Águia merecia mais perante Man. United em poupanças (crónica) | Relvado

Águia merecia mais perante Man. United em poupanças (crónica)

Benfica teve mais oportunidades de golo diante de um rival com vários habituais titulares de fora.
 
Wilsel no Benfica-Manchester United
Lusa

Benfica e Manchester United empataram a uma bola, em jogo da primeira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões. Um resultado que não escandaliza, mas a haver um vencedor deveria claramente ter sido o Benfica. 

Jorge Jesus tinha dito antes do jogo que a atual equipa do Manchester United é a mais forte que já viu jogar na história do clube inglês. Por isso, terá ficado certamente aliviado quando percebeu que Alex Ferguson poupou mais de meia equipa, possivelmente a pensar no encontro de domingo com o Chelsea.
De Gea, Phil Jones, Anderson, Ashley Young, Nani e Chicharito, seis habituais titulares, ficaram no banco. Isto para já não falar em Vidic e Rio Ferdinand, lesionados.

Ferguson, de resto, não parece ser um grande conhecedor deste Benfica. Se o fosse, não teria certamente dito que Enzo Pérez, jogador que praticamente não jogou em partidas oficiais esta época, é uma peça muito importante na equipa da Luz...

Mas Jesus não se fiou e optou por mais cautelas do que habitualmente. A dúvida parecia ser entre Bruno César e Nolito. Pois bem, jogou... Ruben Amorim, com Gaitán a alinhar como extremo esquerdo. Na frente, Cardozo foi o único ponta de lança.
Javi Garcia cumpriu o jogo 100 com a camisola do Benfica e Luisão igualou Veloso como futebolista dos encarnados com mais encontros disputados nas competições europeias (77).

As duas equipas começaram de forma muito cautelosa, optando por jogar pelo seguro. Uma grande arrancada de Valência, resolvida com boa saída dos postes de Artur Moraes e um remate com relativo perigo de Gaitán foram os únicos momentos com alguma emoção no primeiro quarto de hora.

O Benfica "pegou" então no jogo e foi o mesmo Gaitán a ter nos pés o primeiro lance de verdadeiro perigo, com belo remate em trivela aos 17', que não passou muito longe do poste esquerdo da baliza de Lindegaarde. O argentino a querer mostrar-se a Alex Ferguson, não sendo surpresa para ninguém que está a ser observado há algum tempo pelos 'red devils'... Logo a seguir, Cardozo teve boa ocasião, mas o guardião dinamarquês estava atento.

O "Tacuara" não perdoou aos 24', inaugurando o marcador com jogada fantástica, à ponta de lança, depois de assistência perfeita de Gaitán. Enfim, foi mais uma obra prima de Cardozo, tantas vezes alvo de assobios inacreditáveis dos próprios adeptos do Benfica... Martin Ferguson, irmão de Alex Ferguson e observador do Manchester United, bem tinha avisado que o principal perigo das águias era o ponta de lança paraguaio.

O Benfica partiu então para um período de total domínio, com o meio-campo 'red devil' a não ter "pernas" para acompanhar jogadores como Gaitán, Witsel e Aimar, que corre como um miúdo de 20 anos.

E quando nada o fazia prever o "velhote" Ryan Giggs apareceu em cena, com um golão de fora da área. Estavam decorridos 42'. O resultado ao intervalo era bastante injusto...

Mais Manchester mas Benfica não vai ao chão

A segunda parte começou com boa oportunidade para Valência, bem defendida por Artur Moraes, na primeira vez em que o guarda-redes se teve de aplicar verdadeiramente. Foi o primeiro sinal de um Manchester United bem mais pressionante do que na primeira parte.

Aimar respondeu aos 54' com bom remate de fora da área e logo a seguir, Jorge Jesus deu a indicação aos seus jogadores que queria arriscar e tentar ganhar o jogo, lançando Nolito no lugar de Ruben Amorim.

Mas o Manchester United estava mesmo muito melhor do que na etapa inicial e o jogo passou a desenrolar-se mais no meio-campo dos encarnados. Aos 64', o "senhor Giggs" voltou a aparecer em jogo, não fazendo o 1-2 por um triz, depois de brilhante jogada individual.

Mas não se pense que o Benfica se remetia a um papel secundário. É que logo na resposta, Nolito esteve à beira do 2-1, mas o guardião dos visitantes realizou defesa soberba. Era a melhor fase da partida!

Nolito agitou claramente as águas, voltando a colocar o Benfica na discussão do jogo. O extremo espanhol pode ser acusado de indisciplina tática e até de algum egoísmo, mas não será um desperdício ficar no banco?

