Miki Fehér desapareceu há quatro anos | Relvado

Miki Fehér desapareceu há quatro anos

 

Das equipas que se defrontavam há quatro anos quando Fehér faleceu em pleno relvado restam apenas o treinador José António Camacho e quatro jogadores. Do lado do Vitória Flávio Meireles e do lado das águias Nuno Gomes, Moreira e Nuno Assis, que na altura até defendia as cores dos vimaranenses. Para estes protagonistas o jogo de sábado assumirá proporções ainda mais emotivas do que para os restantes.Os adeptos do Vitória, que desde o trágico falecimento exibem um estandarte em memória de Fehér em todas as partidas, devem manter a tradição num gesto maior de desportivismo e de vénia à efémera vida humana. O Benfica assinala mais logo a tragédia com uma missa no Seminário da Luz pelas 18 horas.Fehér fica na história do futebol como apenas mais um caso de morte súbita de um atleta novo demais para perecer. O caso mais recente da esfera mediática aconteceu no país vizinho com António Puerta, jogador do Sevilha, que desmaiou durante um jogo com o Getafe em Agosto de 2007 e que viria a falecer no Hospital após dois dias em coma. O atleta espanhol ainda saiu do relvado pelo seu próprio pé, mas nos balneários sofreu várias paragens cardíacas e o internamento hospitalar que se seguiu não chegou para salvá-lo.A contar nesta triste história há também os casos do camaronês Marc Vivien Foé, falecido em 2003 durante a Taça das Confederações em França, ou ainda do português Hugo Cunha, jogador de 28 anos da União de Leiria, que faleceu em 2005 durante uma "peladinha" com amigos.Também Bruno Baião, júnior e uma das promessas da formação do Benfica, morreu após um desmaio num treino e depois de quatro dias em coma. Um falecimento que ocorreu em 2004, apenas quatro meses depois da morte de Fehér.O primeiro caso conhecido de morte súbita no futebol português aconteceu em 1973 com Pavão, futebolista de 26 anos do FC Porto, que morreu durante um encontro frente ao Vitória de Setúbal. Caiu de bruços no relvado ao minuto 13 do jogo.Susana Valente

Benfica:

Comentários [11]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Indiscritivel

so quem esteve no estadio sabe a angustia, o terror que se viveu, jamais vou esqueçer aquela noite, esquecido ficou o resultado, quem marcou alguem se lembra? quanto ficou o jogo? fazer a viagem de guimarães a lisboa com o carro cheio e ninguem sequer abrir a boca. Até sempre Miki

Bruno Baião

Um abraço Bruno, estejas onde estiveres...

final da época

penso que não se devia gastar dinheiro nesta fase, tentar apenas por empréstimo com opção de compra e esperar pelo final da época para com o mesmo treinador, tapar as lacunas do plantel e planear uma época em condições.

RIP

SLB sempre!

Mais uma razão...

Para os jogadores do Benfica darem tudo em campo para no final poderem homenagear de forma meritória o Miki Fehér. Uma palavra também para o Vitória de Guimarães que sempre foi "Grande" no sentido de homenagear o húngaro. cumps

Partiu a sorrir

Por isso só pode estar em paz.

Discordo

Miki Fehér é daqueles que não chegam a desaparecer.

De louvar!

O Vitória de Guimarães vai treinar hoje no Afonso henrriques para prestar homenagem a Fehér.

Paz a sua alma

para quem desconhece nessa noite o Miki ia assinar pelo Boavista.

Re: Paz a sua alma

Falava-se da sua ida para o CSMaritimo, treinado na altura por Cajuda. Cajuda nessa semana tinha dito nos jornais que o hungaro era o melhor ponta de lança do campeonato (recordando o tempo em que ambos trabalharam no SCBraga). Se ia para o Boavista, não sabia, mas foi a primeira vez que ouvi isso. Cumps

Desconhecia...

...falava-se que iria ser dispensado no final da época devido à sua fraca prestação na equipa encarnada mas desconhecia a intenção de o emprestar ao Boavista. Já se passaram 4 anos, lamento a sua trágica morte mas em relação a esses acidentes, por enquanto, pouco ou nada poderemos fazer.


www.casasdeapostas-portugal.com