O fim dos artistas! | Relvado

O fim dos artistas!

 

Eu acrescentaria um jogador aos 11 já existentes - talvez com 12, e menos espaço para correr, os artistas voltassem a fazer a diferença! almeida.s

diversos:

Comentários [27]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

...

Eu para começar, desejaria o fim dos elogios às arbitragens tipo Pedro Henriques, da escola inglesa. É verdade que no nosso campeonato, onde o futebol ainda não é muito musculado, um Pedro Henriques torna os jogos mais movimentados, mais espectaculares. Mas se TODOS adoptarem este genero de apito(e na Europa sao cada vez mais os inspirados pela Premier League), o futuro será o futebol força e só ele. Só valerá a pena, formar e colocar este tipo de jogadores. Para quê apostar nos habilidosos, se se passarem a condenar mais os "mergulhadores" ou os frágeis que estão sempre no chão, do que quem entra de forma tão agressiva? Sem a protecção do arbitro, o tecnicista passa a ser dispensável.

Re: ...

Concordo em absoluto contigo Xerxex, mais uma vez :P Não gosto muito da arbitragem inglesa...nem 8 (arbitragem Tuga), nem 80. A arbitragem que todos tanto defendem é a mesma que deixa passar entradas a matar, que deixa passar tipos que saiem de uma jogada com a perna partida, agressões claras (o Cristiano Ronaldo sabe do que falo) entre outras situações ridiculas. A arbitragem perfeita é aquela que cumpre só e apenas com as regras do jogo, nem mais nem menos.

Re: ...

Não sejas extremista por Amor de Deus! Se for falta o Pedro Henriques assinal agora aqueles joguinhos a que o futebol português está habituado do toca e vai ao chão é que com ele não pegam e com razão! A técnica há-de sempre prevalecer no futebol e arbitragens como a do Pedro Henriques apenas põem em destaque os verdadeiros jogadores e não os brinca na areia que abundam pelo nosso campeonato! Deves gostar de ver os gajos a irem ao chão por causa do vento em alguns jogos tu.......sim porque é isso que acontece várias vezes até, o jogador nem lhe chega a tocar já está ele a mergulhar...

Re: Re: ...

Mas quem é que te disse que eu apoio arbitragens em que se apita tudo e mergulhadores e afins? Presumes tu nao é verdade? Extremistas para mim, sao os arbitros ingleses que muito pouco apitam. Já pensaste na razão para o genero de jogador que vinga em Inglaterra? Nao puxes pela cabeça, a lembrar excepções,porque esses sao isso mesmo...excepções!

Re: Re: Re: ...

Lá é que se vêm os verdadeiros artistas! Quem é bom triunfa lá meu caro........

A minha equipa acabou e ninguém me...

...disse nada? E eu que estava a contar com a próxima época em cheio.

Como diria o Vieira: "Hum?"

Já percebi que começaste a ver Futebol numa época completamente diferente da minha. Geralmente as pessoas da minha idade têm uma opinião totalmente oposta à tua, pois achamos que o Futebol está cada vez mais "amaricado" (obviamente no bom sentido). Eu ainda apanhei a fase em que a técnica era menos abundante e os cartões eram quase um mito. Acredita no que digo: se consideras o Futebol de hoje em dia violento, o daquela época era porrada de meia-noite. Ainda que as marcações não fossem tão bem executadas como agora, os defesas e médios mais recuados jogavam de forma duríssima, completamente impiedosa. As próprias estratégias, muitas vezes, passavam por lesionar o jogador-chave da equipa adversária. E, pior que tudo, é importante não esquecer que os conhecimentos médicos da época não se comparam aos de hoje. Por algum motivo foi nesse tempo em que surgiram as grandes lendas do Futebol, como Eusébio, Puskas, Best e companhia. Entretanto a forma de jogar Futebol mudou, tornou-se um desporto mais macio e mais evoluído quer táctica quer técnicamente, e hoje já é mais comum haver os chamados "foras-de-série". Antes Pelé era Pelé. Hoje, tal como diz o Romário, "Pelés há muitos".

Re: Como diria o Vieira:

Que fase é que tu apanhaste? Comecei a ver futebol há 46 anos e não consigo perceber em que fase é que estás a falar!

<B>ARTISTAS SEMPRE EXISTIRÃO!!!

