A caminho do Mundial: os que perderam o comboio... | Relvado

A caminho do Mundial: os que perderam o comboio...

 


A caminho do Mundial: os que perderam o comboio...
Jorge Andrade, Jerzy Dudek, Ludovic Giuly, Roy Makaay, Fernando Morientes, Kevin Kuranyi, Christian Vieri, Edmilson e Samuel Eto'o são apenas alguns dos nomes mais mediáticos que vão falhar o Mundial da Alemanha. Ora por lesão, por preferência técnica dos seleccionadores ou por mera falta de apuramento das respectivas Selecções, várias figuras conceituadas do futebol mundial não vão participar na maior prova da FIFA. Tantos são os nomes dos que, habituados a serem artistas do espectáculo, se vêem relegados à condição de espectador...

Vítimas da opção técnica

No exemplo português há dois nomes que saltam à vista, dois portistas curiosamente - Vítor Baía e Ricardo Quaresma. O guarda-redes português mais conceituado ainda em actividade há muito que deixou de constar das opções de Luiz Felipe Scolari, mas a sua ausência da Alemanha continua a surpreender fora do território nacional. Já Quaresma, considerado o melhor jogador português do campeonato transacto, teve uma actuação decepcionante no Europeu de sub-21 em Portugal, mas mesmo assim seria uma mais-valia para a equipa das quinas. Scolari parece não concordar.
Em França Ludovic Giuly é o mais flagrante dos proscritos, sendo bi-campeão espanhol e campeão europeu com o Barcelona. Mas Raymond Domenech também exclui da convocatória dos Bleus Nicolas Anelka que vai seguir a terceira fase final de um Mundial como mero adepto de bancada. O luso-francês Robert Pires, que troca o Arsenal pelo Villarreal na próxima época, era já um dos previsíveis preteridos do seleccionador gaulês, em virtude de um desaguisado com Domenech.
Na Holanda Marco Van Basten tem promovido uma renovação na "Laranja Mecânica" e nas suas contas para o Mundial não entram os experientes Roy Makaay, avançado do Bayern de Munique, nem Clarence Seedorf, médio do AC Milan, ou Edgar Davids, médio do Tottenham. Estranha poderia igualmente ser a ausência de Klaus-Jan Huntelaar, avançado de 21 anos que foi o melhor marcador do campeonato holandês da época passada com 33 golos em 31 jogos, não fossem as vastas opções que Van Basten tem para a frente de ataque.
Na Argentina ficam de fora das escolhas de Pekerman três figuras do Inter de Milão da época transacta - Juan Sebastian Veron, que deixa Itália para voltar à casa que o lançou no "País das Pampas", o Estudiantes, ou Javier Zanetti, o capitão do mesmo clube milanês, e o defesa Walter Samuel.
Baixas de vulto por mera opção técnica são também o guarda-redes polaco Jerzy Dudek, que foi campeão europeu com o Liverpool em 2005, e o avançado espanhol Morientes cujas prestações no Arsenal não bastaram para convencer Luis Aragoñes.
Fabian Ernst e Kevin Kuranyi, jogadores do Schalke 04, são nomes descartados por Jurgen Klinsmaan na Alemanha e Roque Júnior, que foi campeão do mundo com o Brasil em 2002, também não vai ao Mundial. Em Itália António Cassano, já vinculado ao Real Madrid, é outro ausente do torneio, tal como a lenda mexicana Cuauhtemoc Blanco.

Os lesionados

Entre os afectados pelo azar das lesões, Djibril Cissé surge como o caso mais dramático, tendo o avançado do Liverpool partido uma perna no último jogo de preparação da França antes do Mundial. Portugal também se vê privado de uma peça fundamental da defesa devido a uma mazela física. Jorge Andrade foi operado ainda antes do término da época transacta e tem um longo período de recuperação pela frente.
Até os campeões do mundo foram afectados pelo infortúnio com Edmilson, campeão europeu com o Barcelona, a ser descartado depois de lesão num treino durante o estágio de preparação para o Campeonato. A Espanha "perdeu" o defesa do Chelsea Asier Del Horno devido a um problema que se arrastou desde a época finda, do mesmo modo a República Checa se vê privada dos serviços do experiente médio do Bordéus Vladimir Smicer. Na squadra azzurra o avançado Christian Vieri recupera de uma entorse num joelho contraída ao serviço do Mónaco e o alemão Sebastian Deisler, médio do Bayern de Munique, foi operado pela quinta vez ao joelho direito.
Na Sérvia a "esperança" do futebol do país Mirko Vucinic, avançado que se tem destacado no Lecce, lesionou-se no Europeu de Portugal e é por isso "baixa" para a Alemanha.

