Heróis de Leiria resistiram durante 46 minutos | Relvado

Heróis de Leiria resistiram durante 46 minutos

Numa partida de oito contra onze jogadores, no primeiro minuto de compensação da primeira parte regi
 
U. Leiria com oito jogadores despede-se
Lusa

Onze contra oito jogadores e ninguém havia sido expulso. Foi assim que começou e terminou o duelo entre União de Leiria e Feirense, que acabou com um triunfo da turma forasteira por 4-0.

Num plantel claramente reduzido devido aos salários em atraso e à recente rescisão coletiva, resistiram oito atletas: Oblak, Abdullah, Pedro Almeida, Shaffer, Filipe Oliveira, Ogu, Nicklas Barkroth e Djaniny. Quatro jogadores emprestados pelo Benfica, dois juniores e dois desistentes da rescisão.

Ao contrário do que se poderia esperar, passaram 45 minutos sem ter sido marcado qualquer golo. A solidariedade defensiva dos homens da casa era de assinalar e na baliza estava um "enorme" Oblak, guarda-redes emprestado pelo Benfica.

Cada vez que a bola saía das quatro linhas ouvia-se um aplauso por parte dos adeptos locais. 

A resistência durou até ao primeiro minuto de compensação. Miguel Pedro quebrou a muralha adversária e inaugurou o marcador de cabeça.

Naturalmente, o cansaço acumulou-se nos "heróis" leirienses no segundo tempo e o resultado avolumou-se: Pedro Queirós, também de cabeça, novamente Miguel Pedro, de fora da área, e Buval fecharam o resultado em 0-4.

Apesar da goleada, o jogo terminou com aplausos para os jogadores da União, da parte de todos os adeptos presentes na Marinha Grande, onde também estiveram João Bartolomeu, Mário Cruz e o presidente da Liga, Mário Figueiredo.

Resta sublinhar que o nome de Keita apareceu na ficha de jogo, mas o jogador não entrou no relvado. Com esses oito jogadores, a União de Leiria evita, pelo menos para já, a descida automática de divisão.

Na classificação, a U. Leiria já praticamente não tem hipóteses de se "salvar". São cinco pontos de distância e faltam dois jogos. O Feirense colocou a Académica (defronta o Sporting na segunda-feira) na zona de descida de divisão.

Ficha do jogo:

Jogo no Estádio Municipal da Marinha Grande.

União de Leiria - Feirense, 0-4.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Miguel Pedro, 45+1 minutos.

0-2, Pedro Queirós, 51

0-3, Miguel Pedro, 58

0-4, Buval, 90

Equipas:

- União de Leiria (x): Oblak, Pedro Almeida, Alhafith, Shaffer, Ogu, Filipe Oliveira, Barkroth e Djaniny.

- Feirense: Paulo Lopes, Mika (Stélvio, 80), Varela, Luciano, Stopira, Siaka Bamba, Pedro Queirós, Diogo Cunha (Hélder Castro, 71), Diogo Rosado, Miguel Pedro (Ludovic, 69) e Buval.

(Suplentes: Miguel Assunção, Serginho, Ludovic, Jonathan, Stélvio, Hélder Castro e André Fontes).

Árbitro: Marco Ferreira (Madeira).

Ação disciplinar: Nada a registar.

Assistência: Cerca de 500 espectadores.

(x) – A União de Leiria apenas apresentou oito jogadores e não contou com qualquer suplente.

I Liga:

Comentários [3]

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

era caso para dizer

era caso para dizer vergonhoso, mas havera algo mais asqueroso que levar putas aos arbitros ou recebe-los em casa dum presidente e assobiar-se para o lado como se nada fosse?
tirar uns singelos seis pontos ao clube corrupto é denegrir autenticamente a competicao... depois andamos nisto.

Realmente como ouvi do relatador da Antena 1, com situações

destas de uma equipa apresentar só 8 jogadores e chamar-se isto de Liga Profissional só de doidos!!!
E que a melhor coisa que o futebol tem ainda são os jogadores sem dúvida e acrescente-se alguns desportistas que querem e se batem tenaamente pela verdade desportiva.
Agora dirigentes de clubes, de Ligas, árbitros e restante gentalha mera escumalha que anda à babugem deste negócio é que estragaram tudo, de um mundo em que a galinha pôs ovos de oiro, agora só cagam dividas e a palavra falência é a que mais se escuta..., Só MERDA!!!

Desta forma sim o Feirense está a prejudicar...

...e a beneficiar uns clubes em relação a outros.

Neste momento o Feirense foi já beneficiado e a Académica prejudicada.

Isto para não falar nos outros clubes que lutam pela manutenção.