(Re)descoberta do filão argentino | Relvado

(Re)descoberta do filão argentino

 

Pelo que consta, foi o Belenenses o primeiro clube em Portugal a descobrir este filão há muitas décadas atrás!Depois o Porto também teve alguns argentinos, e dos jogadores argentinos que passaram pelo futebol português, o Sporting teve o privilégio de contar com um excelente marcador de golos de seu nome Yazalde, e até de um Beto Acosta que, não sendo tão mortífero como o primeiro, acabou por marcar golos para ser o melhor marcador.Mas também podemos apontar os jogadores que não se adaptaram como Kmet, Hanuch, Gimenez, Bevacqua e mesmo Caniggia, e que deram sempre a ideia de serem contratações falhadas.Até às mais recentes contratações onde o Porto acertou com Lucho e Lisandro e o Sporting teve em Romagnoli um jogador que se foi afirmando.O Benfica não tem tradição no mercado argentino, onde apenas encontrou um Caniggia já em fase descendente da carreira e oriundo de um clube europeu.Pelo que consta Porto e Sporting continuam atentos ao mercado argentino e pela imprensa o Porto vai adquirir um jogador emergente do campeonato local e o Sporting parece que vai contar com um médio argentino oriundo de um clube da 2ª divisão que vem apelidado de promessa.Será que vale a pena apostar no mercado argentino?Aveiras

I Liga:

Comentários [20]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Não é uma redescoberta...

... é a continuação do que já se sabia que existia, qualidade no futebol Argentino. Nós, como Portugueses que somos, é perfeitamente natural que o nosso mercado estrangeiro principal seja o Brasil por razões históricas e idioma. Se olharmos para a Espanha, vê-se que a sua preferência já passa pela Argentina onde existem vários jogadores de origem desse país naturalizados Espanhóis e alguns deles representaram as cores da selecção desse país. As razões ? Hitóricas e idioma. Esporadicamete poderá existir uma "anomalia" de importações de outros países, tais como está a verificar-se neste momento com a Argentina. As razões são várias, baixos prelos devido à enorme crise financeira dos clubes desse país e qualidade dos jogadores. No caso de Lisandro e Lucho, são um bom exemplo de excelentes investimentos que poderão num curto espaço de tempo originar um encaixe e um lucro enorme para além das suas qualidades. É óbvio que no meio de muito trigo, exista ambém muito joio, e existem más contratações, é natural e passa-se com qualquer jogador independentemente da sua origem, seja ela Portuguesa, Brasileira, Argentina etc... Como a formação do Sporting está em "moda", querem fazer passar a ideia que apostar nos jovens Portugueses é que é bom ! Como se isso fosse alguma desculpa e garantia de sucesso. Se os jovens do Sporting fossem assim tão bons, não haveria um Liedson, um Romagnoli, um Polga... Tem de haver um equilíbrio e a componente financeira dos clubes não poderá ser colocada de parte. Ou acham que investir 2 milhões de euros num jogador estrangeiro e passados um ou dois anos vendê-lo por 5 ou 10 milhões é mau negócio ?

Argentina melhor que Brasil

Penso que os jogaores brasileiros que fazem de facto a diferença são simplesmente os melhores, e esses dificilmente vêm para o campeonato português. Os jogadores médio-bons argentinos são muio melhores que os médio-bons brasileiros, e num campeonato como o português, com relados pesados e defesas duros, quanto a mim adaptam-se muito melhor que os brasileiros devido ao seu espírito guerreiro. Ao que parece, o Benfica está-se a virar para esse campeonato, o que me agrada muito pois, quer Cardozo, apesar de paraguaio, e Bergessio são excelentes jogadores. O primeiro um goleador, o seguno um jogador raçudo que não desiste de uma jogada e que também não se faz rogado na hora de por a bola lá dentro. Por tudo isto digo, Argentina é melhor que o Brasil em termos de jogadores!

