O adeus ao Porto de Jorge Costa | Relvado

O adeus ao Porto de Jorge Costa

 

devenish diz: "Jorge Costa, se assinar
pelo Standard Liège, irá certamente acabar a carreira num clube que não o
FC Porto. Teria Pinto da Costa margem de manobra diferente da que utilizou ao
dizer que compreendia o Bicho? Poderia ele interferir nas opções de Adriaanse e
pedir-lhe para colocar a jogar o central? Penso que não, isso não seria
admissível. Deveria J.Costa, que anunciou a sua despedida no final desta
época, manter-se até ao fim, jogando apenas alguns minutos a título de
despedida? Seria uma despedida à moda de João Pinto e Paulinho Santos,
mas não à moda de Fernando Gomes que não se submeteu a isso. Será a
saída de J.Costa benéfica para o balneário do FCP? Que recordações
particulares guardam de J.Costa?"

FC Porto:

Comentários [44]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Tendência dos clubes grandes em Portugal

Parece ser uma tendência dos clubes grandes em Portugal nos últimos anos.

Antigamente, existiam as festas de despedida, mas desde à algum tempo, curiosamente com a passagem dos clubes a SAD que isso não se verifica - embora anteriormente já existissem alguns casos.

Muitos deles acabam dispensados, outros acabam simplesmente, sem que o clube que os recolheu por muitos anos, mostre algum reconhecimento.

já cheirava mal

vai-te...n keres...vai-te...lugar já n tens...o k keres então...jogar??? kerias!!!!
Os jogadores de futebol têm k acabar algum dia...este já deu o k tinha k dar no FCP...foi importante foi sim senhor...mas falando de bola...já passou á história...n é k o Porto tenha grandes centrais porque n têm, mas julgo k está mais k na altura de os fazer, se n jogarem n se fazem...
Agora ter lá o cota no fim de carreira com a mania k é o Maradona dos centrais é k ñ!!!! ou fica e tá calado porque lugar já n tem, ou se ker jogar ( e eu acho muito bem )vai pra um club com menos ambições...

Muitas vezes

se tem falado do tão raro que é encontrar um jogador que jogue com amor à camisola, um jogador que deixe a "pele" no campo, de um jogador que seja um exemplo de sacrificio para os colegas de profissão.
Aliado a isto tudo, um capitão à moda antiga...que põe até os árbitros em sentido...

Quando se fala num jogador com essas características quem não pensa no Jorge Costa?

Certo...

Kem se lembra de um jogador com essas particularidades, lembra-se do Jorge sem duvida...mas kem gosta de golos todas as jornadas k se vê um grande golo se lembra do Jardel...Saudosismo é lindo mas n leva lado nenhum...uns foram bons numa coisa outros noutra...mas acabam e ficam pra história...temos k fazer centrais novos urgente...

És grande!!!

Uma das frases que este homem merece, é: muito obrigado Jorge por sempre sentires genuinamente o clube e jogares como poucos. Arreganho, amor à camisola, espírito de sacrifício e de equipa, serão adjectivos curtos para qualificar o "bicho".

Infelizmente tudo na vida tem um desfecho. Em alguns casos esse mesmo desfecho é progressivo e talvez menos doloroso. O deste homem não o foi! No caso do Jorge, há a infelicidade deste ter levado pela frente com alguém de ideias fixas e sem medo de pôr em causa quem na sua opinião não cabe na sua filosofia.
        Daí que pense que Jorge Costa a deixar o Porto, o que me parece uma inevitabilidade, naturalmente porá fim a um ciclo da pior forma, saíndo claramente "empurrado".
        O Porto em todo este processo, terá ainda tentado demover Jorge Costa, numa tentativa de o manter no balneário, mas a vontade de ainda dar uma perninha terá sido mais forte. Nada há quanto a mim a censurar em todo este processo, nem ao Jorge, nem ao Porto e muito menos a Co Adriaanse o "perpretador" desta situação.

          Não discuto a qualidade futebolística de Jorge Costa, apenas afirmarei que tenho pena que a sua utilíssima presença no balneário se vá perder. E assim se encerra um ciclo e se perde um símbolo mor do Porto.

        Boa sorte nesta nova aventura!!!

