Wenger: "Não quero acreditar numa conspiração a favor do Barça" | Relvado

Wenger: "Não quero acreditar numa conspiração a favor do Barça"

Treinador do Arsenal diz que os catalães têm sido beneficiados, mas acha que "de forma acidental"
 

Arsène Wenger ficou furioso com a arbitragem do Barcelona-Arsenal, jogo da segunda mão dos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Nomeadamente por causa do segundo cartão amarelo mostrado a Van Persie, depois do avançado holandês ter chutado a bola para a baliza após o apito do árbitro. E na altura, o treinador dos 'gunners' fez questão de expressar o seu descontentamento.

Era por isso importante saber qual a opinião do técnico francês sobre a arbitragem do último polémico Real Madrid-Barcelona. Não quero acreditar numa conspiração a favor do Barcelona! Porque no dia em que acredite, vai ser muito difícil de aceitar...", referiu, em conferência de imprensa.

O técnico do Arsenal reconheceu no entanto que "esta temporada o Barcelona teve de fato algumas vantagens, mas penso que foram acidentais". Recorde-se que Wenger foi expulso nesse jogo com o Barcelona e posteriormente castigado pela UEFA com um jogo de suspensão.

Internacional:

Comentários [1]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Parecem ter todos medo de

Parecem ter todos medo de dizer o que grande parte dos treinadores conscientes pensam. O que muitos adeptos pensam. Usando dos argumentos do senhor Rui Santos: sim, o Barcelona tem sido beneficiado. Só que o senhor Rui Santos quando o diz refere-se ao FCP.