Aos 69', Ferguson lançou Nani e Chicharito, dois dos maiores desequilibradores do seu plantel. A intenção era clara: dar a "machadada" final num Benfica que parecia acusar algum cansaço. Mas o português e o mexicano pouco se viram

Com o final do jogo a aproximar-se, começou a perceber-se que os jogadores do Benfica davam-se satisfeitos pelo empate. Isso era visível na eternidade com que Gaitán marcou dois cantos. E os ingleses também pareciam contentes com o ponto conquistado naquele que, em teoria, é o seu jogo mais difícil nesta fase de grupos.

Aos 75' Jorge Jesus lançou Matic para o lugar do esgotadíssimo Aimar, que já não podia com "uma gata pelo rabo". Quem continuava com a "corda toda" era Gaitán: aos 77', voltou a piscar o olho a Alex Ferguson, com um remate fantástico do meio da rua, travado por Lindegaarde.

Nos instantes finais, Nolito teve nos pés a vitória, mas o remate saiu às malhas laterais.

Em termos individuais, Luisão e Gaitán foram os melhores no Benfica e Nolito entrou muito bem. Já Witsel não esteve tão em jogo como habitualmente.

Benfica:

Comentários [334]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Espera aí um pouco...

...que o artenigma já vem explicar isso tudo.

Dava-te 1 ponto se tivesse...

Subscrevo.

não estás a exagerar?

Vocês empataram... não é motivo para tantos foguetes... acho eu

" em subvalorizar o feito do Benfica "

Concordo!!.. afinal continua

Concordo!!.. afinal continua a ser apenas um ponto.

Má interpretação…

Uma equipa portuguesa roubar pontos a uma equipa TOP 3 da Champions, para mim será sempre um feito considerável. Agora não confundas isto com euforismo… sou o primeiro a reconhecer que, depois do que se viu em campo, o resultado é mau. Se comprometeu o acesso à fase seguinte? Só o futuro dirá.

desculpa, mas acho que voces (não tu)

se dão pouco valor.... Sem duvida que eles têm outros argumentos e plantel, mas ontem, e ainda por cima depois de ler sobre o jogo, é um facto que podiam ter ganho.... O próprio JJ falou do MAnchester passar e as outras 3 equipas luitarem para a 2ª vaga, deculpa, mas discordo totalmente destas afirmações dele...

Vocês, tal como nós, têm que encarar os jogos para vencer sempre, a história dos (quase) " coitadinhos e que lutam pelo 2º lugar- dito pelo treinador- acho uma péssima motivação e imagem para o próprio clube,.

Aí é que está , o "roubar pontos a uma equipa do top 3" não vos serve de nada... voces jogaram em casa e tinham que ganhar, ou melhor, porque não ganhar?

Não é um resultado mau, nem negativo, mas está longe de ser positivo e vai depender dos outros vossos jogos.

Concordo

Mas atenção vocês neste momento estão noutro patamar (não me custa nada admitir) o Benfica acaba de fazer uma campanha vergonhosa na Champions e recupera a pouco e pouco o crédito que mentecaptos trataram de destruir.

Empatar com este Manchester em casa não é um drama, tal como Guardiola não considerou depois de empatar com o Milan, ou o Mancini depois de empatar com o Nápoles, ou Frank de Boer depois de empatar com o Lyon. São resultados normais que não comprometem o apuramento.

Não nos podemos esquecer que o United esteve presente em 3 finais nos últimos 4 anos e não sofria um golo fora há mais de um ano e meio.

Ontem faltou ao Benfica aquilo que o United tem de sobra: calo europeu. Criámos situações mais do que suficientes para no final alcançarmos os três pontos, mas a eficácia, aspecto determinante numa competição deste tipo, não foi a melhor. Muito por culpa de uma boa exibição do keeper também.

Agora, uma coisa é empatar sem fazer nada que o justificasse, outra é empatar jogando melhor que o adversário e criando as melhores oportunidades. Fica aquele amargozinho na boca, mas o futebol é mesmo assim.

Acredita que a maioria dos benfiquistas, condicionados com aquilo que viram no relvado, não estão agradados com o resultado. Mas o empate acaba por ser um mal menor pois duvido que as outras equipas roubem pontos aos Red Devil's.