:::::Mingos:::::

Re:És grande!!!

Mingos, dá-me licença de fazer minhas as tuas palavras!

Acrescentaria apenas que espero ver o J.Costa voltar ao FC Porto, ainda que não o volte a fazer como jogador!
Quem ultrapassa graves lesões como ele ultrapassou... ultrapassará esta fase sem dificuldades.

Um grande obrigado!!

Re:És grande!!!

Se há símbolos do nosso clube que voltaram/mantiveram e merecidamente diga-se, Jorge merece o mesmo percurso. Seja qual for a figura institucional que um seu cargo represente.

Cumps

Uma saída triste!

Creio que esta saída de Jorge Costa é uma saída triste! Triste por ir acabar a sua carreira num clube estrangeiro, longe daquele que sempre serviu e que o projectou internacionalmente; triste por obrigar Jorge Costa a emigrar coisa que nunca quis; triste por ser provocada por um treinador imbecil, incapaz de perceber como se devem fazer as coisas.

Não estou convencido, a julgar pelo que fez no ano anterior, que Jorge Costa ainda fosse capaz de ser titular do FC Porto. Mas daí até aceitar que o técnico diga que é o 5º central do plantel ou que poderá jogar se os outros centrais estiverem indisponíveis vai uma diferença enorme!

Gostaria de ver o "Bicho" integrado nos quadros do FC Porto, depois de terminar a sua carreira futebolística e creio bem que merecia mais que isto.

Talvez que na sexta-feira o Jorge Costa possa descer ao relvado do Dragão para se despedir do público. Será uma boa oportunidade para os adeptos mostrarem a sua gratidão ao capitão e também o que pensam do Co Adriaanse. Merecidamente!

algumas recordações

-lembro-me do caso em que ele deitou braçadeira ao chão num jogo em casa diante do vitória setubal que ditou o seu afastamento da equipa e ingresso no charlton a titulo emprestimo

-dum jogo em belem onde ele bisou.

-de ter levantado taça uefa e liga campeões com baia lado a lado

-de varios titulos conquistados pelo FCP com ele presente

-de varios jogos onde deu tudo por tudo para levar FCP a bom caminho das vitórias

e muito mais se podia dizer

Museo

Prontos...é isso...é o jogador ideal pra mais vezes estar representado na sala de trofeus do club...tal como o Pinga, Gomes ou Madjer...e esses também já n jogam e n deixam de ter sido grandes simbolos do club por isso...este já passou de moda e ainda por cima n está calado...ker jogar joga noutro club...

Re:algumas recordações

no tempo em que jorge costa atirou a brassadeira pró chão, o fcp tinha um treinador que tinha tomates.
o grande otábio nunca teve medo do bicho, prova disso é que o capitão até foi obrigado a fugir prá inguelaterra.

É uma pena

Há muitas pessoas, inclusive muitos adeptos do Porto, que acham que o Jorge Costa só foi bem no ano passado por ter o Ricardo Carvalho a seu lado. Não acho que isso seja verdade, por isso penso que vai prematuramente. Ainda tinha muito a mostrar no futebol português. Foi uma injustiça, porque não se pode dizer propriamente que os outros defesas centrais do Porto são muito bons. Por isso é uma pena que o Porto tenha feito o que fez agora com o Jorge Costa, apenas para alguns eventualmente poderem ganhar um pouco na sua transferência. Parece-me claro que o O Co Adriaanse não é o único responsável por esta saída.

Keres leva

meu deus keres o Cota...leva-o de vez...ele e o hugo dariam uma dupla temivel de centrais...de certeza k o SCP deixava de sofrer tanto golo...

Grande obrigado

Um grande obrigado para o grande capitão, digno sucessor de João Pinto na garra com que defendia o clube dentro e fora das quatro linhas, talvez nao seja o final mais justo para alguem que deu sempre muito a este clube mas por vezes a vida não é justa.

Quanto á minha opinião pessoal acerca da saida, nao posso comentar muito porque nao sei como é que o Jorge Costa estava a lidar internamente (no balneario) com esta situação de nao jogar, mas exteriormente(para a imprensa) sempre foi muito correcto e nunca mostrou má cara por não jogar, apenas alguma insatisfaçao, o que é normal porque qualquer jogador que realmente tenha prazer no que faz gosta de jogar, ainda mais quando se sente tanto a camisola como ele sente.
Era uma força importante dentro do campo e fora do campo, desejo-lhe as maiores das sortes no Standard, quem sabe se daqui a uns meses não estara a festejar o titulo de campeao...da Belgica e a festejar(por fora) o titulo de campeao Portugues...