Mundial merecia talento de Eto'o

Entre os não-apurados para o Mundial o nome que sobressalta é o de Samuel Eto'o com os Camarões a terem ficado surpreendentemente arredados da prova. Parece até pecado que um avançado do calibre do jogador do Barcelona não tenha lugar na maior competição da FIFA.
O mágico nigeriano Jay Jay Okocha também não jogará na Alemanha e não voltará a representar a sua Selecção nos campos mundiais. O médio de 32 anos, distinguido com o prémio de Melhor Jogador Africano de 2005 pela Rádio inglesa BBC, já anunciou a retirada da equipa nacional da Nigéria.
Eidur Gudjohnsen e Damien Duff são dois dos poucos jogadores do Chelsea que não vão ao Mundial, uma vez que a Islândia e a República da Irlanda, respectivamente os países de origem, não marcam presença na prova da Alemanha. A norte da Europa notam-se ainda as ausências de nomes como John Carew e Jon Dahl Tomasson, avançados cujas Noruega e
Dinamarca também não obtiveram o passaporte para o Mundial.


Foto: Agência Lusa


Primeira Página:

Comentários [13]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Entre

todos esses nomes há um que não me espanta mesmo nada: Vieri. Era um dos meus avançados preferidos, mas teve uma má época e está claramente em declinio - tem já 33 anos. além disso, a Itália deu-se ao luxo de deixar outros avançados de fora, como Cassano e tantos outros.

Infelizmente...

...em cada mundial ou europeu acontecem situações destas. Tanto por opção técnica como por lesão ou por escolhas dos selecionadores, a verdade é que se fazia uma excelente equipa com estes desafortunados: Baía; Zanetti, Samuel, J. Andrade e Del Horno; Giuly, Ernst, Edmilson e Quaresma; Kuranyi e Makaay. É apenas e só uma equipa incrível e ainda se pode incluir Morientes, Vieri, Davids, Seedorf...

Bom artigo sim senhor...

Como sempre acontece, todos os seleccionadores têm uma ou duas ovelhas negras no rebanho. É com tristeza que observo nomes como Quaresma, Giuly, Makaay, Seedorf, Zanetti e Blanco ficarem de fora das opções quando realizaram épocas de bom nível. Apesar de entender algumas das escolhas dos seleccionadores dado que a concorrência é feroz em alguns dos casos, não consigo entender como Scolari deixa Quaresma de fora e convoca Viana, como Domenech deixa Giuly de fora e convoca Diarra ou Dhorasso, como o capitão Zanetti não tem lugar entre os 8 defesas que Pekerman levou à Alemanha ou ainda mais escandaloso a meu ver, como o seleccionador mexicano Ricardo Lavolpe consegue ter a cara de pau de deixar em casa o avançado Blanco e seleccionar apenas um avançado de raiz. Quanto aos lesionados, Cissé novamente com azar mas quando se têm quatro nomes convocados como Henry, Trezeguet, Saha e Wiltord, a França aguenta bem sem o excêntrico avançado do Liverpool FC. Jorge Andrade é o que se sabe e quanto, a lesão do central português vai ser apontada no final da competição como um ponto-chave. Ricardo Carvalho e Fernando Meira juntos não me inspiram muita confiança e a observar a prestação conjunta dos jogadores nos dois jogos recentes, vai entrar muita água naquela zona do terreno...

Re: Bom artigo sim senhor...

Já não vamos poder ver blanco com aquela finta única do França 98, saltando com a bola presa entre dois adversários.

Que eu saiba...

...o scolari 30 000/mês nunca convocou o Baía logo a afirmação "O guarda-redes português mais conceituado ainda em actividade há muito que deixou de constar das opções de Luiz Felipe Scolari", não corresponde à verdade, pois não foi "há muito" mas sim NUNCA CONSTOU DAS OPÇÕES DESSE INDIVIDUO...(para não lhe chamar outra coisa)... Portanto Baía, o melhor guarda redes nacional, não "perdeu o comboio" pois simplesmente nunca teve oportunidade de apanhar o "trem do xicolari"...