Tal como nos...

que pensamos (como foi aqui sugerido a pouco tempo num artigo) que o homem português é geneticamente dotado para o futebol, os argentinos ainda o serão mais. Assim, para mim, o futebol e o campeonato argentino, fazem parte do que se faz de melhor a nivel de espectaculo. Quais goleadores, organizzadores de jogo, defesas raçudos e valentes saiem de la cada ano??? E se são caros, eles la justificam o preço pois são poucos os que estão na Europa e não jogam. Mas para mim não é por ter fracassado 3/4 contratações vindas das Pampas que ja não se deve la ir. Se assim fosse, ja não iamos contratar ao Brasil. Depende dos momentos. Ha jogadores que se adaptam e outros que não. O Heinze hoje é um enorme defesa, de calibre internacional mas quando passou no Sporting, ninguem deu por ele... e depois é o que se conhece. O Porto, hoje bem pode testemunhar da qualidade dos seus jogadores argentinos. Lisandro e Lucho são muito fortes, principalmente o segundo. Para concluir, não podemos esquecer este mercado argentino, pois é aquele que oferece mais qualidade para os clubes europeus, com não se pode esquecer de todos os outros mercados.

Sobre o Heinze

"O Heinze hoje é um enorme defesa, de calibre internacional mas quando passou no Sporting, ninguem deu por ele... e depois é o que se conhece." Eu dei por ele! Foi na época 98/99... e veio a meio da época por empréstimo do Valladolid. E era ainda muito puto! Tinha como "concorrentes" ao lugar de defesa esquerdo o Vinicius, o Rui Jorge e o Nuno Valente! Não era fácil para ele "chegar, ver e vencer", como deves calcular! E como vinha emprestado... "voltou à base"... mas não por ser mau jogador ou não lhe reconhecerem boas qualidades como defesa! Cumps

Sinceramente...

pelo preço geralmente exorbitante acho que não vale a pena... aliás, os nossos são tão bons ou melhores que os deles! A nível internacional, só lamento não se dar a devida importância e prospecção ao enorme continente africano! Aí sim, estaria o futuro... em África e na Ásia!!

Re: Sinceramente...

Não me parece. Tanto África como a Ásia (este último então pior), não têm ligas fortes de futebol, não têm sistemas de prospecção, de recrutamento, não têm fábricas de jogadores, não têm história nem implantação futebolística. África não tem recursos mas ainda vai tendo o futebol. A Ásia tem recursos mas não tem cultura de futebol. Pelo que se torna difícil que surjam jogadores com potencial da maneira que os existe na América do Sul.

Uma correcção.

O Messi não é uma contratação "recente". Está no Barcelona desde criança.

...