CUmps

Posso estar enganado...

...mas tenho a impressão que esta história do Jorge Costa ainda vai dar "pano para mangas".

Jorge Costa não foi "encostado" foi-lhe autenticamente passado atestado de incompetência.

Veremos por alturas da reabertura da feira, em que lugar estará o Porto versão "laranja mecanica" na Liga Betandwin.com, se se mantem a lutar por em Maio vir ao Centro de Estágio do Benfica, disputar o caneco e se continua a dar passeios quinzenais pelo velho continente "a caminho" da cidade Luz ou da sede da Philips...

Jorge Costa

Um simbolo

Fico triste por ele não acabar a carreira no FCP. Sairia pela porta grande. Assim mostra ter mais amor ao futebol que ao fcp. Não tira nada a grande admiração que tenho por ele.

Se há coisas em que algo é certo

è o apego por identidade e amor há terra que o viu nascer, à região que se fez crescer, à memória que irá transportar.
Não sei como vai ser a experiencia lá fora, mas uma coisa é certa, sei onde ele vai voltar!
Grande Jorge.És um Senhor.

Notícias na Hora (fictício)


O treinador do Porto, Co Adriaanse, sabendo da ida iminente do Sr. Porto para o Standard Liége, vai pôr o central a titular na partida com o Sporting da próxima sexta-feira.

Ao que parece, o holandês vai novamente surpreender com mais uma das suas convocatórias, sendo esta a ocasião ideal para Jorge Costa se despedir do FC Porto e dos seus adeptos.

GANDA BICHO

foi sem duvida

um grande jogador, com aquele porte atletico eu interrogava-me, como era possivel o bicho aguentar 90 minutos de jogo sempre em acção.

Mesmo não sendo do meu clube tenho pena da sua partido, porque acho que merecia acabar em grande no seu clube de sempre! O PC falhou muito, neste caso...

Gomes é finito

Lembro de uma frase do Ivic quando treinava o FCP:
"O Gomes é finito".
E la o Gomes foi embora do FCP e foi para o SCP onde nao fez nada de especial e terminou assim a sua carreira no SCP com 34 anos o grande capitao e goleador do FCP.
O Jorge Costa é a mesma coisa.
Para mim e para muitos adeptos do FCP que saibam ver futebol o Jorge Costa`é...FINITO.

Num futebol Português actual

cheio de meninos e meninos vedetas e com tiques e com cabelo apanhado e com trancinhas e com tatuagens e com penteados (...) etc,

O GRANDE CAPITÃO Jorge Costa é um líder porque é um HOMEM no nosso futebol.

A raça que sempre demonstrou, a liderança da equipa, a dedicação, a garra que sempre teve, o espírito guerreiro, a força motivacional dum balneário, o brilhantismo, o carregar a equipa em ombros e defendê-la sempre que foi preciso, o respeito que o mundo do futebol lhe reconhece internacionalmente, etc etc etc.

Jorge Costa faz parte do lote dos GRANDES capitães de equipas Portuguesas de sempre! Eu admiro este homem, porque basta-me ver-lhe o olhar. O fogo do DRAGÃO vive nele e ele vive em nós, PORTISTAS.

Respeito, admiração, carinho, gratidão, ORGULHO é tudo o que sinto por um dos últimos HOMENS do futebol Português.

Nunca serás esquecido, Jorge Capitão.

Decisão muito dificil...

Primeiro, quero dizer como benfiquista que aprendi a admirar o Jorge Costa e continuo a achar a suas qualidades inegáveis.

Posto isso, penso que apesar de dificil o presidente do Porto tomou a atitude certa. Ele ja provou por várias vezes que as decisões do treinador são soberanas ( e Jorge Costa ja tinha sofrido isso na pele no caso braçadeira ), e nao era justo para um símbolo como o capitão portista acabar a carreira na mó de baixo e remetido à impossibilidade de jogar.