Uma coisa é o JJ ter falado assim sem antecedentes, outra é falar assim depois do que tinha dito por esta altura, no ano passado. Sinceramente fiquei satisfeito, pode ter passado no discurso do 80 para o 8, mas pelo menos não se mete em bicos de pés (meio caminho andado para o insucesso).

sim,

aceito... no geral estamos de acordo.
Abraço
embora quanto a Jj do 80 ao 8 podia ter ficado a meio caminho ;)

O Benfica afinal, em termos

O Benfica afinal, em termos europeus, considera-se fraquinho. Se consideram um feito empatar em casa com o MU a jogar pessimamente, é porque já estão como aqueles clubes portugueses fraquinhos que deitam foguetes quando empatam em casa com o meu Porto.

É nestas coisas que se vê mesmo o que pensam os adeptos do Benfica e não o que pretendem mostrar através das suas bazófias. Este lapso mostra mesmo de que é feito este grande Benfica: coitadinhos. lololol E depois ficam chateados por alguém lhes mostrar que foi péssimo o resultado, face ao que está aqui em causa. Dá-de! A bola é mesmo uma droga para muita gente.

Eu, a ti...

...quero-te ver cá a comentar se o Benfica não perder pontos contra o Basileia. Mas é chover no molhado, porque já topei de que raça és e que será o primeiro a lerpar com o rabinho entre as pernas.

Ninguém considerou o

Ninguém considerou o resultado de ontem um feito, estás a aldrabar novamente.

Há adeptos que sim. (Eu não

Há adeptos que sim. (Eu não ligo quase a ponta de um chavo do que diz o vosso treinador.)

Das duas uma, ou o United também utiliza a equipa B, C ou D para os jogos mais importantes da época, ou então é mais uma tentativa frustrada dos bacocos do costume em subvalorizar o feito do Benfica (os Reds já não sofriam um golo fora há um ano e meio…).

Pronto, acho que sim. Dou os

Pronto, acho que sim. Dou os meus parabéns ao Benfica pela vitória moral. Até vos digo mais. No campeonato caseiro, que ganhem moralmente todos os jogos mas somem apenas 1 ponto em casa, em cada jogo. Não me importo que na imprensa, o Benfica seja o grande campeão das vitórias morais. Desde que no fim, o FC Porto tenha mais pontos que o grande Benfica, das vitórias morais. eheheh

Está dito. Parabéns ao Benfica pela sua vitória moral e até tenho pena do Basileia, que ganhou o jogo que lhe competia ganhar em casa. lololol

BEEENNNFFIICCCAAAAA! lolololol

http://www.youtube.com/watch?v=Z0GFRcFm-aY

Sim porque grande mesmo é o shakhtar ....

Que o porto só conseguiu ganhar quando já estava a jogar com 10.......

Tanta azia que vai por certas bandas.........

Rapaz…

Altera o nick para Kompensan, acho que no teu caso é mais adequado.

O que mais se vê neste tópico não são benfiquistas eufóricos com o resultado de ontem mas sim detractores aflitos que usam argumentos falsos para subvalorizar…

Até te digo mais… se no início do jogo considerava que o empate era um ponto ganho, neste momento estou angustiado por termos perdido dois.

Um kompensan? lololol Meu

Um kompensan? lololol

Meu amigo, fiquem lá com as vossas análises à catedrático da bola, que eu fico na minha. Só digo que lá para Dezembro teremos uma situação mais real em termos do valor do plantel do Benfica, que estas vitórias morais. Estas vitórias morais valem menos que as do Basileia, que fez o que devia: ganhar o jogo. E arrecadar 3 pontos, o triplo dos do Benfica e sua grandiosa vitória moral.

Um jogo de bola envolve a prestação de duas equipas. E a do MU foi mesmo fraquinha. Nem parecia a equipa milionária que é. Mas quando o MU acelerou o passo e precisou de golos, encostou o Benfica às cordas. E estiveram mais perto de marcar o segundo golo, do que o Benfica. E a jogarem mal.

A mim pouco interessa se eram ou não jogadores titulares a jogar pelo MU. O que interessa é que quando o MU deixou o Benfica jogar, o clube português fez apenas um golo. (Um grande golo, diga-se de passagem.) E quando foi preciso o MU marcar, conseguiu-o, através de outro grande golo. Na segunda parte, o MU muda a sua forma de jogar, pressiona mais as duas linhas do Benfica, sobe o meio campo e o Benfica deixou de ter pernas para os gajos. E eles a jogarem mal, note-se.

Quem se ilude com as aparências, dá-se por satisfeito. (Mas foi o Ferguson que apareceu todo risonho na conferência de imprensa, talvez ciente que face ao mau jogo produzido, poderia ter ganho o jogo.) Aliás, essas mesmas aparências que levaram a enormes críticas dos adeptos sportinguistas a uma vitória muito justa, merecida e suada, que lhe deu acesso à fase de grupos da Liga Europa. Enfim, é o mesmo tipo de análise, olhando apenas para o que uma equipa faz, em vez de analisar a relação entre aquilo que se produz e o que pode ser produzido, face ao que o adversário joga.

