Terá o FC Porto um dos melhores tridentes ofensivos da Europa? | Relvado

Terá o FC Porto um dos melhores tridentes ofensivos da Europa?

 

Hulk, Varela e Falcao formam, esta época, o tridente ofensivo base do FC Porto!

Junto, este trio marcou já 22 dos 25 golos que os "dragões" marcaram no campeonato. Até ao momento, Hulk marcou 10, Varela 6 e Falcao outros 6. No caso de Hulk e de Falcao, falta acrescentar os golos que ambos marcaram nas restantes competições. Falcao marcou mais 6 golos na Supertaça e Liga Europa e Hulk apontou 5 na Liga Europa.

A dinâmica que este tridente ofensivo tem é excepcional. Hulk e Varela variam de flanco, mantendo praticamente a mesma eficácia, apesar de Hulk jogar preferencialmente sobre o flanco direito e Varela no flanco esquerdo. Falcao é o homem da área, mas aparece bastantes vezes em zonas de construção.

Neste momento vejo apenas quatro equipas na Europa que possuem trios ofensivos que podem rivalizar com este do FC Porto, que são: Barcelona (Messi, Pedro e Villa), Real Madrid (Ronaldo, Di María e Higuaín), Chelsea (Malouda, Anelka e Drogba) e AC Milan (Ronaldinho, Pato e Ibrahimovic).

Os relvas estão de acordo?

FC Porto:

Comentários [106]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

FALCÃO-HULK-BELLUCHI

ESTE SIM É UM TRIO DE VALOR MUNDIAL- E PODEM VER PELA ÉPOCA PASSADA- SEM ESTES BEM E A JOGAREM A 50% SERIAM COMO OUTRO CLUBE QUALQUER...... E MAIS SEM O PINTO DA COSTA , VÃO PARARA DIVISÃO DE HONRA------------------------ ESTA É A VERDADE --- É COMO O SPORTING SEM JARDEL-J.PINTO----- FOI COM O CARALHO --- E O BENFICA SEM DI MARIA E RAMIREZ------ TAMBEM FOI COM O CARALHO---------------------------- ISTO NÃO É TREINADORES ... NEM MUITO INVESTIMENTO ---- É NUMA EQUIPA TER A SORTE DE JUNTAR DOIS TRES JOGADORES QUE LEVAM TUDO ATRÁZ DELES , É SÓ ISSO O RESTO DOS JOGADORES SÃO NUMEROS E NÃO HÁ VOLTA A DÁR A ESTA REALIDADE,,,, ------------------------------ É SÓ OLHAR OS treinadores CAMPEÕES DO porto-benfica e sporting ,, depois de sairem destes clubes já foram para grandes clubes e depois é népia , pior que zero são despedidos num abrir e fechar de olhos ,,, podem começar a fazer contas que não vale apena ,,, é só isto

um mata com tiro outro com facada

quem leva menor prisão

Reconhecimento de nostros hermanos:

Quando a imprensa nacional não nos dá o devido valor, sabe sempre bem ler elogios de alguem vindo de fora:

http://blogs.as.com/julio_maldonado/2010/11/hulk-ben%C3%ADtez-o-ri-kwang...

para quem nao conhece, este senhor é talvez o jornalista desportivo mais respeitado e conceituado em espanha em relaçao a conhecimentos sobre futebol internacional.

no Canal + espanhol ele tem um programa semanal que se chama "Fiebre Maldini" e que as televisoes portuguesas deviam de ver e aprender, pq nesse programa falam de FUTEBOL e nunca de casos e casinhos, nem de zangas de comadres, como cá em portugal.

esta semana fizeram uma peça, que a mim como portista me deu um orgulho ENORME e enquanto via as imagens e recordava esse dia, arrepiava-me como se fosse a 1a vez q via essas imagens.

eles juntaram no estádio de Prater o Mágico Madjer e Jean-Marie Pfaff, grande guarda redes belga, na altura guarda redes do Bayern.

Para quem os amantes de futebol e principalmente para todos os portistas:

http://www.plus.es/comunes/multimedia/videoAS3/video_iframe.html?xref=20...

A Liga já deu um prémio de

A Liga já deu um prémio de consolo ao Benfica: só castigou o Luisão com um jogo de castigo! Assim pode tentar agredir algum jogador já contra o Braga! Que feliz coincidência!

