Falcão e Rúben Micael ou a verdade da mentira | Relvado

Falcão e Rúben Micael ou a verdade da mentira

Acreditam mesmo que estas duas vendas foram realizadas nos moldes como foram apresentados?
 

Este artigo não tem por objetivo pôr em causa a qualidade do negócio realizado pelos dragões, mas perguntar-lhes, isto depois de terem contestado alguns dos últimos negócios encarnados, se acreditam mesmo que estas duas vendas foram realizadas nos moldes como foram apresentados.

Pelo meu lado penso que as duas vendas não podem ser dissociadas uma da outra e que se não há dúvidas que o "pack" foi vendido por 45 milhões, já sobre cada parcela individual surgem-me algumas reticências.

Tenho dificuldades em perceber como um jogador como o Micael, não sendo nem de perto nem de longe, um jogador de excelência, tenha sido vendido a preço de custo. Isto depois de se ter transferido do Nacional para o Porto, de se ter estreado pela Seleção (com dois golos) e de ter ganho tudo na época transata, tendo um papel de algum relevo na sua equipa. E não valoriza nada com todos estes fatores? Não acredito!

Acredito sim que o Porto, detendo apenas 60% do passe, não quisesse dar uma maior fatia do bolo ao Nacional, acordando assim com o Atlético a divulgação destes montantes. Para os madrilenos nada muda, pois terão sempre de pagar o mesmo. Aliás, não teria muita lógica comprarem o Falcão por 40 milhões e incluírem mais 7 por objetivos, suplantando assim a cláusula de rescisão.

E sendo assim, o Falcão foi vendido bem abaixo da cláusula, isto apesar das constantes manifestações de Pinto da Costa que só saíam jogadores do Porto batendo a rescisão. Tendo em conta as críticas que foram feitas a Luís Filipe Viera por declarações semelhantes, que dizem agora os adeptos portistas?

Como é óbvio, se foi deste forma que as coisas se passaram, isto não constitui por si uma ilegalidade, mas apenas uma falta de ética moral (nada de muito estranho, diga-se) em relação a um clube que sempre foi muito amigo do FCP. Basta lembrar deste negócio Micael ou dos negócios Adriano e Assunção.

FC Porto:

Comentários [87]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

É tipo isso

Até ia responder mas acabaste por me poupar esse trabalho.

O resto é conversa.

+1

Excelente comentário.

Tenho uma dúvida: o FCP queria ter mesmo um jogador no seu plantel a ganhar 250mil/euros??

Não teria Hulk o direito de reclamar o mesmo?
Não teria Moutinho o direito de reclamar o mesmo?

O que eu digo é que um ordenado desta magnitude ia provocar desiquilibrios entre os salários do atual plantel o que iria de certo introduzir entropia no relacionamento enter os jogadores.

O FCP tinha um problema em Maio, conseguiu resolver o problema com ganhos monetários.. E isso foi fantástico!!!

Salario Hulk

Caro Relva, tanto quanto li há uns tempos, Hulk já ganha exactamente isso, 250 mil euros mês. record nacional e tecto para o nosso clube.
Moutinho? merece sem duvida, até porque se estiver bem no clube creio que teremos capitão.

Além disso, quando cebola ganha 135....

Excelente comentário, tudo

Excelente comentário, tudo explicadinho e literalmente como eu penso - única ressalva é que dou muito mais valor ao Rúben do que tu, apesar de reconhecer que com Moutinho, Guarin e Belluschi seria a 4ª opção no plantel. Também tenho pena do clube "escolhido" pelo Falcão. Merecia muito, mas muito mais... Mas isso só a ele lhe diz respeito. Nós ficamos com a belíssima atitude que teve connosco.

Falcão-Rúben

É claro que 45 Milhões é o valor do pack, isso não levanta qualquer tipo de dúvida. 45M€ era o valor que o Porto queria (e com o qual estava a contar) pelo colombiano. O Atlético não dava esse balúrdio por um único jogador, então, incluiu-se o Rúben no negócio. Na hora de declarar (e por 1001 razões que já foram aqui abordadas, incluindo a própria força negocial do Atlético numa futura re-venda), deu 40+5. Rúben não vale 5M€, nunca valeria. Mas foi assim que deu mais jeito a todas as partes...

