Pelé: mais um jovem português sem oportunidades! | Relvado

Pelé: mais um jovem português sem oportunidades!

 

Após um ano em Itália, onde teve bastantes minutos de jogo ao serviço do Inter, juntamente com boas exibições e indicações que apontavam que se poderia tornar um grande jogador, Pelé transferiu-se para o Porto envolvido no negócio de Quaresma que fez o percurso inverso.Mas a verdade é só esta: desde que se transferiu para o Porto, Pelé raramente jogou. A início pensava-se que não jogava por estar numa fase de adaptação ao clube, mas mais tarde, juntamente com algumas boas exibições de Fernando, percebeu-se que Jesualdo Ferreira não contava com Pelé.Ao fim de meia época sem jogar, Pelé demonstrou a sua insatisfação por não jogar e mostrou-se disponível para sair do clube por empréstimo.Sendo eu um admirador das capacidades futebolísticas de Pelé, acho que este empréstimo pode ser bom para o jovem português ter mais oportunidades e assim mostrar o seu real valor e talvez vir a afirmar-se no Porto. Contudo, o facto do clube inglês ficar com opção de compra deixa-me insatisfeito, pois assim pode estar de partida mais um jovem português com potencial, sem que lhe tenham dado reais oportunidades, tal como aconteceu com Paulo Machado e muito provavelmente Vieirinha.domingos9

FC Porto:

Comentários [59]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Uma jogada

Cá para mim, Pelé nunca contou verdadeiramente para Jesualdo Ferreira. Todos sabemos as condições em que chegou ao Porto: como valor activo de 6 milhões de euros (estimado pelo Inter), e não propriamente como jogador de futebol. Sendo assim, o seu lugar no onze portista (pelo menos imediato ou a curto prazo) estava à partida comprometido. Isto porque Jesualdo já teria delineado o seu esquema e não considerou Pelé uma mais-valia capaz de o desfazer. Em matéria de negócios e de transacções, o FCP não brinca em serviço, e já provou em diversas ocasiões que "sabe bem o que faz". Como tal, e na minha modesta opinião, os portistas nunca consideraram Pelé homem para 6 milhões, mas aceitaram a oferta do Inter, porque Quaresma estava contrariado e não havia maneira de "subir mais a parada". Assim, o valor de mercado de Pelé sobrevalorizou-se graças ao Inter, o Porto coloca-o em Inglaterra e ainda põe mais 500 mil na opção de compra e procura desta forma recuperar o valor real que acha que Quaresma valia, mas que não conseguiu sacar directamente dele. Simples, não? p.s.: independentemente deste "golpe de mestre", é uma pena realmente estar-se a perder outro jovem valor português, que em nada é inferior a Fernando, mas que, para mim, não vale 6 milhões, actualmente; neste caso, curiosamente, o azar de Pelé foi estar com o valor sobrevalorizado.

Golpe de Mestre era adquirir Suazo...

Esse sim por custo zero valerá bastantes milhoes...

Errata

O título correcto seria Uma jogada "à Porto", e não apenas Uma jogada... :p

Que fazer?

Eu até sou um grande fã do Péle já de alguns anos para cá e fiquei muito contente dele vir para o Porto, mas a verdade é que ele chegou já numa altura muito adiantada da pré-época e teve azar do Fernando ter começado a jogar e diga-se muito bem! Agora o que queriam que se fizesse? Tirar o Fernando que tem jogado bem para arriscar no Péle? Não me parece certo. Também acho que o Péle pode ter mais potencial que o Fernando mas o que eu vi foi o Fernando a jogar muito bem na liga e um Péle a jogar só razoavelmente na Taça da Liga. Continuar com o Péle encostado, à espera que o Fernando se lesiona-se para ter uma oportunidade? Que desperdicio de potencial! Acho que o Porto fez bem em emprestá-lo a um clube da Premier League onde ele poderá jogar mais vezes e crescer como jogador no campeonato mais competitivo do mundo.

O problema é que o Fernando nem joga bem...

... sempre! Se assim fosse, creio que concordaria contigo, muito embora que não considero que o Jesualdo Ferreira saiba fazer rotação da equipa... 10G

Re: O problema é que o Fernando nem joga bem...