Estorietas da Bola versão X não dos TIRADENTES m/ da SAGA BIMBA!

Estamos no 16º ano da SAGA BIMBA (Travessia do Deserto), depois da última vitória no Campeonato Nacional da Primeira Divisão de Futebol na década de 50, época de 1958/59, que só foi conseguida na última jornada como consta do «Capítulo I do PÉRIPLO BIMBO»!!!
Culpado MAIOR, o tão injuriado Inocêncio Calabote, que não deu a respectiva ajuda ao Clube dos Índios/Lampiões (faltou só um poucochinho assim… marcar uma quarta grande penalidade), e acabou por dar o Campeonato ao Clube dos Bimbos!!!

Já aflorámos a “cousa”, mas vamos desflorá-la mais ao pormenor… O F.C.Porto do treinador Aimoré Moreira na época de 1974/75, terminara a primeira volta do «Campeonato Nacional» com 3 pontos de avanço sobre o segundo classificado. A derrocada começou no Barreiro à 16ª jornada. Na véspera do desafio, os jogadores da Cuf, treinada por um vendedor de automóveis, gasolineiro e construtor civil de nome Fernando Oliveira – esse mesmo que um dia viria a ser Presidente do Vitória de Setúbal -, souberam que teriam de passar a ser… futebolistas-trabalhadores, que o modelo do Clube se copiaria da RDA (República Democrática Alemã), mais concretamente do Clube Carl Zeiss Jena. E quais Operários se consideraram logo, arregaçaram as mangas e ganharam ao Clube BIMBO por 2-1…
Oito dias depois o F.C.Porto perderia a liderança, baqueando em Alvalade. O Clube dos Índios/Lampiões «passou as passas do Algarve (Olhão)», venceu!!! Só que José Henriques, Vítor Baptista e Artur, foram agredidos pelo público que invadiu o Estádio Padinha. Artur foi o que ficou mais mal tratado (ou não fosse o Russo de não dar a outra-face), acabou retirado do Relvado em braços, sangrando da face e da cabeça. Para além de contusões e traumatismos, arrancaram-lhe punhados de cabelos. Duas horas depois seguiu viagem o autocarro dos Índios/Lampiões, ante uma turba de gentes de Olhão ainda excitada??? Toni e Vítor Baptista só sairiam dos vestiários em carro militar e escoltados por uma brigada de metralhadoras em punho, até Faro. E o F.C.Porto cada vez mais no purgatório e para desgraça de Aimoré, nas Antas leva 4 a 0 do Belenenses e chegando à 23ª jornada a estocada fatal nos «dragões» (que ainda não o eram à altura…), os pupilos de Pavic (treinador do S.l.b.), vencem no Porto por 3 a 0.
Os Portistas choravam e pensavam que talvez fosse mesmo triste sina, malapata, maldição, que maldito jejum: «tanta época tanto ano sem ganhar um Campeonato!!!»

Antes do inicio da nova época de Futebol 1975/76. E, imolada que estava a Lei da Opção no fogo da «Revolução», começaram as confusões entre Clubes! O Angolano Dinis decidiu assinar contrato com o Clube BIMBO. Acordaram o negócio entre as partes sem grandes complicações, fizeram-no sem dar patavina ao Sporting.
Perdido, irremediavelmente, o jogador, João Rocha Presidente Leonino e seus pares da Direcção, saltaram a terreiro e exigiram aos Portistas 600 contos, que fora a quantia despendida com a aquisição da carta do jogador ao Asa de Luanda.
No Porto fizeram ouvidos de mercador. E houve quem pressentisse que o polémico negócio era uma séria ameaça à homogeneidade pretendida pela Liga dos Clubes.
Mas nem isso amainou os ventos, aqueceu ou arrefeceu a truculência das palavras.
Nunes dos Santos Vice-Presidente Leonino, acusou a Direcção de Américo de Sá de… «Actos de GANGSTERISMO».
E só quando Setembro chegou e o Campeonato arrancou se desviaram as atenções do público do desaforado defeso. E os Portistas, já com Dinis, já com Octávio Machado entraram nele sob o signo da goleada: 6-1 ao União de Tomar.

Dezembro de 1975 – Ao fim das 14 primeiras jornadas, comandava o… Boavista de José Maria Pedroto. E em primeiro entraria em 1976.
Mário Wilson, treinador do Cube dos Índios/Lampiões, confirmou a sua proverbial coragem e indiscutível amor à verdade desportiva acusando: «O uso (e o abuso) do “doping” recrudesce em Portugal.»

