pessoa) terá força psicológica para se abstrair dos rumores (ou algo mais) que seguramente surgirão. De qualquer forma, não acredito que estes rumores se venham a concretizar. Em minha opinião, a escolha de PC será Paulo Bento, um treinador com perfil para enfrentar os tempos que aí vêm (de vacas magras). E que, ao contrário do que aqui li, não terá dificuldades em adaptar-se á cultura do clube. Penso aliás que esse será um factor decisivo para a escolha...

Re: eu tentava o lançamento de runas

"A sair, Salvador não pode exigir menos do que o que o Benfica pagou por Jesus" Quantas vezes isso não aconteceu com outros clubes, exigiram mundos e fundos a Benfica e Sporting e "deram" jogadores ao Porto? A questão do replay da época passada é uma forte hipótese, mas não quis falar nela por ser uma futurologia ainda mais arriscada. A hipótese Paulo Bento será forte, mas peca por estar ainda muito fresco na memória dos adeptos o seu desempenho no Sporting. Para além de ser precisa uma contratação mais política, veriam os sócios com agrado mais um "lampião", (depois do Mirandelense não-mouro Jesualdo), quando poderiam contratar um filho da casa?

Re: eu tentava o lançamento de runas

Quantas vezes isso não aconteceu com outros clubes, exigiram mundos e fundos a Benfica e Sporting e "deram" jogadores ao Porto? Diz-me lá o nome de um jogador que tenha saído para o Dragão por tuta e meia nos anos de Salvador. É que francamente não me recordo. A não ser que estejas a pensar no empréstimo de Madrid, na época passada, ao Porto. Mas esse já era o fantasma de Madrid (que por cá, com Jorge Jesus, não jogava). Para a Luz, por exemplo, saiu Luís Filipe por 0,5 ME ou o Peixoto por 0,7 ME. Para o Sporting, seguiu Abel por, salvo erro 0,75 ME. Por qualquer coxo, hoje, um clube grande paga isso. Então, se vier da América do Sul, paga bem mais (vide Patric, Shaffer ou... Grimi). Para o Porto, Salvador vetou a saída de Madrid (há quatro épocas, quando Jesualdo chegou ao Dragão), por ter rejeitado liminarmente a oferta de 1,5 ME - verdadeiramente ridícula, à altura pelo nosso melhor jogador. O Braga viria a pagá-lo muito caro porque o jogador jamais seria o mesmo, entrando numa espiral de problemas físicos e psicológicos que o levam hoje a ser uma sombra do jogador que foi. Por outro lado, o Braga transferiu para o Porto Orlando Sá por 3 ME (60% do passe!). Mau negócio!? Enfim, percebo que na tua memória estejam os negócios João Alves/Wender (e, talvez mesmo, João Pereira que no entanto tem valor para tornar o negócio rentável) por terem envolvido o teu clube. Mas o Sporting pagou o que achou que devia pagar... O problema de quem analisa estas questões na perspectiva de um dos grandes é... que não acompanha o que de facto se passa em outros clubes. O que mudou nos últimos dois anos não foram os negócios do clube. Foram os negócios pessoais do nosso presidente, em particular com LFV. Foi isso que ditou a (recente) animosidade entre os dois homens que tinham uma relação pessoal próxima (algo que nem era bem visto no Dragão).

Re: eu tentava o lançamento de runas

Peseiro?!?!?!? É só pesadelos... de caminho estás a sugerir o Tranquilidades!! ;)

Re: eu tentava o lançamento de runas

não querias o Paulo Bento, eu compreendo, mas aparte das historias das tranquilidades e etc, e aparte no ano horribilis do Sporting, futebol vê-se é no estádio e vi algumas vezes o Sporting de Paulo Bento a jogar no Dragão e gostei muito da postura da equipa dele, da forma como os jogadores se distribuíam no relvado e sabiam o que estavam a fazer, via-se ali (bom) trabalho do treinador, por isso não descarto Paulo Bento assim tão facilmente... Quanto ao Mingos, pá subscrevo o que dizes e o que pensas dele apenas o senão parece-me demasiado boa pessoa, e tenho medo que se deixe enredar nas teias dos administradores da SAD, no que diz respeito a contratações e afins, porque de futebol sabe ele muito, tenho medo é que não saiba dar o murro na mesa na altura certa, e nós sabemos como no Porto às vezes é preciso isso, mesmo para lidar com a comunicação social que temos e sabemos como é e onde maioritariamente está sediada, nisso os outros nomes que apontei antes parecem-me mais capazes. cumprimentos

Re: eu tentava o lançamento de runas

Runologia por runologia, tentei mais uma hipótese. Mas num presidente que disse, uma vez, que o Couceiro sempre tinha sido um desejo seu (lembras-te da história da gravata que a imprensa comeu?), porque não o Peseiro? Capacidades técnicas tem ele. Eu acho que o preferido será o Domingos, mas gostava de ver se o Salvador vai colocar os mesmos entraves que colocou ao Benfica para contratar o Jesus.

Treinador/Política Desportiva

A minha opinião é que a escolha do treinador estará obrigatoriamente dependente do tipo de política a seguir no que diz respeito a jogadores. Isto é se a aposta recair em jovens Portugueses essencialmente o perfil será um, se for para continuar com o grupo de amigos argentinos e afins será outra. A minha opção seria sim jovens Portugueses mas uma ou duas aquisições cirúrgicas de jogadores com experiência e categoria (sei que não é fácil) mas era esse o meu desejo. Importante também deixar sair quem não quer defender a camisola (acho que nem preciso de dizer quem). É que Villas Boas ou Domingos com vacas sagradas não sei não... Já agora tenho ouvido uns ruídos relativos a acontecimentos muito graves em Alvalade, será que alguém me elucida ?