É verdade mas o Péle também pelo que vi dos jogos dele na taça da liga não fez por merecer a titularidade. Agora que o Jesualdo não sabe rodar a equipa isso é verdade aliás o Jesualdo tem muito poucas competências e capacidades a meu ver.

A taça da Liga são jogos...

... de 3 em 3 meses... como é que podemos exigir ritmo competitivo e exibicional a um jogador nestas condições? O Fernando demorou desde Agosto até Novembro para conseguir atingr a regularidade esperada de um jogador naquela posição... Teve foi a sorte de o Jesualdo Ferreira ter apostado sempre nele. Uma coisa é certa o JF não soube proteger os demais interesses económicos e potenciais do Porto nesta situação do Pelé. 10G

Re: A taça da Liga são jogos...

Pois... o grande problema vai ser se o Fernando se lesionar gravemente! Quem é que depois temos para o substituir? O Bollati?....

É outro que não tem tido oportunidades...

... como tem tido o Fernando! 10G

Excelente título Domingos9!

É exactamente nessa pequena frase aquilo que eu penso que sucedeu ao Pelé no Porto: falta de reais oportunidades e aposta. Penso que o Jesualdo Ferreira está a fazer um bom trabalho com o Fernando, mas creio que poderia tê-lo feito igualmente com Pelé. Por exemplo, no Benfica, independentemente dos resultados e das exibições da equipa como um todo, tenho gostado imenso da forma como Quique Flores tem vindo a dar oportunidades a todos os jovens com talento e que trabalham durante a semana como são os exemplos de Sidnei, Miguel Victor e David Luiz. Da mesma forma que Quique vai dando hipóteses, muitas vezes de 2 ou 3 jogos seguidos a titulares, o Jesualdo Ferreira penso que poderia ter feito o mesmo com Pelé, isto para não falar de Tomás Costa e de Guarin que me parecem bons jogadores. 10G