1976 – Na primeira jornada do ano novo a equipa do Bessa encantou o público de Alvalade, ganhando por 1 a 0 golo de Salvador. A repercussão do feito Boavisteiro quase ofuscou a vitória do Benfica nas Antas por (3-2).

Foi, indubitavelmente, a primeira grande proeza individual do desporto Português.
Em Chepstow, no País de Gales, Carlos Lopes sagrou-se Campeão Mundial de Corta-Mato. Um triunfo esmagador, dominando de forma insofismável o arrogante inglês Tony Simmons, de um atleta que era… contínuo de um banco recebendo 7.105 escudos mês, que envergava a Camisola do Sporting clube de Portugal, trabalhado com paciência de chinês e pertinácia por Moniz Pereira, que, assim recolheu os primeiros louros de uma aposta num trabalho de qualidade em que hipotecara a sua própria… cabeça. Valeu a pena. E muito mais valeria…
Que Lopes já era um fora-de-série, toda a gente sabia menos George Best, treinador da equipa Inglesa de Corta-Mato, e o seu atleta Tony Simmons. À chegada à meta, atrasado cem metros em relação ao nosso compatriota, perguntou quem era o fulano que ganhara a corrida. Disseram-lhe que tinha sido o Português Carlos Lopes. Desdenhosamente, retorquiu: «Não o conheço.» Má memória tinha a britânica criatura, porque Carlos Lopes já o vencera em San Sebastan, não muito tempo antes.
Curiosa foi a explicação do triunfo de Carlos Lopes, em masculinos, e da Espanhola, Carmem Valero, em femininos, num jornal de Gales: «Vitória Ibérica, FIM das DITADURAS.» Este era o título. Um pedaço da prosa: «”…Na verdade, foi um grande choque: um atleta Português conquistou o título Masculino, logo a seguir a uma rapariga Espanhola ter ganho a corrida Feminina. Será, porventura, que esta dupla vitória Ibérica terá alguma coisa a ver com a libertação da Península Ibérica da opressão dos Ditadores?.»

Janeiro de 1976 – Com mais uma derrota, desta feita no Restelo o Clube dos BIMBOS, apenas precipitou a decisão da Direcção Portista de afastar o treinador Jugoslavo Stankovic. Monteiro da Costa regressou a treinador principal. E com a época praticamente a meio, o F.c.p. começou a fazer por nova vida, contratando Freitas o defesa do Belenenses.

Na véspera de mais um Congresso da Federação de Futebol, o presidente da direcção, Jorge Fagundes, demitiu-se e explicou porquê: «Demiti-me por uma única razão – a de entender que o novo secretário-geral interino (César Grácio) não reúne um mínimo de qualidades morais e profissionais, para o exercício de tal cargo…»

Fevereiro de 1976 - Tudo Verde nos «Nacionais de Corta-Mato», com três Leões em grande forma: Carlos Lopes, Fernando Mamede e Carlos Cabral nos 3 lugares do pódio!!!

O Sporting Clube de Portugal andava tão discretamente pelo Campeonato que embasbacou os seus adeptos e os alheios ao vencer, em Alvalade, o Clube BIMBO de Monteiro da Costa, por 5 a 1. Caiu o espanto no «Nacional de Futebol da 1ª Divisão». Só o espanto porque, além de ter causado justa sensação, os lucros dos «Leões» não tiveram reflexos animadores em relação ao fugidio título de Campeão, pois o Benfica e o Boavista, não despegavam do topo.

Vítor Damas, após 16 anos de «Leão» ao peito, recusou proposta do Sporting para continuar na baliza. Acenaram-lhe de Espanha com muitas Pesetas…
Entretanto no F.C.Porto, voltava a falar-se no homem do boné (José Maria Pedroto), talvez porque Octávio Machado tenha denunciado falta de mística no Clube BIMBO!!!

Março de 1976 – O Júnior Fernando Chalana, entrou na segunda parte do encontro Benfica vs Farense (3-0) e foi carinhosamente recebido pelos Índios/Lampiões, que tinham vaiado Nené e Jordão, apesar de terem sido eles os marcadores dos golos.
Nas Antas Dinis e Cubillas minaram a resistência Boavisteira, que, perdendo o encontro, deixou de ser o «irmão siamês» do Benfica.