De certeza que Pinto da Costa queria manter o Jorge Costa na equipa por toda a mistica que ele carrega consigo, mas ele também percebeu que deixar o jogador acabar contrato sem jogar era uma triste forma de homenagear tudo de bom que o mesmo deu ao clube.

MAS... Como Pinto da Costa nao costuma esquecer os seus, não acredito que isso fica assim. Com certeza que o Jorge Costa nao acabará a carreira no Porto mas ja tem lugar reservado para um cargo qualquer à sua disposiçao... Quem sabe de treinador

Re:Decisão muito dificil...

Desculpa mas estou em desacordo. Um jogador quando decide acabar com a sua carreira e porque sente que ja nao tem capacidades para mostrar o seu potencial.

Ja outros jogadores do Porto passaram pelo mesmo caminho e no entanto em algum dos casos foi feito algo de especial. So recentemente lembro o Paulinho Santos que ate aos oubros foi levado pelos colegas de equipa. Nunca jogou mas tambem nao mostrou insatisfacao por tal.

Ele era a voz de comamdo da equipa por ser veterano, mas nunca veio para os jornais vender postas de pescada. No final o Mourinho ate o deixou jogar e se nao estou em erro ate marcou um golo, foi assim prestada a sua merecida homenagem sem calafrios.

O Jorge Costa unicamente tinha de acatar as ordens do treinador e se calhar no final do campeonato a festa seria bem maior do que a do Paulinho. Assim vai acabar por sair pela porta pequena ja que nao havia necessidade para ele abandonar o clube que ele diz tanto gostar. Fica o Porto a perder por sair um simbolo, mas fica ainda a perder mais o jogador.

Cumps.

O Capuchinho Vermelho

"....e depois veio o Lobo mau e o Jorge Costa treinar o FCP com o Capuchinho Vermelho a Central...."

Um verdadeiro PORTISTA

J Costa é importante para o balneário sem dúvida. Mas penso que a sua mais certa vontade de sair mostra o seu verdadeiro caracter. Em vez de se acomodar e passar uns últimos anos sossegado, mesmo sem jogar, J. Costa não se acomoda e vai à luta. Nunca poderá ser acusado de viver a custa do clube, coisa que outros já não se poderam gabar. Penso que os factos deviam ser vistos de outra maneira, e não com tanta negatividade como têm sido explorados.

É tramado...

Respeito as decisões do treinador, mas estou triste como tudo por o nosso Capitão ir embora. Sempre foi o meu jogador preferido, estampado na camisola que tenho e com ele em campo o feeling era outro. As pernas podiam falhar, mas a presença e voz de comendo, nunca. Defendia, berrava e até atacava se fosse preciso. Quantas vezes não estava lá ele para tentar marcar e algumas até decidiu jogos importantes. Se realmente for embora, desejo-lhe toda a sorte do mundo e sei que não há um portista que não o queira de volta, seja em que cargo for. Quem sabe um dia é Mister? Se um Adriaanse incomoda muita gente, um Jorge Costa incomoda muito mais!
Há muitos jogadores com amor à camisola, em Portugal vários, como ele, nenhum :)

Já agora...

"voz de comando"

Este é um daqueles...

... a quem a SAD deve agradecer com um cargo de treinador das camadas jovens do Porto num futuro próximo.

Não haveria melhor maneira de transmitir a mística, desde pequenino!

Recordo-me...

... duma figura muito triste - deve ter sido impulsionado a fazer o que fez plo presidente - a imagem que me fica dele é a de coitadinho na conferência de imprensa com a cara toda lavada em sangue por ter levado uma cabeçada do Weah que - ironia das ironias - ganhou o prémio Fair-Play nesse mesmo ano.

Mas se se recordarem, o Weah fez o que fez porque o mesmo Jorge Costa lhe tinha pisado a mão (que ficou fracturada) em Milão na 1ª mão do embate entre as duas equipas...

... quem anda à chuva molha-se!

Re:Recordo-me...

Não percebi bem a ideia da tua escrita!
Peço desculpa se estiver enganado, mas o que escreveste meteu-me nojo! Até por ser uma visão estúpida e deturpada duma história que não era para aqui chamada!
Infelizmente isto está cheio de clubismo doentio!