Freddy Adu na II Divisão da Alemanha | Relvado

Freddy Adu na II Divisão da Alemanha

 

O jovem norte-americano está agora à experiência no Ingolstadt FC, clube da II Liga Alemã.

Freddy Adu, que continua a pertencer aos quadros do Benfica, tenta mostrar serviço ao treinador dos alemães, Benno Möhlmann.

Já esta quinta-feira o Ingolstadt, que está no penúltimo lugar da classificação, realizou um jogo-treino contra o Offenbach, e Adu foi utilizado na segunda parte do encontro.

O atleta nascido no Gana disse ao site oficial do Ingolstadt que quer "oferecer boas exibições", mas não deve ter muito tempo para isso, porque o próprio clube comunica que Adu deve permanecer com a equipa apenas até ao próximo domingo.

Freddy Adu, de 21 anos, chegou ao Benfica em 2007, mas a partir da segunda época esteve sempre emprestado pelo clube lisboeta.

Foto: fcingolstadt.de

Benfica:

Comentários [6]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

O problema é outro

O Adu tem uma medição de articulação do cotovelo que indicava 28 anos de idade em 2007, ele nem nasceu nos EUA, foi de África para lá.

Como todos sabemos, há paises em que se faz de tudo para alterar a idade dos jogadores(vide Leandro Lima), o ADU jogou pelas Selecções jovens dos EUA, nada mais, o resto foi fogo de artificio.

Agora ele deve ter uns 31 anos, simples.

"Novo Pelé"

Havia um relva que adorava o gajo,enfim,pelo menos deve ter um bom contrato.

a palavra a quem trabalhou com ele

"Trabalhava, mas raramente acima do limiar do conforto. Sabendo que deixou de ser opção principal, do ponto de vista anímico precisava que alguém lhe mantivesse a chama da esperança acesa"

João Carlos Pereira, treinador de Adu no Belenenses.

No fundo, aconteceu-lhe o que acontece a muita jovem estrela: deslumbram-se com a fama, com o facto de chegarem ao cimo da montanha sem o mínimo esforço. Ao primeiro grão de areia que encontram ficam com o motor (neste caso a cabeça) gripado.

Um exemplo de como os rótulos em juniores/juvenis são muito perigosos. Aí está o "novo Pelé", sucumbiu ao rótulo que lhe quiseram colocar.

Um dos maiores flops do futebol actual..

Provavelmente um dos maiores flops da História.
De idolatro nos EUA , de puto maravilha aos 15 anos, e hiper conhecido e imensa fama, desaparece completamente em 3 épocas na Europa.
Diria que o maior problema do jogador são as suas limitações psicológicas para se impor no futebol sénior.. Bloqueau e regrediu quando o passo natural era evoluir ...

Uma pena, prometia imenso..

A mim parece-me...

...que há uma ausência de cultura táctica gritante. Já passou por tanto sítio na Europa sem sucesso, que começo a dar razão a quem não lhe dá oportunidades. Já noutros casos, nem por isso...

Não é o FM...

Lá é que é bom jogador apesar de achar que nunca teve oportunidades suficientes para mostrar aquilo que valia e sempre que entrava lá fazia das suas. A mim parece-me que há gato nesta contratação, ou gato ou lebre.
Cumps