Morreu Carlos Canuto, figura carismática do Futebol, como jogador do Carcavelinhos e da arbitragem. Canuto, um humorista do futebol, conseguira o verdadeiro MILAGRE que era ser, ao mesmo tempo, ÁRBITRO e POPULAR para as gentes da bola!!!

A jornada nº 24 do «Nacional» teve para Vítor Damas, guarda-redes Leonino havia 16 anos, sabor muito amargo. Sofreu 3 golos, em 24 minutos do Académico de Coimbra e o público não lhe perdoou. Os adeptos do Sporting, indignados com a sua actuação e sendo ele o «Capitão» da equipa, tanto o vaiaram e insultaram que obrigaram à sua substituição e ainda o esperaram junto à porta 10-A, convencidos que não defendera os remates dos «Estudantes» porque não quisera. Foi uma jornada tão desagradável para Damas e público Sportinguista (3-3) como para o do Boavista, em tempo de escada abaixo.

No Restelo, a baliza do Sporting foi defendida por Matos porque lá, em Alvalade, nem sequer podiam ouvir falar em Vítor Damas (engraçado é que passados alguns anos tudo se esquece!!!) Os de Belém venceram por 1 a 0 golo de Vasques, Regresso do Boavista às vitórias em Coimbra também por 1 a 0. Novo tropeção dos BIMBOS nas Antas empate a 0-0 com o Beira-Mar. O Benfica no regresso às lides internas, depois de ter sido eliminado pelo Bayern de Munique nas provas Uefeiras, vingou-se no Sp. de Braga (7-1). Mário Wilson treinador dos Índios/Lampiões, sem papas na língua, definiu assim a sua própria equipa: «Neste momento, a capacidade do Benfica chega – e, de certo modo, sobeja – para o âmbito Nacional, mas é curta para a alta competição Internacional.»

Eliminatória da Taça de Portugal, vão os Índios/Lampiões a Alvalade e são eliminados com um golo de Libânio.

Maio de 1976 – a duas jornadas do fim, o Benfica festejou mais um título de Campeão Nacional, e o Boavista, a grande sensação da época de 1975/76 venceu em Braga e garantiu o segundo posto.

Vítor Damas assinou contrato com o F.C.Porto, mas o Racing de Santander insistia em dizer que o guarda-redes era seu jogador. Damas não dizia que sim nem que não, era mais «NIM.»
Também Rui Jordão se movimentava no terreno das indecisões – Saragoça? Provável.
E Borges Coutinho, presidente do S.l.b. afirmou estar interessado em ver um treinador Inglês à frente da equipa de futebol. Talvez Hagan… mas Hagan já estava comprometido com o Sporting Clube de Portugal.

Sporting, Benfica, Belenenses e Porto completaram, exactamente no último dia do Nacional de Futebol da I Divisão 31 de Maio de 1976 o seu 1000 (Milésimo) jogo para Campeonatos de Futebol. A fava calharia ao Clube Índio/Lampião já Campeão que em casa perdeu com o Clube dos BIMBOS por 3 a 2.

Bibliografia, Jornais há época!!!

De Jadscl

«Acabei agora a janta, e vai para talvez 40/50 minutos escutei

no rádio vindo do treino do chavaleco :
Que dois atletas com vermelhos directos foram castigados um com um jogo o "LuisGrandão" já o "Manichecomcortedecabelodecão", levou dois e não joga em Alvalade com o Clube dos BIMBOS???
E para meu espanto as bolas de golfe e galinha para o galo a passear-se no Estádio Frigorifico deu uma admoestação pecuniária de 4200 aéreos, castigos isso é para outros, as gentes BIMBAS ainda controlam a seu belo prazer tudo o que é instituições que deveriam fazer JUSTIÇA!!! SÓ MERDA e não é da fininha é da grossa, TORTULHOS BIMBOS!!! VERGONHA; tenham VERGONHA...???!!!

De Jadscl

Tem tu vergonha!

Para tua informação o Sporting ainda vai disputar dois jogos antes de receber o FC Porto! Defronta a Académica para o Campeontao e o Paços de Ferreira para a Taça de Portugal, logo o Maniche poderá jogar contra o FC Porto. Vergonha devias ter tu por falares do que não sabes!