Re: Treinador/Política Desportiva

Que ruídos são esses...?

Re: Treinador/Política Desportiva

costumo dar uma espreitadela no "portal dos dragões" onde gosto de ler os "debates" que lá se criam e, foi aí que me apercebi que há quem saiba? de acontecimentos muito graves em Alvalade.Esss amigos se calhar não vão gostar muito que eu esteja aqui a levantar essa lebre

Qualquer um destes seria

interessante... Carlos Carvalhal - Dizem que o homem é isto e aquilo, que é fraco tacticamente mas o certo é que tem feito(mais uma vez) um bom trabalho. Vilas-Boas é jovem, ambicioso, parece ter uma cultura tactica a cima da média, tem boa escola e é Portista ferrenho... Domingos e Jorge Costa além de serem Portistas são da casa o que é sempre bom para transmitirem aos jogadores o que é vestir aquela camisola, o que é jogar á "Porto", os seus trabalhos tem falado por si, Domingos parte na linha da frente. Estrangeiros, se fosse para arriscar num estrangeiro só se fosse em Hiddink mas é uma hipotese remota já que o Holandês custa muito €€€€€€€€€€. Cumps

Re: Qualquer um destes seria

No dia que carvalhar for treinador do porto, deixo de ir ao estádio.. Mas tamos a brincar caro amigo? Não se brinca com a instituição que é o porto!

Fica lá com a bicicleta...

Re: Fica lá com a bicicleta...

?? Que resposta imatura caro amigo.

Re: Qualquer um destes seria

carvalhal nao é treinador para o porto ..

Tinha curiosidade num nome aí falado

Peseiro: com ele o Sporting jogava um futebol de grande qualidade, não tendo na altura, na minha opinião, jogadores assim tão bons. É verdade que perdeu 2 títulos numa semana mas isso não apagou a imagem que fiquei dele. De resto não tenho opinião quanto a nomes. Pinto da Costa já não tem nada a provar, já passou por fases semelhantes na vida do clube e sabe bem o que precisamos neste momento. A única coisa que espero é que o próximo treinador não tenha a mania de inventar nos jogos grandes. Além disso, e a confirmar-se a saída de Cardozo do Benfica na próxima temporada, continuo a achar que não é preciso ter muito melhor plantel que o actual nem nenhum Mourinho. Mandam-se embora os jogadores acomodados (Bruno Alves e Meireles), reforça-se o meio-campo que foi o principal problema esta temporada e compra-se alguém para discutir o lugar com o Falcao.

Re: Tinha curiosidade num nome aí falado

Peseiro ficará marcado por essa semana , como se todo o mérito de ter chegado a essa semana em primeiro e na final tivesse sido esquecido... mas esse estigma será dificil de ultrapassar por massas associastivas no futuro próximo

Re: Tinha curiosidade num nome aí falado

Daí eu achar que uma estrutura protectora do seu treinador como a que o F.C.Porto tem seria ideal para o relançar. Sinceramente não me parece que falte qualidade nos treinadores portugueses que já foram apontados, qualquer um deles tem mais coragem e flexibilidade táctica que Jesualdo, e esses devem ser os principais requisitos para o próximo treinador.

Re: Tinha curiosidade num nome aí falado

és capaz de ter razão...

Penso que...

...é quase certo que o eleito será Domingos. Acredito também que esta será uma grande escolha que poderá trazer grandes frutos ao FCPorto. Se ele consegue fazer o que tem feito pelo SCBraga, o que poderá fazer com os meios do seu clube do coração...

A ser estrangeiro nenhum desses nomes

Prefiro um português, Domingos ou Vilas Boas. Se for estrangeiro, ou um jovem em ascensão ou então um de renome que não esteja em fase descendente na sua carreira.

Re: Treinador português ou estrangeiro para o FC Porto?

para mim tanto faz,o que quero é que seja um bom treinador,em todo o caso que seja melhor que o Jesualdo.

Treinador? É fácil!!!!

Não era a primeira vez que os contrata e depois diz que estavam à experiência!!!!! Pode continuar. Se algum reclamar....já sabem o que lhe acontece! Seria a primeira vez?

Re: Treinador? É fácil!!!!

Não!mas foi o grande fc porto o primeiro a utilizar isso!!!!!! estamos muito á frente.... por mais que vos custe.............

Laudrup

O Mesmo que , penso eu, pelo Getafe eliminou o Benfica e teve uma meia final europeia assombrosa contra o Bayern Muniche. Era o meu preferido. Dos tugas apenas Villas Boas, embora possa ser prematuro. Mas acredito nele, as melhoras vistas na Académica mostram claramente a sua (boa) influencia.

Re: Laudrup

Não, o Getafe empatou a quatro bolas com o Bayern no total da eliminatóriA, e ficou fora da competição. O Bayern caíu a seguir, com 4-o do Zenit, que ganhou essa Taça- Laudrup era um daqueles que teria querido ver no Benfica há uns anos, mas a verdade é que esta experiência em Moscovo não lhe correu lá muito bem.


www.casasdeapostas-portugal.com