Tudo em aberto no Grupo C da Liga dos Campeões | Relvado

Tudo em aberto no Grupo C da Liga dos Campeões

Quatro equipas ainda lutam por um lugar na fase seguinte da competição.
 

Quando faltam apenas duas jornadas para o final da fase de grupos da Liga dos Campeões, no Grupo C, em que se encontra a equipa do Benfica, ainda continua tudo em aberto, com as quatro equipas a lutarem por um lugar que dê acesso à fase seguinte da competição.

O defesa-central português do Mónaco, Ricardo Carvalho, afirmou que o melhor para a sua equipa seria o Benfica e o Zenit empatarem na próxima jornada da Liga Milionária.

É de referir que neste momento a equipa alemã do Bayer Leverkusen, que é a favorita nas apostas de futebol para assegurar o primeiro lugar do Grupo C, ocupa a liderança tranquilamente com nove pontos, com um registo de três vitórias em quatro jogos.

Na segunda posição está precisamente a equipa do internacional português, o Mónaco, que soma cinco pontos, tendo um registo de uma vitória, dois empates e uma derrota. A equipa russa do Zenit São Petersburgo ocupa o terceiro lugar, com quatro pontos, com um registo de uma vitória, um empate e duas derrotas. Já o Benfica ocupa o último lugar do grupo, com quatro pontos também, tendo até ao momento conseguido uma vitória, um empate e duas derrotas.

Apesar da vantagem da equipa alemã, ainda tudo está em aberto para as duas últimas jornadas do Grupo C, já que as quatro equipas têm ainda a possibilidade de conseguir assegurar um lugar que dê acesso aos oitavos-de-final da Liga Milionária.

A próxima jornada deste grupo irá colocar frente a frente a equipa do Benfica e do Zenit e do Mónaco e do Bayer Leverkusen.

Em entrevista, depois da vitória de Portugal frente à Arménia por 1-0, a contar para o apuramento do Euro 2016, o internacional português, Ricardo Carvalho, afirmou que a sua equipa está obrigada a conquistar os três pontos para continuar na luta pelo apuramento para a fase seguinte, no entanto admitiu ainda que o melhor resultado no encontro entre a equipa portuguesa e a equipa russa seria um empate.

“Não podendo perder os dois, que empatem. O Bayer Leverkusen distanciou-se. O Benfica, com a vitória na Luz, está na luta. Vai ser até ao último jogo. Vamos fazer o nosso trabalho com o Leverkusen”, afirmou Ricardo Carvalho.

O central português destacou ainda a importância da vitória por 1-0 da equipa portuguesa frente à Arménia, resultado esse que deixou Portugal a apenas um ponto da Dinamarca, tendo um jogo a menos. “Perdemos o primeiro jogo mas a resposta da equipa foi boa. Era importante ganhar este jogo em casa, depois da vitória com a Dinamarca”, acrescentou o internacional português.

Por último, referir apenas que o encontro entre o Zenit S. Petersburgo e o Benfica se irá realizar no dia 26 de novembro, às 17:00 horas, no Estádio Petrovsky.

No mesmo dia irá realizar-se o encontro entre o Bayer Leverkusen e o Mónaco, no Estádio BayArena, às 19:45 horas.

Internacional:

Comentários