Agora dirá que devia tomar um konpensan. Concordo consigo. Eu gostava imenso que o Benfica ganhasse o jogo e mostrasse aos bifes que não se podem dar ao luxo de virem passear para Lisboa. Isso sim. Porque sou dos que fico contente com as vitórias das equipas portuguesas contra as estrangeiras, mesmo que os adeptos dessas equipas portuguesas festejem mais as derrotas internacionais do Porto que as suas próprias vitórias. Mas neste caso, não. Foi um péssimo resultado para um jogo em que o adversário jogou mal. Se o adversário tivesse feito um grande jogo e o Benfica sacasse um empate, ainda era capaz de ficar satisfeito. Assim não. Face ao MU de ontem, o resultado é péssimo.

Os benfiquistas já começam a ser como aqueles adeptos dos clubes fraquinhos em Portugal, que ficam todos satisfeitos quando sacam um empate em casa contra o meu Porto. lolololol

Mas pronto. Se o Benfica é assim tão fraquinho, os meus parabéns pelo empate. Eu como português e como amante da bola é que acho fraco o resultado. Mas quem sou eu para dar lições de benfiquismo aos próprios adeptos do Benfica? eheheh

A reter.. deste extenso comentário..

é apenas isto...

"...O que interessa é que quando o MU deixou o Benfica jogar..."

Ai é??.. tem uns que deixam jogar os outros??? LOL

Um conselho:

Se quer ser levado a sério, comece a ver jogos sem palas.

Ser levado a sério? Para quê?

Ser levado a sério? Para quê? Se os fanáticos não discutem bola, mas apenas tentam insultar? lololol

Olhe, a melhor resposta está aqui: o Basileia já lidera o grupo. Veremos por quanto tempo e se o Benfica alguma vez irá passar o próprio Basileia. Quem vos avisa, amigo é. E eu não percebo nada de bola mas no que toca a fazer continhas, aí já não me considero um Zé Nabo, como alguns o parecem a escrever sobre as suas vitórias morais.

8x9???????

8x9???????

O Basileia cumpriu

Obteve uma vitória suada contra um clube que está na linha de água do campeonato romeno…

Claro. Coisa que o Benfica

Claro. Coisa que o Benfica não fez. É esse o vosso problema. E face ao que vi ontem, este Basileia além de poder complicar a vida ao Benfica (para mim, ganham pelo menos 3 pontos contra o Benfica, entre os dois) ainda por cima o clube mais fraquito de ontem, pode sacar empates ao Benfica, se correr bastante como o fez e ocupa os espaços do terreno.

Só quem é doente é que não vê as coisas como elas são.

Isso é muito wishful thinking junto…

Daí o meu conselho de há pouco.

O Benfica ainda não jogou contra nenhum desses clubes para o poder fazer… ou queres entrar em comparações ridículas com o adversário de ontem!?

Vi o resumo alargado do jogo e Basileia e digo sem qualquer desconsideração que são equipas completamente ao alcance das melhores equipas portuguesas. O futuro dar-me-á razão.

Mas é óbvio que por vezes os Artemedia's e Hapoel's desta vida, fazem das suas… o futebol tem destas coisas.

Não é nada os meus desejos. É

Não é nada os meus desejos. É ver como o Benfica joga e como pode ser contrariado. O Benfica quando apanha um adversário que corre bastante, tem dificuldades em ganhar os jogos. Aliás, esse é um problema quase genérico do futebol português, talvez com excepção do Braga, que corre ele como o caraças.

Ora, o tipo de futebol praticado pelo Benfica é o ideal para este tipo de futebol dos gajos. Se reparar, no Sporting contra os dinamarqueses, foi isso que aconteceu. Os gajos correm que se farta e criam complicações enormes. Com a diferença que em Alvalade, nunca a eliminatória esteve em perigo para o Sporting. E até teve alguns laivos de classe, quando teve confiança no jogo, após o primeiro golo.

Estes suiços correm que se farta e os outros sabem defender. E correm que se farta. E o Benfica não tem futebol para este tipo de adversários. Se reparar, ontem, quando o MU começou a pressionar mais o Benfica, subiu o meio-campo e correu mais, o Benfica ficou encostado às cordas. A defender.

