Pinto da Costa: "Só não tenho substituto para o Hulk" | Relvado

Pinto da Costa: "Só não tenho substituto para o Hulk"

Presidente do FC Porto disse que se saírem 10 entram outros 10. E também falou de Villas-Boas.
 

O presidente do FC Porto admitiu na terça-feira a possibilidade de sair alguém do plantel dos campeões nacionais de futebol, durante um evento organizado pelo Casino da Figueira da Foz.

Pinto da Costa, que falava durante o evento “Conversas do Casino”, moderado pela jornalista Fátima Campos Ferreira, desdramatizou esse facto, afirmando que, se sair, o FC Porto tem substitutos para 10 jogadores.

“Se saírem 10, tenho substitutos para cada um dos 10 que saírem. Há um para quem não tenho substituto, que é o Hulk”, disse o dirigente dos azuis e brancos.

A título de exemplo, o presidente dos portistas referiu que, caso a saída seja de um jogador como Álvaro Pereira ou Falcao, o FC Porto continuaria a jogar no mesmo estilo, o que não sucederia no caso de Hulk.

“Como não há nenhum com as características dele, o jogo terá de ser diferente”, explicou.

Pinto da Costa até admitiu a possibilidade de o russo Roman Abramovich, dono dos ingleses do Chelsea, poder acenar com libras para convencer Hulk, mas afirmou: “Ele tem libras, mas não tem coragem”.

Villas-Boas teve medo do Barcelona

O líder dos dragões também se referiu à saída do treinador André Villas-Boas, precisamente para o Chelsea.

“Foi um camião de libras que lhe parou à porta”, disse Pinto da Costa, justificando ainda a saída do técnico português com o eventual receio deste em que o sucesso da época passada não se repetisse.

“Estás com medo de levar três ou quatro do Barcelona, mas o Mourinho levou cinco e nem por isso deixou de ser o melhor do Mundo”, disse Pinto da Costa, citando uma conversa que terá mantido com Villas-Boas.

Em relação às diferenças entre o ex-técnico do FC Porto e o atual, Vítor Pereira, Pinto da Costa, em tom de brincadeira, disse que um era ruivo e o outro moreno, mas, já num tom mais sério, referiu que em termos de treino não há diferença nenhuma. Já quanto à personalidade, disse que “talvez o outro (Villas-Boas) fosse mais extrovertido, por ser mais novo”.

Finalmente, debruçou-se ainda sobre uma das principais declarações de Villas-Boas enquanto treinador do FC Porto: “Este (Vítor Pereira) nunca disse estar na cadeira de sonho, está mesmo no banco”.

FC Porto:

Comentários [50]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

O facto de ser extra-comunitário....

..é que ainda o vai mantendo por cá.Apesar que em Italia as regras este ano são diferentes.

Vai deixar saudades.

Ainda bem que os rivais dizem

Ainda bem que os rivais dizem que o Grande Presidente está acabado, imagino o que seria se estivesse no auge...

Acerca do borra-botas, PdC disse ainda que acreditava que AVB teve medo da comparação com Mourinho; que ganhou novamente na 2ª época, soube continuar vencedor - teve medo de não o conseguir e como tal ficar mal visto na comparação.

Quanto à questão dos 10 substitutos, a verdade é que como Hulk, que o ano passado resolveu vários jogos sozinho, não há mais jogador nenhum no Mundo, tenho pena que não haja honestidade intelectual por parte dos adeptos rivais para o admitir.

O Hulk?! O Hulk é aquele gajo

O Hulk?! O Hulk é aquele gajo trapalhão que não decide os jogos. Pelo contrário, o Porto joga melhor sem ele em campo...

Pois, é o gajo que não é

Pois, é o gajo que não é decisivo e que perde muitas bolas! :)

Lá está, é a tal questão da honestidade intelectual...

Uma pergunta...

...qual é a sensação de, cada vez que o velho abre a boca, ir lamber-lhe o cu? Vocês têm consciência do quão parvinhos parecem ao bater palminhas a tudo o que diz o gajo?

Não tem substituto para o Hulk?! Porreiro. Como é óbvio, nem sequer vos passa pela cabeça que tenha dito isto...para o Hulk "ouvir"?

E caso Alvaro e Falcao saiam (como tudo parece indicar)...veremos esses substitutos...

Enfim...

Parvoíces à parte, diz-me lá

Parvoíces à parte, diz-me lá um jogador com a capacidade física e técnica de desequilibrar um jogo.

Edit: faltou acrescentar, "como Hulk faz."

Não esquecer que o Peixoto..

..o parou por duas vezes.

Será que vamos ficar sem o Alvaro"A Máquina"?