«Ó Mameco!Se é que sabes o que é..., antes do Ferreirinha, bai

lá ler novamente, não estarão por lá uns "???" contra o teu Clube BIMBO, aprende a ler nas entrelinhas quais entrefolhos "Ó Mamaeco", amanhã descreves-me a Mamecagem...???!!!» É só BIMBALHADA e qual deles a mais PARVA!!! Até dão/metem dó, é tudo uma questão de leitura e percepção da mesma, será do SOTAQUE BIMBO!!!

De Jadscl

Não caro Mehmet

Tivéssemos nós gente séria naquele clube e o Maniche não DEVIA nunca mais jogar pelo Sporting.
Sem apontar o dedo a nenhum clube, é ridículo Maniche não apanhar mais que 2 jogos, mas mais ridículo só o castigo ao Luisão.

Isso é outra história!

Apenas salientei o facto de Maniche cumprir os seus dois jogos de castigo antes de defrontar o FC Porto. Sobre o seu castigo concordo que é bastante leve (tal como o do Luisão), mas a meu ver a agressão do Maniche ainda consegue ser mais violenta que a do Luisão. O sentimento que tens em relação ao Maniche é o mesmo que eu tenho em relação ao Fucile! Cumprimentos

Eu entendi.

De qualquer das formas 'limpa' sempre os cartões antes de o Sporting defrontar o Porto, e sabendo que provavelmente o forcado o mete a jogar frente ao Porto, não sei se 'limpar' os cartões é bom, para o Sporting claro. Ele jogando e numa situação idêntica, volta a repetir provavelmente.
Quanto à violência... aqui não há mais violência ou menos, acho uma estupidez falar-se disso, acredito que o Proença tenha expulso Luisão por agressão, não por tentativa, e cartão vermelho directo tal como o Maniche daria mais que 1 jogo.

A palavra reincidência diz-te alguma coisa!?

Meu burro de merda!

Burro é quem te fez as orelhas

E fim de conversa.

Tu podes achar estupidez...

...mas a verdade é que são agressões diferentes e que, como tal, devem ter castigos diferentes.

São agressões!

E Maniche pela reincidência deveria ter levado mais de 2 jogos, eu até o referi ao relva Mehmet.

Incrível é o Luisão ter levado somente um jogo, 1 jogo! Por uma agressão, e choram vocês...

Agressão do Luisão

É bem mais grave.Mas compreendo que seja preciso para jogar contra o Braga.

Hã??!!

Bem mais grave?!
Então?!

Pois é do Benfica

logo é menos grave, por amor de deus...

Não compreendo como é que se critica um Bruno Alves(e bem) e depois assobia-se para o lado quando é o Luisão, já na época passada agrediu o Belluschi no Dragão com um pontapé(não tenho a memória curta felizmente) isto só para falar de jogos entre FCP-SLB já para não falar da cotovelada ao Sapunaru na Luz...

Quem é que disse...

que é menos grave??!
E quem é que assobiou para o lado?!

Desculpa mas não li nenhum

Desculpa mas não li nenhum comentário teu com a indignação acerca daquilo que o Luisão vai fazendo época após época, já acerca do Bruno Alves não posso dizer o mesmo.

Não leste?!

Andas pouco atento...

Quem jogou a bola...

...sabe bem a diferença entre uma cotovelada e de um pontape nas pernas.

Eu joguei...

...e apesar de ver intenção no Luisão, vi mais (muito mais, aponte-se) contacto no lance do Maniche...

Eu sei

A nivel de contacto,neste lance concreto tens razão,agora na minha opinião a cotovelada é um acto bem mais grave.

Concordo contigo, se fosse

Concordo contigo, se fosse jogador preferia mil vezes levar um pontapé do que uma cotovelada na zona da cara/pescoço

Acto...

...sem dúvida...apesar de uma agressão no futebol...ser sempre uma agressão. Os regulamentos não fazem essa distinção.
Em termos de castigo, é que é analisada a questão da intenção, do contacto e do resultado final. Já para não falar da questão da reincidência, o que leva a que Maniche leve dois jogos e Luisão um.
Mas eu sei que é mais fácil alinhar pelo diapasão de que o Benfica foi favorecido...

Lol...

...

Foi a minha reacção....

..quando ouvi o castigo,LOL,nada de novo.

Acho que na verdade o maniche

Acho que na verdade o maniche já é reincidente esta época, dai os 2 jogos de castigo.

E nem me lembrava...

...desse "pequeno" pormenor...