Porto anuncia extinção da equipa B | Relvado

Porto anuncia extinção da equipa B

 

FALTA DE INCENTIVO DESPORTIVO
Entretanto no sítio oficial do Porto na Internet
lamenta-se «o fim de um
projecto que abraçou em 1999/2000 e que envolveu investimentos consideráveis até
à presente dada», aponta-se. O clube considera que os jovens portistas
«foram obrigados a jogar a II Divisão B, com evidentes prejuízos para as
suas carreiras e sem qualquer incentivo desportivo, dada a impossibilidade
regulamentar de subir de escalão, ao contrário do que sucede, por exemplo, nas
competições profissionais, nas quais um clube satélite pode ascender à divisão
cimeira, desde que abdique desse estatuto», refere-se. O clube lamenta que
«à data da composição da equipa B do FC Porto foi criada a todos os clubes
a forte expectativa de as equipas B portuguesas subirem de escalão, à imagem do
que sucede pela Europa fora e, mais concretamente, em Espanha, país onde estas
formações têm maior sucesso». Mas o Porto nota que esta possibilidade
«nunca foi integrada nos regulamentos dos campeonatos em causa»,
realçando que propôs mesmo «em tempo útil a divisão da Liga de
Honra em duas zonas, de forma a que as equipas B pudessem ascender aos
campeonatos profissionais sem que isso afectasse a permanência de outros clubes.
Esta solução de duas séries com play-off seria, na nossa opinião, mais
rentável», releva ainda o clube.

Primeira Página:

Comentários [34]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

É pena

Porque o FCP B conseguiu sempre andar nos lugares da frente na disputada zona Norte na 2ª B. Faltava sempre o estimulo de poder lutar pela subida, continua a faltar e o FCP prefere acabar com a equipa B e voltar aos empréstimos de jogadores. Com uma equipa B na 2ª Liga já não acabava. É incrível como isto não foi a lado nenhum, depois de no inicio até se ter falado de uma competição para equipas B, que acabou por não surgir por falta de equipas.
Acabou no Sporting, acaba no Porto, não sei como andam as da Académica e Maritimo. Setubal nem sei como foi criar uma com os problemas financeiros. O Benfica B até desceu, voltou a subir no ano passado e não sei como está este ano.
Consequências do futebol que temos. Depois vão aparecer queixas em relação a emprestados.

Péssima noticia

Penso que o FCP era a melhor equipa B de todas .

E Equipa B devia ser olhada como um investimento e não como um custo.

Se a equipa ficasse em 1º lugar devia poder subir de divisão , não percebo o porque de não poder jogar na Honra.

Devia era ser proibido os clubes terem mais que 5 jogadores emprestados a clubes da mesma divisão , isso sim era uma medida que podiam aumentar a competitividade e fazer os clubes apostarem mais na equipa B.

e agora,

onde joga o diego?

Re:e agora,

no fcp claro

o diego alguma vez jogou na equipa B do FCP?

entao agora o Sonkaya,Sokota,Bruno Alves,Pedro

Ribeiro etc ja nao podem jogar aos fins de semana

Sinceramente não percebo isto.


Eu sou do Glorioso. Mas reconheço que o Porto tem tido uma boa gestão do seu futebol nos últimos anos.

Parte da boa gestão futebolística começa na concepção que o futebol não é algo a curto prazo, mas a longo prazo.

As equipas B são fundamentais para dar ritmo, jogo e crescimento aos jovens dos clubes. Senão vão jogar aonde???

Os jogadores devem crescer a jogarem nos clubes, para aprenderem a gostar deles, a assimilarem o amor á camisola. Se não houvesse equipas B, acham que os jogadores da "casa" viriam de onde? Do céu, do chão???!!!!

O Benfica está a tentar reconstruir o seu plantel jovem, dos Bês. Para começar a ter jogadores da "casa" a jogarem no clube. Jogadores que possam crescer, amadurecer no clube ganhando afecto ao clube. E que depois poderão render numa eventual transferência.

Além do que a equipa B ás vezes é útil quando há uma onda de lesões.

Esquecem-se também dos achados que se faz ás vezes. Das pérolas tipo Manuel Fernandes e João Moutinho. Que se afirmaram sobretudo a meia da época de estreia. O M. Fernandes com o Camacho, foi quase no final e o J. Moutinho foi sobretudo na 2ª volta.

Não percebo isto muito sinceramente.

Cumps.