Essa do jogo é para homens de barba rija, já tem "BARBAS DE ANCIÃO". O discurso é sempre o mesmo, não tenha o jogador uma boa valia técnica, que a capacidade física vale-lhe zero, pode tentar o jogo de Râguebi, ou outro jogo de Brutamontes, que futebolista nunca será. A bola dos ditos tecnicistas sai direitinha dos seus, dos outros é mais para o quadrado/paralelipípedo, podem pô-los a treinar 24 horas por dia, mesmo sendo o maior velocista do mundo, o mais forte que no jogo do pontapé na Bola, nunca terá hipóteses. Agora falar de Eusébio, Pélé, Cruyff, Beckenbauer, Muller, Etc, que hoje o jogo é diferente a parte física é preponderante, isso é um sofisma sem sentido, tinham se calhar de treinar mais a pate física, porque o primordial eles tinham. Estes os ditos predestinados do Futebol, antes de receberem a bola, já têm delineada a jogada, ou avançam individualmente, ou sabem a quem vão passar a bola, estes são os Deuses que o povo da tribo da Bola endeusa, o resto é rexemelengas que por aí...!!!

Eu não faria nada.

Por isso é que o Cristiano Ronaldo, o Kaka, o Anderson, o Nani são muito bem pagos nos seus clubes e custam milhões aos seus clubes. Deve ser por serem mais capacidade física do que técnica... Volta ao Benfica Fernando Aguiar, que barba mais rija que a tua não há.

lol

como diz o outro: eu disconcordo com o k voxe disse

Ainda ha muitos...

e até ha muito mais que ano atras! S que claro, hoje em dia o fisico é extremamente importante porque o jogo decorre a uma velocidade rapidissima e é preciso ter capacidade fisica para sair dos dribbles. Depois, ha os arbitros que se devem de proteger estes artistas mas as vezes não acontece. Contudo, mesmo sem ser o fim dos artistas, hoje é a era dos batoteiros...

Nada

as regras do futebol estão definidas de forma a que atitudes violentas e maneiras fisicamente mais perigosas de roubar a bola sejam sancionadas. Por isso, o que há a fazer é trazer novos métodos que permitam arbitragens mais de acordo com os regulamentos, e esse problema desaparece.

O pior são...

os cartoezinhos...Ha pois...Os caceteiros so se safam nas segundas e terceiras divisoes!!!Que CACETEIROS famosos conhecem?

Pelo contrario...

o futebo tem tendencia a ser cada vez menos violento!falas dos artistas, pois vejo cada vez mais no futebol, jogadores com tecnica mais apurada, e os ossos partidos que antes não eram nada agora pouco se vê! para mim acertaste em cheio, mas exctamente ao contrario cumprimentos

No limite, acabaríamos com raguebistas a

jogar a bola com os pés, seguindo a tuia linha de raciocínio. O futebol dito de alta competição é, isso sim, para...atletas, isto é, indivíduos com boa compleição física, rápidos, fortes, resistentes e, sendo possível, altos, mas sem prejuízo da habilidade para a prática da modalidade. O futebol é violento? Não me parece. Futebol é contacto, alguma virilidade, até dureza -mas violento, não. O que não quer dizer que não haja situações de violência, mas essas são as excepções, não a regra. Por isso, parece-me que os artistas do futuro terão a capacidade física e atlética dum Drogba, dum C.Ronaldo, p.ex., diminuindo o espaço para os "baixinhos" e franzinos. A violência tem que ser combatida, é um facto, mas basta que os árbitros apliquem as regras, para que as coisas rapidamente "entrem nos eixos". Nos árbitros -nalguns, muitos!- reside, quanto a mim o maior problema, o que urge resolver.

Re: O fim dos artistas!

O futebol é um jogo violento? Não viril sim, violento nunca! os contactos são frequentes? Sim mas com mais um jogador não tornavas o jogo ainda com mais contactos? Deixa que os artistas sempre irão aparecer, mas com mais um jogador estás a querer acabar com os artistas e a tornares o futebol num jogo chato.

Off-Topic, Edgar no Porto

A imprensa diz que Edgar foi "roubado" pelo Porto ao Benfica em pompa e circunstância quando ontem já todos contentes davam o avançado como certo no Benfica. Começo a desconfiar que de facto existe aqui uma tentativa de alguém para dar a ideia que o Porto rouba os jogadores ao Benfica e está a tornar-se ridículo todo este gosto por novelas entre águias e dragões no defeso. No fundo, o futebol português é tão desinteressante na época de contratações pela falta de dinheiro inerente aos nossos clubes, que para existir alguma emoção são necessárias estas situações ridículas entre dois dos maiores clubes portugueses. Não sei de quem é a culpa, mas a nossa imprensa não ajuda em nada...

