Benfica: a primeira vez de um Carrillo importante | Relvado

Benfica: a primeira vez de um Carrillo importante

Ex-Sporting marcou pouco depois de o Nacional ter empatado. Benfica ganhou na Madeira.
 
Carrillo apresentado no Benfica
slbenfica.pt

O Benfica passou no sempre complicado exame madeirense, ao ganhar ao Nacional por 1-3 neste sábado. Nesta partida da terceira jornada da I Liga, os madeirenses ainda empataram o jogo na segunda parte mas Carrillo desfez a igualdade pouco depois. O Nacional acabou o encontro com 10 jogadores. São sete pontos para o Benfica no campeonato. Para já, está à frente de Sporting e FC Porto, que se cruzam neste domingo.

Início de jogo aberto, agradável. Nos instantes iniciais Washington e Agra podiam ter marcado, enquanto Jonas, Fejsa e Raúl Jiménez tiveram espaço para responder. Tudo dentro do primeiro quarto de hora. Aos 17 minutos golo do Benfica marcado pelo Nacional: livre de Pizzi e desvio infeliz de Ali Ghazal. Esse momento mudou a tendência do duelo e colocou o Benfica melhor no relvado. E poderia ter surgido novo golo perto do intervalo, quando Grimaldo atirou para fora, por pouco.

O Benfica apareceu na segunda parte a mandar, na fase inicial. Salvio acertou no poste, Jiménez e Jonas obrigaram Rui Silva a defesas atentas. Estava o campeão melhor quando marcou... o Nacional. Aos 63', pontapé de canto e Tobias Figueiredo saltou à vontade para empatar. Quatro minutos depois, Carrillo entrou. Dois minutos depois de entrar, o ex-Sporting marcou; passe de Salvio e golo de Carrillo. O Nacional já não teve forças, nem discernimento, para reagir em condições e ficou com a tarefa mais complicada aos 80 minutos - Aly Ghazal lesionou-se e Manuel Machado já tinha realizado três substituições. Com mais um jogador em campo, Raúl Jiménez primeiro ameaçou e, já nos descontos, apontou mesmo o 1-3 final.

Benfica:

Comentários [3]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

SÓ 1 COMENTÁRIO! LOOOOOOOOOOL

IMAGINEM ISTO HÁ ALGUNS MESES, JÁ PARA NÃO FALAR HÁ MESES! ALIÁS, A NOSSA SELECÇÃO SAGROU-SE CAMPEÃ EUROPEIA E SÓ FORAM ESCRITOS 3 COMENTÁRIOS! LOOOOOOOOOL

Este é um Benfica ainda em construção, e o meu prognóstico

é que não dará hipóteses no campeonato. Não se esqueçam os nossos rivais que Jonas e Mitroglou ainda não estão em forma, Carrillo vai explodir quando tiver ritmo, Grimaldo ainda irá melhorar, e ainda faltam Jardel e André Almeida.

E falta ainda saber o que farão este ano Danilo, Rafa, Cervi, Zivkovic, todos eles grandes talentos que até dói pensar que não poderão jogar todos.

Se RV não inventar este campeonato poderá ser um passeio a partir de Janeiro, pois quando o Benfica engrenar prevejo que perca muito poucos pontos até ao fim.

Rumo ao XXXVI!

............

Dados o problema do Vitória é conseguir estabilizar o meio campo...
Eu do pouco que conheço de Celis e aquilo que vi já durante muito tempo de Danilo, para mim é claro.....Danilo a titular, Celis substituto direto do Danilo e Horta a entrar quando precisas de mudar algo, na esquerda Carrilo e Pizzi (Cervi e Zivkovic ainda vão ter de papar muita sopinha....tem rotação mas em alta competição isso só não chega) na direita Sálvio começa a ganhar estabilidade e se não sair até ao fecho do Mercado para mim é o titular à direita com o Pizzi a fazer-lhe as folgas, na frente Mitro e Jonas, se quiser mudar algo.....temos Jimenez e o Rafa (vai caralho minha gente custa muito dar a Montblanc ao puto para ele assinar??).
Grande problema do Benfica é que de Fejsa para trás anda tudo atoa....Semedo está muito a solta desde que o Almeida encostou, precisa de ir pó banco, Grimaldo está a subir de rendimento, mas convinha que lhe estabilizassem o extremo do seu lado, a dupla de centrais é que está a falhar...Lisandro e Lindelof, não se percebe o porquê de ter colocado o Lindelof sobre a esquerda e o Lisandro sobre a direita....é que só essa cena serviu para trocar completamente as voltas ao Sueco que por vezes perde-se nos posicionamentos acabando por ficar demasiadas vezes demasiado por "dentro" não dando a cobertura devida ao lateral.

Mais uma coisa as arbitragens este ano prometem........do dedo mindinho do pé até ao nariz é sempre canela....fosagasse