Sp. Braga derrota Belenenses com auxílio "santo" | Relvado

Sp. Braga derrota Belenenses com auxílio "santo"

Golo nos descontos valeu novo triunfo ao conjunto minhoto, que se junta aos líderes.
 
Edinho apresentado no Sp. Braga
scbraga.pt

O Sporting de Braga manteve-se como um dos líderes da I Liga, ao levar a melhor sobre o Belenenses no seu estádio, por 2-1, nesta segunda-feira.

A equipa da casa foi superior ao longo da primeira parte. Pardo já tinha ameaçado Matt Jones nos instantes iniciais e o primeiro golo surgiu aos 19 minutos, depois de Fernando Ferreira ter dominado a bola com o braço, dentro da sua área; Edinho inaugurou o marcador, de grande penalidade. A defesa do Restelo tremia e, num dos passes errados, Edinho apareceu isolado mas atirou ao lado. As respostas de um tímido Belenenses surgiram em dois cabeceamentos perigosos de Kay; um deles acertou mesmo na barra. Mas pouco antes do intervalo poderiam ter ficado em campo apenas 10 jogadores do Sp. Braga, quando Tomás Dabó atingiu, com os pitões, o peito e o braço de Deyverson - o árbitro não viu e nem assinalou falta.

Segunda parte, jogo aborrecido durante a fase inicial. Os bracarenses continuavam a ter a bola durante mais tempo, ainda houve remates de Rafa e Luiz Carlos, mas zero oportunidades claras de golo. O Belenenses ia tentando aproximações à baliza contrária, também sem grande sucesso, mas através de um canto chegou ao empate, quando Diakité foi o melhor nas alturas, a um quarto de hora do final. Depois assistiu-se a dose tripla de Rúben Micael, que nas duas primeiras tentativas atirou a centímetros do ferro e, à terceira, viu Matt Jones fazer a defesa da noite, num remate muito bem colocado. A insistência caseira teve resultado prático no primeiro minuto de compensação: cruzamento de Joãozinho e, também de cabeça, Aderlan Santos fechou as contas do encontro.

São seis pontos para Sp. Braga, Sporting, FC Porto, Rio Ave e Estoril. No outro extremo da classificação está o Belenenses, que ainda não pontuou e é um dos últimos classificados.

Equipas

Sp. Braga:

Eduardo
Tomás Dabó, Nuno André Coelho, Santos, Joãozinho
Mauro, Luiz Carlos (Alan), Rúben Micael (Luís silva)
Rafa (Yazalde), Edinho, Pardo

Belenenses:

Matt Jones
Paulo Jorge, Kay, João Meira, Filipe Ferreira (Danielsson)
Diakité, Miguel Rosa (Sturgeon), Fernando Ferreira, Tiago Silva
Fredy, Deyverson (Diawara)

Golos: Edinho (19' pen.), Santos (90'); Diakité (74')

I Liga:

Comentários [3]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Ó Eduardo, abre os olhos...

já há quem te chame o "Mãos de Tesoura"...eh eh eh

Incrível...

...Enquanto o J. Ferreira mantiver na baliza o Roberto ll, não pode aspirar a grandes feitos...

O golo que ele sofreu consegue enervar o próprio Roberto... Consegue sair a uma bola acertar em todos, incluindo nos próprios colegas de equipa, menos na bola... Razão tinha o presidente do Génova, que pagava para ele sair...

Em Braga é conhecido como

Em Braga é conhecido como frangueiro. Um dos maiores erros desta direcção foi ter dispensado o Cássio e contratado este gajo.