Agora, a questão é esta:

- Primeiro: o Rúben TINHA de sair, senão isto não se tinha concretizado. Provavelmente, até por vontade própria, a fim de assegurar a presença no Euro 2012. O Porto ter-se-á comprometido a procurar-lhe clube e acabou por juntar o útil ao agradável. Acredito eu. Mas não fará o Rúben falta daqui por um ano? Ou no caso do Moutinho sair este defeso, não fará falta na época que agora começou? Além de ser português, é um jogador enraizado no clube e que já mostrou todo o potencial para ser primeira linha na equipa... Mais: se o Porto está a fazer esse frete todo pelo Rúben, só para que ele possa jogar o Euro, porque não o faz com Beto também?

- Segundo: porque raio quis o Atlético o Rúben para emprestá-lo sem ele fazer um único treino?! O que é que estará por trás de um negócio onde já se sabia que o Rúben não era para o plantel do Atlético mas sim para o do Saragoça? Será que o Porto o poderá re-comprar daqui por 1 ou 2 anos? Será que a ideia é vir algum jogador do Atlético para o Porto daqui por um ano (Sálvio, por exemplo), indo o Micael para Madrid nessa altura? Não sei, mas este negócio tem algo de estranho.

Concluíndo, em minha opinião: Falcão deve ter valido na ordem dos 37/38M e Rúben algo como 7 ou 8, fazendo o Porto um negócio brilhante com dois jogadores que tinham de sair e salvaguardando a mínima verba a dar ao Nacional. Na próxima época, a "explicação" da presença de Micael no pack surgirá: ou regressa ao Porto por meia dúzia de tostões ou fica no plantel do Atlético e vem o Sálvio quase de graça jogar no Dragão. É a minha leitura, mas vamos ver...

Resta agradecer ao Falcão a atitude nobríssima que teve para connosco. Vai para pior, mas isso é uma decisão que apenas lhe compete a ele. Quer renovar a ambição, ter coisas novas para ganhar, jogar numa das melhores ligas do Mundo, acreditar no projecto que Cerezo tem para voltar a colocar o clube no topo? Tudo bem, respeito tudo isso e é uma decisão que só a ele lhe diz respeito. Mas a atitude de aceitar aumentar a cláusula e, literalmente, OFERECER mais uns milhões para o clube depositar no mealheiro, confiando inteiramente na palavra da direcção portista e dando um cabal sinal de respeito pelo clube... isso não tem preço. Não se paga.

Podia ter feito como o outro filho da puta e virado as costas ao clube, mas não fez. Até ganhava mais com isso porque, por 30M, muito mais fácil seria ter saído para um clube mais importante. E Falcão não é português, não tem 20 ou 30 anos de carreira pela frente, nem é portista desde pequenino. Merece tudo. Tudo. Merece muito ser feliz.

Eu, por mim, fico com a imagem mais bonita possível de um dos melhores jogadores da história do Porto e da história do futebol português. O melhor ponta-de-lança do Mundo na actualidade. Predador, batalhador, mortífero com qualquer um dos pés ou com a cabeça. Único, irrepreensível, com uma personalidade e um talento que vão deixar fantasma no Dragão, com um carinho do povo que os outros levam ANOS a alcançar. Um génio na arte dele.

Eu vi, eu estava lá. Sou do tempo do Falcão. O resto é letra para encher jornais e fóruns.

Abraço,
JC

Amen!!!

Amen, caro artenigma, Amen!!!!

...

"Concluíndo, em minha opinião: Falcão deve ter valido na ordem dos 37/38M e Rúben algo como 7 ou 8, fazendo o Porto um negócio brilhante com dois jogadores que tinham de sair e salvaguardando a mínima verba a dar ao Nacional. Na próxima época, a "explicação" da presença de Micael no pack surgirá: ou regressa ao Porto por meia dúzia de tostões ou fica no plantel do Atlético e vem o Sálvio quase de graça jogar no Dragão. É a minha leitura, mas vamos ver...