É coador*

O Miguel Sabugo Tavares (também conhecido por monge copista), no seu modo desajeitado característico de quem já foi desenfreadamente a correr contra muito muro (é a única explicação que encontro para aquela fisionomia), faz hoje uma extraordinária incursão pelo mundo da ginástica desportiva e mostra um impressionante repertório de piruetas, mortais encarpados e flic flacs à retaguarda (demonstrando uma elasticidade a todos os títulos notável para alguém semelhante a um boxer com 150 anos) para tentar demonstrar que o clube condenado por corrupção não foi beneficiado pelo árbitro (e uso livremente o termo) no jogo contra o Braga, ao invés do jogo com o Benfica em que, de acordo com o monge copista, a verdade desportiva foi adulterada. O brilhante escriba inicia a prova com um elegante movimento que partiria a espinha a uma pessoa sem a sua flexibilidade e relativiza o fora-de-jogo do Homem-Porco, Capitão América ou Hulk ou lá o que é, porque – saboreemos a excentricidade da alarvidade – ‘quem estava em off-side (é um moço culto, não gosta do popularucho ‘fora-de-jogo’ – ou então foi assim que copiou) foi o jogador que assistiu e não o jogador que marcou’. Bom, assim é completamente diferente. Ah, a genialidade deste moço, o seu libertador brilhantismo que quebra com as amarras do pensamento mainstream e nos conduz em direcção à iluminação intelectual. É inacreditavelmente genial, de forma sublime. É, muito provavelmente, o tipo mais brilhante que já viveu, desde o início da história da humanidade (e, provavelmente, até antes disso). É superlativamente inteligente, inacreditavelmente perspicaz, impossivelmente arguto. De seguida, o Sabugo continua alegremente a espraiar a sua elegância pelas barras paralelas e, num vistoso movimento acrobático, vomita que se anulou um golo a um tal de Tomás Costa, o que ‘tornaria inútil a discussão sobre os penalties da segunda parte’. Recapitulemos: como decide que devia ter sido golo, isso invalida a discussão sobre o que aconteceu no resto da partida, porque implicaria uma alteração do fio da realidade e todos os acontecimentos daí em diante seriam afectados, criando um futuro diferente. Parece complicado? Nada que o cientista dos filmes do Back to the Future não vos consiga explicar. Isto, na verdade, é profundamente revolucionário e cria uma nova escola chamada ‘Determinismo Obtuso’ segundo a qual, por exemplo, um lançamento de linha lateral decidido ao contrário pela equipa de arbitragem aos 30 segundos vicia de forma fatal um jogo porque – ah, o medo - altera o continuum da realidade e torna inútil a discussão de qualquer lance a partir daí. Bonito. Não satisfeito com a magnífica exibição de agilidade, e já numa perspectiva de exibicionismo que roça a vaidade (como quem diz: ‘há muito mais piruetas de onde estas vieram’) ainda nos presenteia com duas piruetas invertidas de belo efeito. A saber: no penalty sobre o Meyong defende que é o Meyong que vai contra o Helton e não o contrário – as leis do espaço e do tempo não se aplicam de forma coerente no universo da Nadia Comaneci da imprensa desportiva portuguesa; na mão do Guarín dentro da área, curiosamente a emissão que lhe proporcionou as esclarecedores repetições que lhe permitiram ter certezas nos lances do Meyong e do Tomás Costa aqui já não lhe conseguiu ‘mostrar o lance com clareza’. Se por um lado é engraçado (e bizarro - não esqueçamos bizarro) ver uma figura semelhante a um carapau seco de 2 metros a emular jovens adolescentes de Leste em saraus de ginástica, por outro lado é triste e incomodativo, porque depois das piruetas aterra sistematicamente de cara. E aquela cara já sofreu que chegue. * O monge copista é uma espécie de coador viciado que filtra apenas a estupidez, concentrando-se ferozmente nela, e retém esquecidos na rede a verdade e o sentido de vergonha (e arbitragens como as do Rio Ave-Benfica, Guimarães-Benfica, Benfica-Setúbal, Leixões-Benfica, Benfica-Nacional e Belenenses-Benfica), que depois atira para o lixo. http://tertuliabenfiquista.blogs.sapo.pt/

Re: É coador*

os teus posts de copy paste são sempre uma boa forma de não ter de tomar medicamentos para as insónias...

O problema aqui é que...

O Pelé é português, se o Pelé fosse brasileiro ou argentino... cumps

Respondendo "À la CURVA SUL..."

"O Pelé?! Fdx... andamos a brincar?! Este FDP só quis noitadas e copos tem o que merece! Deus queira que os ingleses fiquem com ele... O Porto deu-lhe todas as hipóteses de ser uma máquina, não quis?! Boa viagem com pontapé nesse cú. Mas tomara o BENFICA tê-lo lá. É sempre 10 vezes superior ao perneta do Yebda, ao lesionado do Aimar e ao caceteiro Katsoutanis."

Re: Respondendo

lol «Até num artigo sobre o FC Porto,falas do benfica.Nós não somos grandes,somos ENORMES!»

Re: Respondendo

Essa referência do Benfica é tua. Não fosse um clube com pernetas e lesionados e que vai lutar pela UEFA. :P

Re: Respondendo

muito bom!! sem mais, ENORMES ENORMES ENORMES. Somos os campeões dos ENORMES!

Re: Respondendo

Mas isto não é um artigo sobre o Porto? Era suposto estar-se a falar de quem?

Re: Respondendo

Mas tomara o BENFICA tê-lo lá., The First dixit...

Re: Respondendo

Aquilo não é bem do The First, repara nas aspas e no título do comentário.

Re: Respondendo

Benfica? Aquele clube que tá em 2º- lugar? xD

Estamos a falar de que Pelé?