Como cegar sócios de clubes em Portugal? Simples. Argentinos e brasileiros. Podem mal conseguir dominar uma bola, podem ter passado toda a carreira em clubes de divisoes inferiores...sao argentinos? Comprem-se! Está provado por a+b que quem nasce por lá, sabe dançar tango e jogar futebol. Estamos perante mais um caso, onde o estereotipo ilude a razao. Ha uns anos reinava seguro e solitario o mercado brasileiro. Mas entretanto, os portuguesitos la começaram a abrir a pestana e a perceber que nem tudo o que de lá vem, é de qualidade. Uma ligeira inversão, sem renunciar ao Brasil. A Argentina, esse historico do futebol que apresenta 5 Maradonas em cada geração. Olhem, ate temos cá um: Romagnoli(que não é mau jogador, mas acreditem ou nao, era comparado a El Pibe...a Argentina é o país com maior numero de heresias por metro quadrado...) Certo, é verdade que de vez em quando lá se acerta com um ou outro. E sim, ainda são os paises com maior capacidade de produção de grandes jogadores. Mas infelizmente, os clubes portugueses apenas estao financeiramente autorizados a ficar com os restos. E apesar de ate gostarmos de ossos temperadinhos numa boa tasca à portuguesa, a verdade é que com eles ninguém se governa. Ate digo mais. De toda a safra que nos tentam impingir de grandiosos craques jovens argentinos, só um será realmente craque: Messi. Os outros, nao passarão de muito bons jogadores, tipo Aimar, etc. Faltará sempre qualquer coisa para confirmarem as expectativas. Se os mais apeteciveis nos ultimos anos, foram flops num Spartak Moscovo(Cavenaghi), são de caras sobrevalorizados(Gago e Higuain), e todos com preços de saida para cima de 15 milhoes de euros, o que esperar encontrar lá por 2 ou 3, como os clubes portugueses pretendem? E os que ca estao? Lisandro tem sido apenas aceitavel e Lucho de quem nao ouso dizer mal, mas que nao teria o credito que tem, caso nao fosse internacional por esse pais. Porque se com a nacionalidade ja é o que é, imaginem com uma internacionalizaçao! Carimbo de qualidade na carne argentina. E se o governo de Buenos Aires suspendeu ha pouco a sua exportação, deviam ter-se lembrado disso ha uns anitos atrás para evitarmos Ibarras, Kmets, Gimenez, Mogrovejos, Walter Paz... O curioso é que o jogador portugues esta a beneficiar com o mesmo fenomeno. Qualquer jovem que aqui se destaque é imediatamente o novo Figo ou Cristiano Ronaldo. Aí vao Nanis por preços astronomicos(ao qual desejo tudo de bom, mas nao deixo de considerar exagerado o preço), e filas inteiras de jogadores mediocres para clubes de ligas menores. Sim, tambem eles, armas inatacáveis...pela sua nacionalidade. Eu por mim, dava primeiro oportunidades aos jovens que cá estão, mas infelizmente há comissões que têm de se ganhar...para comprar, apenas de qualidade, como o Porto fez nos ultimos anos com Diego ou Anderson, jovens de primeira categoria, vistos como os futuros craques do Brasil, Polga, Lucho(que apesar de sobrevalorizado, foi excelente compra), Luisao...valores seguros. Ora, nao me parece que isso esteja a acontecer este ano. Vao perguntar aos brasileiros o que acham de Edgar...de Fernando...de Gladstone...prefiro que se virem para outros mercados. Muitos ficaram surpresos com os polacos do Boavista. E olhem que eles nem eram primeiras escolhas de selecção. Embora no inicio de anos 90, houvesse um exagero com o mercado do Leste Europeu, a verdade é que o esquecemos completamente e é por lá que eu ainda acho que se podem conseguir alguns bons valores, boa relaçao qualidade-preço, em mercados ainda nao inflacionados. Mas continuo a achar, sem qualquer patriotismo que Vieirinha, Paulo Machado, Bruno Gama e Helder Barbosa, seriam muito mais interessantes para o meu clube que estes argentinos e brasileiros da mesma idade, e de segunda categoria(o unico a que reconheço grande potencial é Leandro Lima)

A tua opinião vale o que vale

"Ora, nao me parece que isso esteja a acontecer este ano. Vao perguntar aos brasileiros o que acham de Edgar...de Fernando" Vão perguntar aos brasileiros? Quais brasileiros? Algum amigo teu do msn? Ou algum brasileiro que seja credível? Se acreditas em alguém credível lê isto que vem no mais futebol Fernando Reges, Edgar e Leandro Lima. Três nomes com o F.C. Porto como denominador comum, mas não só. Os jogadores, colocados neste defeso na rota do Dragão, são internacionais sub-20 pelo Brasil e trabalharam directamente com Nélson Rodrigues, o técnico que prepara nesta altura a participação da «canarinha» no Mundial categoria. «O F.C. Porto está a apostar em jogadores que são o futuro do Brasil. Fazem parte do grupo das selecções de base e são grandes esperanças no nosso futebol. Mas o Leandro Lima é um jogador diferente do Anderson, atenção. O Anderson tem mais músculo, progride também em força, o Leandro aposta mais na rapidez e na técnica», explicou o treinador ao Maisfutebol. Nélson Rodrigues tem falado com Leandro Lima no estágio de preparação da selecção de sub-20, mas nunca sobre o futuro do jogador. «Estamos concentrados na disputa de uma selecção importante e evitamos falar sobre clubes, sobre transferências. De qualquer forma, é normal que os jogadores estejam a par de tudo, porque usam a internet e os telemóveis. Mas ele tem parecido tranquilo, concentrado na selecção.» Fernando Reges foi o primeiro a concretizar a transferência para o F.C. Porto. De qualquer forma, o médio de transição deve ser emprestado a outra equipa da Liga. Convocado para o Campeonato sul-americano de sub-20, acabou por ser suspenso por agredir um árbitro, falhando agora o Mundial. Edgar, avançado ex-Beira-Mar que está em vias de rubricar contrato com os dragões, também participou nesse torneio. A esta dupla junta-se agora Leandro Lima. «São três jogadores que já têm maturidade suficiente e experiência para se afirmarem no imediato na equipa do F.C. Porto», considera. Leandro Lima procura centrar as suas atenções na selecção de sub-20 e prepara-se para realizar esta tarde um jogo-treino com o Mesquita, na Granja Comary: «O Leandro vai jogar esta tarde, tem estado bem. Mas vai ser uma sessão ligeira», conclui Nélson Rodrigues. O Mundial disputa-se entre 30 de Junho e 22 de Julho, no Canadá Se este não é credível que credibilidade tens tu para falar "perguntem aos brasileiros" mas quais brasileiros?