Resta agradecer ao Falcão a atitude nobríssima que teve para connosco. Vai para pior, mas isso é uma decisão que apenas lhe compete a ele. Quer renovar a ambição, ter coisas novas para ganhar, jogar numa das melhores ligas do Mundo, acreditar no projecto que Cerezo tem para voltar a colocar o clube no topo? Tudo bem, respeito tudo isso e é uma decisão que só a ele lhe diz respeito. Mas a atitude de aceitar aumentar a cláusula e, literalmente, OFERECER mais uns milhões para o clube depositar no mealheiro, confiando inteiramente na palavra da direcção portista e dando um cabal sinal de respeito pelo clube... isso não tem preço. Não se paga.

Podia ter feito como o outro filho da puta e virado as costas ao clube, mas não fez. Até ganhava mais com isso porque, por 30M, muito mais fácil seria ter saído para um clube mais importante. E Falcão não é português, não tem 20 ou 30 anos de carreira pela frente, nem é portista desde pequenino. Merece tudo. Tudo. Merece muito ser feliz."

3 parágrafos líricos:

- Em que medida é que a ida do Ruben para o Atlético pode baixar o preço de uma hipotética vinda do Salvio para o Porto? Estás a afirmar que os valores avançados não correspondem aos reais? É que foi estipulado um preço pelo Micael nesta venda, como tal não entendo onde queres chegar. O Salvio já está garantido para a próxima época incluido neste negócio? Que confusão, não me parece que andes sequer perto da verdade.

- A atitude de Falcao não é de nobreza para com o clube. Falcao salvaguardou sempre os seus interesses. Aumentando a cláusula de rescisão ou continuaria a ser transferido ou ficava no Porto a receber mais. Impressiona-me que ainda exista que pense que fazem isto por respeito ao clube.

- Falcao não saíu para um clube mais importante porque não o quiseram. É difícil de assimilar esta ideia? Compreendo, mas é a mais pura das verdades. Qualquer colosso podia bater a nota e fazer com que o colombiano forçasse a saída. Se um Atlético dá o que deu, qualquer outro colosso dava o mesmo ou mais para ter o avançado.

Mas gosto da ginástica e cambalhotas que dão para justificar a saída do vosso ponta de lança para um clube "inferior" e do qual PC se ria quando apareciam notícias do interesse madrileno em Falcao. Já sei, e tudo estratégia negocial e estava tudo previsto. Desde o início, era isto que estava estipulado.

O Aguero não foi para o Real

O Aguero não foi para o Real porque este não quis dar a guita pretendida. O Pastore foi para o PSG porque nenhum outro clube estava na disposição de dar 42M (julgo eu) por ele. O Lukaku não foi para o Barça porque estes não quiseram dar os 30M que pediam por ele e acabou por ir para o Chelsea, que por sua vez não teve qualquer problema em dar 15M pelo treinador...

Está cada vez mais provado que os euros ganham ao "nome" e "reputação". Nunca imaginei o Pastore no PSG, principalmente depois de ter alcançado tamanha notoriedade. O Falcão foi apenas mais um que, tendo já ganho tudo o que podia ganhar no FCP, decidiu pela melhor oferta.

1 - O Rúben pode valer ao

1 - O Rúben pode valer ao Atlético o dobro do dinheiro pelo qual "pagou". Facilmente o Atlético revende o jogador por 10 ou 12 Milhões de Euros se ele fizer uma época ao seu nível no Saragoça ou um ano depois no Atlético. Logo, pode facilitar a saída do Sálvio (que até lhes pode interessar que saia porque é extra-comunitário) para o FC Porto por valores inferiores. É assim tão estranho?

2 - Villas-Boas deu-te um bom exemplo. Renovou antes de ter ganho tudo, por isso, ASSEGUROU-SE. Falcão fez o contrário, renovou depois de ganhar tudo. Logo, ARRISCOU-SE. Facilmente teria voltado as costas ao clube ou aguentado mais 15 dias para renovar com revisão de ordenado. Assim, ao aceitar renovar, permite LITERALMENTE ao clube ter outro poder negocial. Para ele, é praticamente igual sair por 30 ou por 40 (mesmo que possa lucrar directamente com isso também), o que muda é a capacidade negocial do clube. Isso, para mim, é nobreza. É atitude digna. Bem melhor que a do Villas-Boas.