"Roubar" pressupõe primeiro que o Benfica possuía

... o jogador em seu poder, facto que nunca aconteceu. Aliás nunca ouvi dizer um derigente ou treinador do Benfica dizer que o jogador fulano ou cicrano interessava ao clube portanto, a meu ver tudo o que se tá a passar nos jornais são apenas sonhos de um jornalista desesperado por receber um cheque chorudo para passar as férias de seu sonho na patagónia... Aqueles que ficam em estado eufórico quando vêm que o Porto contrata jogadores que o Benfica supostamente queria, devem apenas preocupar-se em quais os jogadores que acabaram de contratar e se vão fazer mesmo a diferença no seu clube... Para mim, este é o modis operandis do Porto relativamente a contratações, quando não é o Benfica é o Sporting o clube que perdeu a corrida por um jogador... enfim, mais do mesmo, mas da desenlegância do Porto em assumir o título de campeão. Para mim é o factor principal para que não consigam ainda mais sócios e crescer como clube. Cumprimentos Futebolísticos! PS: Quanto aos jogadores em questão, desde à muito tempo que defendo um Lucarelli e um Zé Pedro para as posições de avançado e de médio interior esquerdo.

O rídiculo

É que ainda há pessoal que vai na história da comunicação social vermelha, quando se vê bem que é só bota abaixo ao Benfica. O Porto "rouba" sempre jogadores ao Benfica, quando são os mesmos jornais a darem como certos esses jogadores no Benfas. Enfim, é o sistema!

Re: O rídiculo

Cá o nosso amigo relax acaba de inventar uma teoria que põe em causa tudo o que nos ensinaram sobre a moral e a virtude. Para ele, se a imprensa disser que fulano de tal "roubou" sicrano, com esta notícia está a rebaixar o tal sicrano que foi roubado e a elogiar o ladrão. Ora eu, que ainda sou da velha escola moral, prefiro que saia no jornal o meu nome para dizerem que me roubaram a carteira que ver o meu nome prantado no jornal por debaixo da minha caricatura numa notícia a dizer que gamei a carteira de alguém. :-)

Não concordo.

Se isso fosse verdade o Cristiano Ronaldo, Nani, Ronaldinho, KáKá,... etc, não teriam a cotação que têm. São os artistas que enchem os estádios e "colam" as pessoas à televisão. Quando deixar de haver artistas no futebol, eu, pessoalmente, deixo de acompanhar esta modalidade.

Ai se desse para moderar artigos...

Lê-se com cada disparate por aqui...

Nada disso!

O futebol evoluiu, a preparação física, hoje em dia, permite jogar muito mais rápido e as marcações são hoje muito mais apertadas, mas isso não significa o fim dos artistas! O futebol é um desporto e como tal destina-se, quando praticado ao mais alto nível, a pessoas de grande capacidade física! Maradona, Pelé, Eusébio, Anderson e muitos outros, eram ou são indivíduos com uma capacidade física fora do comum! Força, rapidês, inteligência, técnica apurada, são atributos dos artistas e permitem que possam, na maior parte dos casos, fugir às marcações dos defesas adversários! Em minha opinião, os artistas, ao contrário, serão cada vez mais valorizados e serão aqueles que ganharão os grandes contratos. Meter 12 jogadores num campo reduziria o espaço e teria um efeito ao contrário. Proteger quem tenta jogar, não com os cartões amarelos que já se mostraram incapazes de fazer o seu papel, mas com penalizações mais inventivas, tornando as faltas mais penalizantes, poderá ser a solução!

Eu sou a favor do futebol arte e tu?

Eu não vejo o futebol como um desporto como o ténis em que o duelo é entre dois jogadores adversários. Vejo o futebol como desporto de equipa. Nesse sentido também percebo que haja especialidades dentro do grupo, inclusivé aquilo que chamas de "artistas". Da maneira como foi colocado o artigo, a primeira coisa que me veio à cabeça foi a dos tipos que aparecem no youtube a darem mil e um toques na bola e fazer malabarismos espectaculares. Para mim, o verdadeiro futebol arte é aquele em que não se consegue distinguir o artista em relvado. De tão excelente que está a ser o espectáculo, a equipa mais se parece com uma orquesta. Prefiro mil vezes triangulações bem feitas do que a um passe de trivela, contudo se poder saborear a finalização em trivela depois de uma combinação entre 3, 4 ou mesmo 5 jogadores, seria a cereja em cima do bolo. Cumprimentos Futebolísticos! PS: Eu sou a favor do futebol arte e tu?

Discordo totalmente!

Aumentar o nº de jogadores iria criar um efeito exactamente contrário ao pretendido. Para além do recurso à tecnologia para aumentar a verdade desportiva, a única medida que eventualmente implementaria para facilitar a obtenção de golos, essencial para o futebol seria a possilidade de aumentar o tamanho das balizas em 5% a 10%.

O fim dos artistas?

Não me parece. O que os artistas têm é de ser mais rápidos, terem melhor preparação física, terem que ter mais capacidade mental para improvisarem mais rápidamente. Pelé, Eusébio e outros do passado se jogassem hoje seriam naturalmente diferentes porque os tempos, as tácticas, são outras.