É claro que estas equipas não têm os predicados de um MU, que com um Giggs, sacou um precioso empate, pois jogaram bastante mal e muito abaixo do que é habitual. Mas estas equipas têm pulmão. Correm que se farta mesmo quando fazem dois jogos por semana. E vão apanhar o Benfica que não tem pulmão para jogar dois jogos por semana em alta velocidade.

É por isso que eu aposto que estes gajos do Basileia podem facilmente roubar três pontos ao Benfica. Basta correrem que se farta e apanharem um Benfica ao ralenti e sem inspiração de um dos seus mais virtuosos. Como ontem, que o Cardoso sacou um grande golo, mas que depois pouco mais fez.

É evidente que eu não pesco nada disto. Mas é a minha forma de analisar as coisas. E o que conta para mim mesmo, é ver os pontos ganhos, os que se podem perder e contra quem se pode perder esses pontos. Este resultado de ontem é muito mau para o Benfica. Não vale a pena enganar os adeptos portugueses e em especial os benfiquistas.

Mas se ficam contentes com o que se passou ontem, os meus parabéns. Pronto. Não fiquem tristes. Façam lá a festa. Depois não se queixem dos árbitros, do azar ou da UEFA.

Resultado normal, nem bom nem

Resultado normal, nem bom nem mau. Mas face ao 11 que apresentou o Manchester Utd acho que foi um mau resultado, e o Benfica perdeu uma oportunidade de entrar a vencer na Champions.

Só um reparo, é lógico que todos sabem que o Man Utd jogou com a 2ª linha, mas vejo todo o pessoal a esquivar-se deste facto... Quando são as equipas adversárias do Porto a trocar 1 ou 2 jogadores cai o carmo e a trindade... Tenham em atenção isso também quando criticarem os jogos e adversários do Porto...

o Man Utd jogou com a 2ª linha???????????

Evra, Giggs, Park, Carrick, Fletcher, Valencia e Rooney.?!?!?!? segunda linha?!?!... tá bem!!!

LOL

Desses aí só o Rooney, Carrick e o Evra costumam jogar, queres atirar areia para os olhos de quem??

O clube das vitórias morais.

O clube das vitórias morais. Perante um MU sofrível, que jogou miserávelmente, que lhe deveria ser exigido mais, os benfiquistas estão felizes por empatar em casa, com uma equipa muito abaixo uns furos do seu habitual. (Ainda este fim-de-semana espetou 5 a um adversário interno.)

É mesmo o clube das vitórias morais. Perderam dois pontos, que podem ser essenciais para decidir a manutenção na Liga dos Campeões (dão como daquirido que vão ganhar os 4 jogos contra as duas equipas, teoricamente mais fracas, mas deviam ter visto o Inter a perder em casa, para aprenderem que camisolas e nomes não ganham jogos, como em Portugal, com bastantes penalties). E no entanto, dão-se por contentes com a vitória moral. É mesmo de um clube fraquinho.

Oportunidades destas, apanhar o MU a jogar mal, não são frequentes e exigia-se mais a quem tem ambições na Liga. Aliás, foi isso mesmo que disseram alguns, ontem num comentário que ouvi. E a jogar em casa, ficam todos contentes com o empate, dizendo que poderiam ter ganho. Pois podiam. Mas estiveram mais perto de perder que ganhar e no entanto, acham que jogaram muito bem.

Enfim, talvez por isso, o Benfica está declinio. Até os adeptos não sabem ver a bola. E depois insultam porque alguém lhes faz ver que estão a fazer figuras rídiculas com essa das vitórias morais. Que pouco contam depois para as contas finais do grupo. lolol

Enfim, com este Benfica é mesmo assim. Ficam felizes com as vitórias morais. É por isso que tem uma liderança já com alguns anos e pouco mais ganharam que o Sporting CP, clube com uma instabilidade permanente, no mesmo período de tempo. Há mesmo ceguinhos que não querem ver.

...

...não vales um piço. Simplesmente lamentável este teu comentário. A roçar o vergonhoso e o patético. Mas ainda me vou rir muito à tua custa. Isso é certinho direitinho...

P.S: O Inter perdeu em casa com uma equipa eliminada pelo Benfica. Curioso, não é?

Podia-se relembrar ao

Podia-se relembrar ao sujeitinho que o Porto fartou-se de ouvir elogios quando perdeu 2-0 com o Barcelona, totalmente desfalcado da sua defesa. Isso sim, são as tais vitórias morais. Mas a parte mais cómica é ele dizer que o Benfica esteve mais perto de perder. Neste país há mesmo gente com problemas psicológicos graves.