Re: A tua opinião vale o que vale

eu axo que ele kria dizer aos adeptos brasileiros em geral visto que jogam todos no brasil e o que esse selecionador diz adequa-se com o estilo d jogo que ele implementa la no brasil podem brilhar muito com muito espaço, futebol lento, muito a base de "rasgos" individuais e aqui na europa futebol rapido muito fisico e com poupo espaço eles nao vinguem por isso eles jogadores nao passam de promessas mas isso e como em todos os jogadores agradam a uns desagradam a outros cumps

Re: ...

O Lucho sobrevalorizado?? Será que dirias isso se esta época lhe tivesse corrido tão bem como a anterior??

Apenas digo 3arcaboiços que foram parar ao Fcporto

º Pizzi º Walter Paz º Alessandro Ps: Algum adepto de futebol (pode ser Sportinguista), que me explique os descomunais elogios a Romanogli?Não entendo. Em 10 partidas faz uma de excelente plano. Se fossem a Braga, anda lá "outro argentino" que coloca o "emprestado" num canto. Certo?

Elogios a Romagnoli

Não são elogios "descomunais". Pelo menos não os tenho visto! São apenas "elogios"... a alguém que começou, depois de um período de adpatação e de uma maior aposta, a mostrar boa técnica e boa visão de jogo. Alguém que não tem medo de pegar na bola e partir para cima do adversário, rompendo pela área... alguém que fez passes reveladores de uma boa visão de jogo... e alguns golos. Bem, recordo pelo menos um grande golo ao Marítimo. Mas para além dos elogios, também tem sido apontada uma certa "limitação" física... o que é "trabalhável"! E isso viu-se pelo tempo de jogo que foi aguentando com o desenrolar dos jogos. Cumps

Argentino??

"Sporting teve o privilégio de contar com um excelente marcador de golos de seu nome Yazalde..." Sopunha que era originário um pouquito mais a norte da Argentina. Sportinguistas que se prenunciem.

Re: Argentino??

http://pt.wikipedia.org/wiki/Hector_Casimiro_Yazalde

Re: Re: Argentino??

Bigado, Cumps.desportivos

Re: YAZALDE

Hector Casimiro Yazalde (29 de maio de 1946 a 18 de junho de 1997) foi um jogador de futebol argentino, vestiu a camisola/camisa do Sporting Clube de Portugal onde se sagrou bota/chuteira de ouro, com 46 golos em 30 jogos.

O filão argentino não cabe nos nossos

bolsos! Um dia alguém há-de explicar como é que vêm parar a Portugal, a preço de saldo, jogadores com boa cotação no mercado! Compreendo que se consigam jogadores jovens, pouco cotados, a preços convidativos -mas jogadores já com nome?....

Vale a pena apostar em todos os mercados!

Creio que vale a pena apostar em todos os mercados em que haja jogadores baratos e bons. O fundamental para qualquer clube português que queira competir internacionalmente é mesmo ter bons olheiros em mercados onde os bons jogadores abundam e conseguir contratá-los quando ainda não são grandes vedetas de modo a poder ter capacidade económica para lhes chegar. Eu diria que o mercado argentino è uma boa hipótese, como o é o brasileiro e como o será qualquer um onde se possam descobrir promessas que não sejam demasiado caras! Aliás, seria bom não esquecer os mercados do Leste europeu onde os clubes portugueses têm sido pouco activos!

Promessa de 25 anos?

Sporting que se deixe dessas ideias tristes e continue cada vez mais a apostar na sua formção, que para mim, quanto, portuês é um orgulho ver sair tantos jogadores bons de um escola portuguesa. Cumps