FC Porto sofre mas passa no Restelo | Relvado

FC Porto sofre mas passa no Restelo

Dragões venceram Belenenses por 2-1.
 
Brahimi em ação no FC Porto

O FC Porto alcançou este domingo o terceiro triunfo consecutivo na Liga NOS, ao vencer fora o Belenenses por 2-1, e igualou provisoriamente o Benfica no segundo lugar, com 55 pontos. Mas os encarnados só jogam esta segunda-feira, assim como o Sporting.

O triunfo, como os números indicam, foi difícil e ninguém ficaria surpreendido se o resultado tivesse terminado empatado. Valeu ao FC Porto uma entrada forte, que colocou a equipa de José Peseiro a vencer por 2-0 aos 20 minutos. Brahimi fez o primeiro golo aos 9’, aproveitando uma bola dividida entre Suk e Gonçalo Silva; e Tonel foi (mais uma vez) infeliz, desviando a bola para a própria baliza aos 19’, num autogolo incrível.

Pensou-se que o FC Porto tinha o desafio ganho. Mas o Belenenses encheu-se de brios e pegou no jogo, procurando oferecer aos adeptos um resultado positivo. Carlos Martins acertou nos ferros à passagem da meia-hora, num lance demonstrativo do esforço da equipa da casa.

Após o intervalo, intensificou-se a pressão da equipa do Restelo, quase sempre graças às iniciativas de Carlos Martins e Bakic. O FC Porto, que denotou algum cansaço, optou por gerir os esforços e a vantagem.

Juanto reduziu aos 60 minutos e fez acreditar ainda mais o Belenenses, que até final dispôs de várias oportunidades para igualar. Valeu aos azuis e brancos a atenção de Casillas e a falta de pontaria dos homens da casa para regressarem ao Porto numa posição que ainda lhes permite acreditar no título.

Equipas:

Belenenses - Ventura; Geraldes, Tonel (Miguel Rosa, 46’), Gonçalo Silva e Fábio Nunes; Aguilar, Rúben Pinto (Tiago Caeiro, 84’), Bakic e Carlos Martins; Juanto e Sturgeon.
Suplentes: Ricardo Ribeiro, Miguel Rosa, André Sousa, Tiago Caeiro, Tiago Silva, Dias e Filipe Ferreira.

FC Porto - Casillas; Maxi Pereira, Chidozie, Marcano e José Ángel; Danilo, Herrera e André André (Evandro, 75’); Brahimi (Varela, 88’), Suk e Corona (Marega, 64’).
Suplentes: Helton, Ruben Neves, Sérgio Oliveira, Evandro, Varela, Marega, e Aboubakar.

FC Porto:

Comentários [6]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Dragay de ourina como

A ave despenada presimente do Ficamal, Luis f Vieira.

Até respondes a ti próprio

e até aqui falas no Benfica, dragarto demente! OHOHOH

Luisa Hepatite Paneleira

Lol

Chupa-mos!

OHOHOH

A LIGA TONEL CONTINUA!

TUDO SE PASSA NESTA LIGA PORCOENÇA!

TANTO

FALAVAM NO TONEL QUE AGORA TIRARAM PROVEITO DELE! E AS TONELADAS A FAVOR DOS DRAGARTOS CONTINUAM! QUE VERGONHA! AGORA FOI UM AUTO GOLO! E AINDA DIZIAM QUE O BELENENSES TINHA ABERTO AS PERNAS AO BENFICA E QUE O BENFICA TINHA PAGADO OS SALÁRIOS AOS JOGADORES DO MESMO! COMPRARAM O JOGO COM AQUELA COROA DE FLORES? ESTES PORCOS CORRUPTOS ATÉ TÊM DRAGAYS DE OURO NA ADMINISTRAÇÃO DE SADS DE CLUBES DE LISBOA! AGORA OS ADEPTOS DRAGARTOS QUE COSTUMAM COMENTAR AQUI NEM PIAM! POR QUE SERÁ?