2 Palavras Apenas definem Scolari

Grande Seleccionador!!! *Nito*

Acho muito bem...

...há que apoiar o homem para combater tipos como eu que não o gramam. Mas eu até nem sou dos piores, há quem o trate por "grande" mas não selecionador, mas sim "merda", "cabrão", "chulo","palhaço",etc... uma tristeza..enfim..ainda bem que eu não sou desses...

ES MESMO TÓTÓ

eu sou um defensor de scolari na nossa selecao , acho que ja provou que é um grande treinador . Para comecar levou portugal a uma final de uma grande competiçao internacional, algo que nunca antes tinha acontecido ( mesmo nos «tempos de Eusebio» ).Depois ja provou que é um bom lider , sabe organizar a equipa , tem mão no balneario, e acima de tudo os jogadores respeitan-no e confiam nele , o que é muito bom . Muitas pessoas nao gostam dele pelo facto de certos comentários que ele faz , ou por causa de certas entrevistas que dá, mas penso que ninguem poe em causa o seu profissionalismo ou a sua capacidade como treinador. Já reparam que as BOCAS que ele dá , ou os comentários menos conseguidos são sempre proferidos nestas alturas importantes ?Porque será ? Pergunto eu , nao serao estes comentários programados com antecedencia para serem proferidos no timing certo , assim como faz o Mourinho , para proteger os jogadores ?.. SCOLARI fala coisas que nao deve , tudo bem ... . Mas se me perguntarem : Queres para portugal um treinador que seja « politicamente correcto» , mas que nao ganhe nada , ou queres um treinador que é desbocado mas que vai levar portugal longe ? EU escolhia o segundo ..

Re: ES MESMO TÓTÓ

Eu depois do que ele disse ultimamente só o quero longe de Portugal nem que isso signifique uma campanha miserável da selecção portuguesa num mundial(algo a que já estamos habituados). Scolari já me convenceu mais, como pessoa e até como treinador. E já agora...NUNCA GANHOU NADA com Portugal claro e para mim isso não é de um bom treinador, se o fosse teria ganho o europeu e não perdido duas vezes frente a uma Grécia que ainda hoje está para perceber como levou a taça para casa. Scolari já mostrou muita coisa em Portugal, mas nunca o de ser um bom treinador...

Re: Re: ES MESMO TÓTÓ

Mais, perdemos duas vezes com a Grécias na fase final e empatamos uma outra num jogo de preparação em que foi expulso um grego aos 30 minutos. E ainda assim deram-nos um banho de bola. Certamente aquela final, até pela experiência que já tínhamos, não podíamos perder.

Re: Re: ES MESMO TÓTÓ

E já agora...NUNCA GANHOU NADA com Portugal claro e para mim isso não é de um bom treinador Claro que um Capello, Mourinho treinar a selecção portuguesa e não ganhar nada, também não vão ser bons treinadores. Gostei da tua teoria.

en relacao a nao ser um bom treinador

axas ke e qq um que tem este curriculo? Scolari começou como técnico no próprio CSA, passando pelo Brasil de Pelotas, e o Al Sabbab, da Arábia Saudita. Começou a ser reconhecido em 1987, quando levou o Grêmio ao tricampeonato gaúcho. Seu primeiro título nacional veio com a conquista da Copa do Brasil pelo Criciúma. Depois disso, teve passagens pelo Grêmio, onde conquistou vários títulos, entre eles a Taça Libertadores da América em 1995, Palmeiras e Cruzeiro, sempre vitoriosas. Com exceção do Mundial Interclubes, perdido em 1995 com o Grêmio para o Ajax, da Holanda e em 1999 com o Palmeiras para o inglês Manchester United, conquistou todos os títulos que um treinador brasileiro pode ambicionar: Campeonato Regional, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro, Taça Libertadores da América e Mundial de Seleções. Actualmente é seleccionador da Selecção Nacional Portuguesa de futebol, a qual levou à final do Copa/Campeonato da Europa de 2004. . nao é que goste dele como pessoa , mas o curriculo fala por si

Excelente artigo/notícia

Srª Susana quer mais Dois nomes incríveis que não vão ao Mundial? SAGANOWSKI e BENACHOUR Olhem para os avançados polacos e noto jogadores mais fracos que o Saganoswki.Será devido á sua equipa ter sido despromovida.É gritante que o jogador polaco não tenha sido convocado, com uma época magnífica e os seus 11 golos. Opções..