O Rui Costa jogou no Fafe

o Fernando Couto na Académica e Famalicão, o Jorge Costa no Maritimo e Penafiel, o Rui Barros no Varzim e Sporting da Covilhã, o Sérgio Conceição no Leça e Felgueiras e chegaram onde chegaram...

A questão está em apostar em parcerias com os clubes adequados...

Re:O Rui Costa jogou no Fafe

Não nego e tens razão num ponto.

Contudo imagina que o Manélélé ou o Moutinho estavam emprestados e o SLB ou o Sporting precisavam de jogadores para essa posição.

Que fariam?? Ás tantas vão ao mercado de Inverno para trazerem vedetas pagas a peso de ouro, quando têm lá meninos de grande valor. Bastava que tivessem contido os seus jovens lá tinham-nos sempre á disposição. Percebes o meu ponto de vista?

Imagina que no outro ano o Moutinho estava empresatdo? Ás tantas o Sporting ainda se punha a pagar uma fortuna por uma vedeta qualquer que depois não jogava nada.

E se calhar o Moutinho teia perdido hipóteses de se afirmar e o Sporting teria perdido um grande jogador. Quantas cssos não conheces assim? Quantos jovens passam a vida emprestados em clubes e nunca têm uma hipóteses de se afirmar??

Percebes?

Cumps.

Por acaso falei no Rui Costa

e ele nem é um bom exemplo...

Ou melhor é, mas pela negativa.

Como na altura o Benfica andava um bocado distraido em relação aos emprestados, se não fosse o Mundial de Sub-20, ele dificilmente teria sido chamado à Luz...

Re:Por acaso falei no Rui Costa

Percebo o que queres dizer. Tens razão em certas coisas, mas continuo achar que até pela questão do vínculo afectivo, do amor á camisola, de se gerarem os novos "símbolos" do clube, os jovens se devem manter.

Por cada um que anda emprestado e o clube lá calha de reparar nele, a grande parte perde-se. Se ficarem nas equipas B, podem treinar com a equipa principal, podem ser úteis. De certeza que o Manélélé e o Moutinho cresceram muito mais a jogar no SLB e no SCP do que em clubes emprestados.

Vê só como o Manélélé evolui com o Trap. Como estava lá o Camacho lançou-o e depois o Trap talhou este diamante.

O Moutinho o mesmo. Com o Sporting do Peseiro em crise, o treiador apostou nele e foi o que todos sabem. Se estivesse emprestado, provavelmente perdia margem de manobra na luta por um lugar no Sporting.

De certeza que evoluem, crescem e amadurecem muito mais e mais depressa nos grandes clubes do que nos pequenos.

Cumps.

Até...

...acho bem, agora penso que o próximo passo é vender muitos dos jogadores (emprestados também), que estão apenas a "secar", e não estão a ser uteis.

Os gastos em salários desciam, e sempre obtinham algum lucro para poder reforçar a equipa principal nas posições onde estamos fragilizados.

E vão dois

Primeiro o Sporting depois o Porto, só demonstra uma coisa a equipa B não é nada rentável, é só despesa assim fica explicado porque os grandes têm jogadores bons emprestados quase a ad eternum!
Os miúdos ainda não estão bem maduros e o treinador não quer arriscar então vai de emprestá-los mais uma época, na época a seguir o clube gastou demasiado dinheiro em reforços, então o jogador não tem lugar no plantel e vai de emprestá-lo mais uma época, e vai assim época após época até o jogador se perder e o clube que o formou não tirar rendimento algum do seu jogador.
Há as saudades que me trazem o Toni, o Lazlo Boloni e o Mourinho, que sabiam bem quando os jovens estavam maduros para serem lançados e darem o máximo de rendimento.
É mais um caso dos antigos PORCA MISERIA do futebol Português!

Cums Catalães
 

Considero correcta esta decisão

e apenas peca por tardia.

As equipas B, pela forma como a sua participação foi desenhada, sem poderem aceder à liga de honra, tornaram-se projectos sem interesse e viabilidade desportiva.

Por outro lado, são poucos os jogadores aproveitados dessas equipas B.

São é muitos os brasileiros de qualidade duvidosa, que são contratados para essa equipa B e depois acabam dispensados: Elias, Marcos António, etc...

Ps: O Benfica é agora o único dos "grandes" a manter uma equipa B em actividade, tendo sido despromovida da II B à III Divisão, tal como o Vitória de Setúbal B.

Pelo que li na Bola, o Benfica B não desceu.