3 - Falcão não vai para melhor, mas ninguém garante que não acabaria por surgir uma proposta de um clube superior até 31 Agosto. Quem te garante que ninguém o queria? Quantas movimentações de mercado surgirão ainda na próxima semana? Lembro, por exemplo, que Andy Carrol e Fernando Torres foram vendidos apenas no último dia do mercado de Inverno. Quem te garante que o Falcão não sairia até ao fecho deste? Mais: depois do belo exemplo dado pelo treinador, é mais do que compreensível que os jogadores optem por sair.

Amigo Arte! És um anjinho!

Quando o Falcao renovou com o Porto, renovação essa tratada por Jorge Mendes e não directamente pelo Falcao, fez por algumas razões:
1 - Porque garantia um salário bem melhor fosse o que fosse que acontecesse, já que nenhuma garantia tinha de sair.
2 - Garantia um salário bem melhor se saísse, já que uma equipa que o quisesse passava a ter de fazer uma oferta muito superior ao que tinha passado a ganhar e não ao que ganhava anteriormente.
3 - Valorizava-se pois ao fazer-lhe uma oferta de renovação como fez o Porto mostrava que queria muito contar com ele
4 - O empresário, e isto não é despiciendo, garantia uma melhor comissão em caso de uma transferência eventual.
Nada disto tem nada a ver com atitudes nobres ou outras! Contou, tal como no caso de Villas Boas, apenas e só o dinheiro!
Quanto ao Rúben Micael, apesar de eu achar que tem lugar de caras naquele fraco meio campo do Atlético de Madrid, .o clube não o queria e por isso o empresta ao Saragoça! Foi metido à força no negócio para dar os 45 milhões da tentativa de Pinto da Costa de salvar a face e, se calhar, é o Jorge Mendes que paga essa parte condição para a transferência de Falcao. É que o Porto fica sem ninguém representado pela Gestifute!

O porto tem vendido/cedido

O porto tem vendido/cedido jogadores com cláusula de "recompra" assim por dizer, (Maia, Pipo, Josué entre outros) por isso não seria de estranhar se a vende de Rúben também tivesse sido nesses moldes, é uma politica recente do clube até para poupar em salários, se bem que no caso de Rúben não estamos a falar de poupar no salário do jogador mas sim dar-lhe minutos de jogo.

O Rúben tinha de jogar mais,

O Rúben tinha de jogar mais, eu entendo isso, e nenhum treinador do Mundo enjeitaria uma solução como ele (tanto de campo como de grupo) neste Porto actual, mesmo que fosse para o banco. Por isso, essa também me parece a explicação mais lógica. O Rúben sai em definitivo (poupança nos salários) e o Porto pode voltar a comprá-lo daqui por um ano. Ok. A questão é: que raio faz o Atlético no meio?!

Poderá ter a haver com a ida

Poderá ter a haver com a ida de GABI do Zaragoza para o Atlético.

Não sei, mas também não me

Não sei, mas também não me admira que o Sálvio venha para o Porto quando Hulk sair...

E vai acontecer o mesmo com o Moutinho/Álvaro Pereira

Para evitar pagar ao Sporting, o Porto prepara-se para vender um pacote com o Moutinho e o Álvaro Pereira. Baixa o preço do Moutinho e sobe o do Álvaro Pereira. É que se o Moutinho fosse vendido pela cláusula de rescisão o Sporting acabava por ganhar tanto com o Moutinho como o Porto (embora o Porto não tenha tido despesas de formação).

Ora vejamos,

se o Chelsea concordar em pagar 60 milhoes pelos dois jogadores,na minha humilde opiniao, as contas teriam se ser feitas deste modo,55 milhoes pelo Pereira e 5 milhoes pela maca podre.Deste modo ganhamos algum pelo Pereira,pagamos ao sbording o justo valor por uma maca podre = 0

Não interessa o valor do negocio!