O que mostrou ESTE Pelé para poderem dizer que não teve oportunidades e é superior ao Fernando? Para começar, um erro que muitos parecem cometer. Dos poucos jogos que vi do Pelé (principalmente Mundial Sub20), ele não jogava como trinco, o trinco a sério era o Nuno Coelho. Logo, é errada a sua comparação directa ao Fernando, aliás, não têm mais nenhum jogador com as caracteristicas dele. Depois, O QUE MOSTROU PELÉ, para além de uma apetência fora de normal pela noite? E onde estão os bastantes minutos de jogo do Pelé no Inter? 500 minutos são bastantes minutos? Em jogos em que na maior parte não foi titular (11 jogos como suplente em 15 presenças na serie A)? Ah, Águia Real para presidente da Republica. Melhor, para ditador vitalício, em 5 anos estávamos ao nível dos países escandinavos. E mandem o Fernando para sul, já que mostrou pouco.

Re: Estamos a falar de que Pelé?

Mas tu viste-o a sair à noite? Porque é que todos os jogadores que não singram no Porto têm sempre em cima esse rótulo? Há que ter algum senso para não se estar a acusar baseado apenas em boatos! Nada pior que ser boateiro! De resto, nem está em causa o valor do Fernando! Que nem é para aqui chamado! A questão que se discute é o Pelé e duas óbvias conclusões se podem tirar: - O Pelé não teve oportunidades, como nenhum jovem português teve com o Jesualdo. - O FC Porto não tem ninguém, para fazer o lugar do Fernando se se lesionar! Parece impossível mas tinha de acontecer! O Fernando lesionou-se e não joga pelo menos com o Leixões e o Belenenses. Terá de jogar o Guarin ou o Raúl Meireles como trinco que já provaram à saciedade não saber jogar ali!

Re: Estamos a falar de que Pelé?

Acerca do modo de vida do Pelé até gostava de conhecer as fontes de alguns relvas (qual a tua LG?). De tanto boato que se cria, às vezes acerta-se...infelizmente. Cumprimentos

Re: Estamos a falar de que Pelé?

Não é nenhum boato,e eu sou prova disso :). Cumps

Re: Estamos a falar de que Pelé?

Eu sei que não é boato, mas gostava de saber quais as fontes do LG, só isso. Cumps

O fernando não é para aqui chamado, Dragão13?

Do artigo: Na minha opinião Pelé merecia mais oportunidades, pois apesar de algumas boas exibições de Fernando , o português é superior ao brasileiro. Eu acho o contrário, acho o Fernando bem superior. E acho indiferente ser português, brasileiro ou chinês. Como disse abaixo, o Pelé beneficia da marca Gestifute. E, na minha opinião, não têm outro trinco no plantel, NEM tinham caso o Pelé se mantivesse no Porto. O Pelé é tão trinco como o Guarin, o Meireles e como o Bolatti. Pelo menos "trinco" na forma como o vê o Jesualdo, não têm nenhum. Quanto à boataria, não é preciso vê-lo para saber o que se passa. E quanto ao facto de o jesualdo nãop apostar em jovens portugueses, vê lá se isso é mesmo assim. E analisa também a outra parte interessada no carro$$el de transferências.

Re: O fernando não é para aqui chamado, Dragão13?

Eu não falei no Fernando e acho-o aliás bastante limitado! Ou melhor, demasiado limitado talvez devido à visão do Jesualdo Ferreira do papel de trinco! É que o Fernando cumpre à risca o que o treinador lhe manda e dada a maneira como o técnico entende o lugar de trinco isso é mau! Quanto ao Pelé, é mesmo, quer queiras e gostes ou não um verdadeiro trinco e mostrou-o nos poucos minutos que jogou pelo Porto! Claro que, como sabe jogar a bola e tem outra escola, não se confina a um papel demasiado à Jesualdo, isto é, não participante no jogo ofensivo da equipa! Quanto às questões de "noitadas" falei nos boatos e não por acaso! Faço disso prinipio da minha acção: jamais sou "caixa de ressonância" de boatos de que não tenho conhecimento pessoal! E isso já me poupou muitas vezes ser estupidamente injusto! Cumprimentos!

Pelé era trinco na selecção de Caçador...

... que chegou a jogar com o seguinte meio-campo: ................ Pelé ................. .................... Miguel Veloso .... .... Manuel Fernandes ................. 10G

Re: Pelé era trinco na selecção de Caçador...

Nesse meio-campo do Caçador ainda cabia o P.Machado.Uma anedota este Caçador.