Quem desce é o União Micaelense...

Re:Considero correcta esta decisão

mas o benfica b nao desceu ha 3 anos atras pra III divisao e depois subiu?? eu sei k da 2ª B pra 2ª liga nao é possivel,mas de resto tudo acontece "normalmente"...
estranho agora o benfica b nao descer pq penso k isso aconteceu ha 3 ou 4 anos atras

Eu acho incorrecta esta decisão!

Percebo que no actual modelo a B do Porto não tinha pernas para andar. Sem dúvida!

Mas, reformulando-a fazendo dela uma equipa de transição entre juniores e seniores sería sempre uma excelente aposta. Penso que se trata na globalidade de uma má decisão por parte do Porto.

Discordo ainda mais se a intenção era o corte em custos operacionais (há outros sítios por onde cortar!), para voltarmos ao modelo de empréstimos a outros clubes. Perde-se a proximidade de acompanhanto dos jogadores e acaba por se perder uma plataforma de transição como disse acima.

cumps

a propósito dessa necessidade de transição

Tenho uma teoria acerca da viabilidade de uma equipa B ou de um clube satélite.

Por ano, subirão aos seniores no máximo 2/3 jogadores, de 16 ou 17, com qualidade e potencial para chegarem à equipa principal.

O que significa que haverá sempre uns 15 que devem ficar pelo caminho.

Mas para se manter uma equipa B, é necessário, ter um plantel completo.

Daí que das duas uma:

a)Ou se vai contratar jovens promissores de outros clubes para preencher o plantel,

Incoveniente: É dificil que existam em número suficiente em Portugal.

Daí a aposta em jovens brasileiros de qualidade duvidosa.

b)ou então vai-se assegurar contrato a jogadores dos juniores que não terão grande futuro.

Isso no Porto também foi feito.

Em qualquer um dos casos, esta realidade traduz o facto da equipa B ter muitos jogadores de qualidade reduzida, e como tal, como a qualidade não abunda, acaba por prejudicar a progressão dos que realmente têm valor.

Por isso eu penso, que é preferível, pôr os mais valiosos em patamares mais elevados de exigência, emprestando-os a clubes com condições para estes desenvolverem as suas aptidões e potencialidades.

O erro do Porto...

...foi mesmo esse de ter interpretado mal a funcionalidade da B. Comprou-se muito jogador vulgar, nomeadamente brasileiros, e fez-se contrato com juniores com pouca margem (mas aí o problema é a formação, pois acho curto que só saiam só 2/3 jogadores da cantera). Nada mais errado. O nº de jogadores para as B nunca sería o problema principal na sugestão que faço.

Porque não adoptar o sistema inglês da equipa de reservas. Em que quem não joga nos A é levado a jogar nas reservas? Se num plantel de 26 jogadores tens 18 convocados sobram 8 que poderíam rodar e manter os níveis físicos. Resta-te teres mais uns 10 putos com margem (desde juvenis a juniores), ou jogadores dispensados que em vez de andarem espalhados por esse país fora em equipas de 2ª linha poderíam ser acompanhados mais de perto.

Portanto, e sabendo que nisto da formação a procura da qualidade é uma espécie de busca do Santo Graal, restar-te-iam jogadores "emprestáveis" a clubes de primeira, mas apenas em casos em que fossem reais apostas no futuro (à imagem do que se fez com o Bruno Vale).

cumps

Boa decisao PC

A equipa B apenas serve para gastar dinheiro, uma vez que os jogadores que la jogam, nao teem motivaçao alguma..

Também serve de Tarrafal, o castigo.. que vos digam Baia, Maciel, Diego, ...

Ou seja, acho que foi uma boa decisao, mas o que fazer aos 20 jogadores que la jogam? vao manda-los embora e ficar com os melhors???

cumps

É uma noticia triste...

... mas é um final há muito anunciado... de facto parece-me que estas equipas B não são de todo rentáveis para os clubes, que até acabam por retirar poucos dividendos nas suas equipas principais (como se pode constatar)...

Mas não deixa de ser com tristeza que vejo isto acontecer no meu clube... de facto era importante para alguns jogadores competir dentro do clube com a possibilidade de serem chamados a trabalhar com o plantel principal e de coseguirem assimilar a sua mistica... mas pelos vistos era um fraco objectivo...

Mas será que alguém pode explicar porque é que as equipas B não podem subir de divisão? Ou então, porque não um campeonato entre equipas B? Existirá alguma explicação lógica para a mesquinhez e pequenez do nosso futebol?