Grande jogador o Peixoto,

Grande jogador o Peixoto, será que este ano é finalmente titular? Não entendo o pânico vermelho, no pior dos casos adaptam o Deus-Amorim à esquerda.

Essa não é para mim, que

Essa não é para mim, que farto-me de aqui dizer que ele é um dos melhores jogadores do mundo da actualidade.

Escusavas então de ter

Escusavas então de ter enfiado o barrete... :)

Houve pseudo-especialistas que justificaram assim o castigo de Hulk, que não tinha prejudicado "assim tanto" o FCP.

Eu não enfiei, que os meus

Eu não enfiei, que os meus comentários estão aí para o provar. Já o digo há muito e mesmo antes desse célebre castigo.

Eu sei que não foste, pelo

Eu sei que não foste, pelo menos não me lembro de ler nada teu a malhar no Hulk (já com o Fernando...).

Os detratores do Hulk são normalmente mais avermelhados.

Esse é um trambolho. Eu não o

Esse é um trambolho. Eu não o queria.

Que não o aches o melhor

Que não o aches o melhor trinco do mundo eu entendo, não está nem perto. No entanto, olhar para o SCP e dizer que não interessa um jogador daqueles...

Porra, prefiro o André Santos

Porra, prefiro o André Santos a ele, assim como Pedro Mendes, que infelizmente foi dispensado.

Eu sou Portista e também não gosto do Fernando.

Para lutar com os 4 grandes da actualidade (Barça,RM, Mutd e Chelsea) o Porto precisa de um central, dd, trinco e 10 (Caso James ou Iturbe não assumam esse papel este ano) da nata do Hulk, Falcão, Moutinho ou Guarin. Os que lá estão para essas posições precisam de dar um valente salto qualitativo visto serem apenas bons/mt bons e não craques.

Confirma-se: borra-botas.

Nunca acreditei lá muito que tivesse sido o dinheiro a maior justificação para a saída do traidor. Primeiro, porque não precisaria assim tanto quanto isso, depois porque muito menos precisaria no imediato. Agora, reforço essa convicção depois das palavras de Pinto da Costa, embora já tivesse tirado a dúvida a limpo quando o traidor disse que o Porto cobriu o ordenado que Abramovich lhe prometeu. Não, não foi por dinheiro que o canalha traiu o clube e deixou a honra por terra.

Foi mesmo por ser um borra-botas de primeira. Com medo de levar no focinho logo a 26 de Agosto, com medo de ficar pelo caminho na Champions, com medo de perder algum jogo no campeonato. Quis sair com a áurea de vencedor total, mas isso só revela que teve medo das consequências de uma época mais fraca. E, nisso, está muito longe do ídolo. O ídolo dele é um desafiador nato, um homem que não tem medo das dificuldades e que as agarra pelos cornos. Ficou mais uma época no Porto sem medo e com a convicção de que poderia ganhar tudo. Ganhou. Foi para Inglaterra para um Chelsea completamente diferente daquele que Villas-Boas encontrou hoje e revolucionou não só o clube como até o próprio campeonato inglês. Ganhou, portanto. Foi para Itália, realidade completamente distinta e para um clube com o prestígio internacional arrasado e conquistou tudo. Champions, campeonato e taça. Resumindo, voltou a ganhar. Seguiu-se Madrid, um desafio do tamanho do Mundo, para lutar contra a melhor equipa de todos os tempos. Ainda não ganhou em toda a linha, mas voltará a ganhar de certeza. Isto é de grande campeão, de treinador de tomates.

André Villas-Boas é um borrãozito. Um puto cheio de medo do insucesso. Cairá de joelhos um dia, por muito bom treinador que seja. Um gajo sem tomates pode ganhar muitas vezes, mas nunca será um vencedor nato. Mourinho é-o, sempre o foi, e nisso... dá-lhe 10-0.

Abraço,
JC

Comparas os dois

como se, após a sua 1ª época, o Chelsea tivesse querido o Mourinho. Não quis. Como não quis, não sabemos se Mourinho teria escolhido ficar ou não.

E que raio nos garante que o paleio do Pinto da Costa é verdadeiro e não apenas chouriços para a malta bater as palmas do costume? Sair por ter medo de levar 3 ou 4 do Barcelona? Que coisa ridícula... Para alguns, se escolhem sair após épocas gloriosas, é porque "terminou um ciclo". Já outros, é porque têm medo.

Ai que o homem dizia que não

Ai que o homem dizia que não estava chateado com Villas-boas mas não ficou foi pouco.
Quanto à conversa dos 5, duvido que ela tenha acontecido. Sabe-la toda.

Este Pinto da Costa é demais!

Este Pinto da Costa é demais! Muitos diziam que estava a estrebuchar de morto, mas mesmo assim tem mais vivacidade que certos bigodaças na flor da idade!