O que interessa e que o porto perdeu um grande jogador, daqueles que ate os clubes rivais gostariam de ter no seu plantel.Jogadores estrangeiros com estas qualidades no nosso campeonato e raro!

Tito Vilanova também, o Mou

Tito Vilanova também, o Mou não é louco. Eu entendo o Mourinho e não consigo deixar de me solidarizar com ele. Foi uma atitude muito feia (o puxão de orelhas era bem melhor), mas deve ter sido muito difícil de gerir emocionalmente aqueles últimos minutos após o 3-2. Com aquela rivalidade toda, com tudo o que os catalães dizem e fazem para atacar o Mourinho, com cento e tal mil pessoas a cantar, com jogadores e técnicos do Barça a provocar... tudo isto depois da impotência de jogar melhor do que o Barça durante os dois jogos inteiros e não conseguir ganhar porque, mais uma vez, um golo injusto foi marcado ao cair do pano por um gajo que faz a diferença sozinho. Imagino a frustração que ia dentro do Mourinho naqueles minutos, deve ser muito difícil de gerir uma coisa daquelas. Muito mesmo, por isso é que não o consigo condenar...

art

desculpa perguntar uma coisa, há um treinador do clube onde tu treinas que foi para jogar para um clube onde sou sócio, podes-mwe dizer se ele é bom jogador? Ele foi treinador dos juvenis.

Deves estar equivocado em

Deves estar equivocado em relação ao clube onde treino. O outro pasconço está sempre a falar no Oliveira do Douro, mas é um tiro absolutamente ao lado...

eu não falei do oliveira do douro

quem falou foste tu, se não queres dizer não digas, eu sei qual o clube onde tu treinas, não que eu tenha haver com isso, só simples curiosidade. Mas também não é preciso ser muito inteligente, bastou estar atento aos teus comentários, quando o ano passado perdeste o campeonato!

Tudo bem, pensei que estavas

Tudo bem, pensei que estavas a fazer confusão porque não faço ideia de quem possa ter estado nos Juvenis e ter ido para outro lado jogar futebol. Como não fiz a ligação, pensei que estivesses errado em relação ao clube, até porque há aí uma mascote do Relvado que diz que eu treino o Oliveira do Douro.

De qualquer forma, o treinador dos Juvenis baixou para os Iniciados e os adjuntos dos Juvenis ficaram a principais no escalão. Por isso, não sei de quem possas estar a falar. Diz-me o nome... dos 3, acho que só um deles poderá continuar a jogar (e mesmo assim duvido que tenha tempo para isso).

Abraço

aliás ele treinou essa equipa em 2009/2010

peço desculpa pelo erro, ele o ano passado jogavava no melres fc. Ele tem nome de um guarda-redes que já jogou na 1ª liga, embora ele no clube do qual eu sou sócio jogue a avançado. estou curioso para o ver em acção!

Vês como estás enganado? Quem

Vês como estás enganado? Quem treinou os Juvenis em 2009/10 fui eu... E nenhum dos meus adjuntos joga futebol onde quer que seja :)

Jun.C S15

... com estas novas designações nem sei se são juniores ou juvenis 2009/2010!

Amigo, caga nisso. Quem

Amigo, caga nisso. Quem treinava os Iniciados em 2009/10 é um senhor com 40 e tal anos... Deixa lá :)

ok, eu falo com ele no

jogo de apresentação... ok, no stress, boa sorte para o teu clube logo!

Sem duvida que a conclusão do

Sem dúvida que a conclusão do negócio é esta, mas não seriam estes os numeros iniciais. Sou portista, e é também por isso que o FC Porto é gande como é. E óvio que o FC Porto chegou a estes numeros para encaixar o maximo possivel.O Rubem custou 3M ao Porto, e sendo vendido por 5, a verba a dar ao Nacinal é minima. O Pinto DA Costa, e com razão, pensa nos coffres FC Porto e não nos do Nacional. Mas eu sei que mesmo isto é rasão suficiente para certos aziados o criticarem.
Se calhar, queriam também que o Pintinho se ocupasse da gestão desses clubes!!! Não????