Lá vai começar a roda dos empréstimos e das dispensas de jovens jogadores... isso sim, uma vergonha...

Não deixam de ter razão

É um gastar de dinheiro medonho e o retorno nem sempre é positivo. Aliás se formos a ver bem no ultimo ano de juniores é que saem os que realmente se podem aproveitar e a equipa B servia quase como castigo para alguns...

saudações portistas

Por isso que Portugal é um pais atrasado

a equipa B do FCP nao pode subir a divisao de honra

la na espanha o Atletico Madrid B,Real Madrid B Barcelona B jogam na divisao de honra espanhola

Re:Por isso que Portugal é um pais atrasado

Na Honra espanhola joga o Real Madrid B (Castilla) e o Málaga B, os outros que foram referidos estão na 2ªB.

Força Covilhã!!!

para mim é uma estupidez acabar com a equipa

b do FCP

entao agora o Anderson,Sonkaya,Bruno Alves,Paulo ribeiro ,Sokota vao jogar aonde nos fins de semana?

Terá mesmo sido despromovido?

Que eu saiba o Benfica B assegurou a manutenção...

De notar que a equipa B do Benfica está catalogada no site oficial como "Área de formação", e que é este o plantel:

Bruno Costa G.R. 28/08/1986
Manuel Gama G.R. 26/05/1988
Rui Nereu G.R. 04/02/1986
Carlos Ferreira Defesa 26/08/1985
Pablo Defesa 02/04/1985
Frederico Runa Defesa 12/09/1983
Miguel Lopes Defesa 19/12/1986
Tiago Gomes Defesa 29/07/1986
Bijou Médio 14/04/1986 1.74m
Fernando Alexandre Médio 02/08/1985
João Coimbra Médio 24/05/1986
Ricardo Nunes Médio 18/06/1986
Tiago Costa Médio 22/04/1985
Fábio Silva Avançado 05/04/1985
Luís Zambujo Avançado 29/09/1986
Manuel Curto Avançado 09/07/1986
  Canales Avançado 27/06/1985
Vasco Firmino Avançado 26/07/1984

Reparem que quase todos são Portugueses, ou seja: nada de Brasileiros de qualidade duvidosa, e que são todos bastante novos. A média de idades deve rondar os 20 anos.

É verdade que o Benfica não tem beneficiado por aí além da sua equipa B (ainda que o Manuel Fernandes por exemplo, pelo retorno financeiro e desportivo que possa vir a proporcionar ao clube chegue para justificar o investimento na equipa B por longos anos...), mas não é menos verdade que só recentemente começou a apostar em força nas suas camadas jovens, isto deve-se a meu ver na excelente aposta de Luís Filipe Vieira em António Carraça.

Assim, acho altamente improvável que o Benfica decida acabar com a sua equipa B um ano depois de ter subido de divisão e de ter formado um plantel cheio de jovens promessas. Este é, na minha opinião, o caminho certo, e o motivo pelo qual as equipas B deveriam existir...

O que devia haver

era um campeonato de equipas B, uma espécia de campeonato de reservas como em Inglaterra, que levaria mais assistência, por exemplo em jogos FCP-Boavista, ou SCP-SLB, servindo para os jovens(e não só), recuperarem a forma fisíca e adaptarem-se às mais diversas tácticas, com especial incidência à que a equipa A utiliza.

A equipa do Benfica B foi despromovida à III?

Eu não tinha tanta certeza cara Susana, o Benfica não ficou em posição de descida e apenas desceria, porque nesse caso o regulamento prevê a descida de mais uma equipa, para precaver a eventual desistência da equipa B relegada (neste caso o Setúbal B).

Ou seja, o repescado para a III seria outra equipa que não o Benfica e não será por acaso, que os jogadores e treinadores do Benfica B, falaram no fim de semana em tranquilidade e manutenção assegurada. Vamos ver no que vai dar isto...

Re:A equipa do Benfica B foi despromovida à III?

O Benfica é agora o único dos "grandes" a manter uma equipa B em actividade, tendo sido despromovida da II B à III Divisão

Que tem isto de errado? O Benfica já desceu um ano e manteve a equipa.

No mais futebol:

http://www.maisfutebol.iol.pt/noticia.php?div_id=1679&id=590865

eu também o referi

Quem desce é o União Micaelense.

Fonte: A Bola.

Com a sua despromoção..

é natural que assim aconteça.