A adaptação aos clubes grandes | Relvado

A adaptação aos clubes grandes

 

L1n0 diz: "muitas vezes oiço algumas
pessoas a dizer que é um risco contratar jogadores aos clubes mais pequenos em
Portugal, porque há o risco de não se adaptarem aos grandes. Oiço também muitos
«entendidos» deitarem para o ar jogadores que gostavam de ver nos seus clubes,
mas que para mim não têm valor para lá jogarem. Afinal, que é necessário para um
jogador se poder adaptar a um grande? Quais são os jogadores de outros clubes
que gostariam de ver num grande?"

I Liga:

Comentários

Seleccione a sua forma preferida de visualização de comentários e clique "Guardar configuração" para activar as suas alterações.

Reais Valores

Jogadores de enorme qualidade :

- João Alves (Braga)
- Ze Castro (Academica)
- Moreno (Vitoria de Guimarães)
- Nelson ( Boavista)
- Abel ( Braga)
- Amaral (Belenenses)
- Rolando (Belenenses)
- Antchouet (Belenenses)
- Manuel Jose (Vitoria de Setubal)
- Ricardo Nascimento (Rio Ave)
- McPhee (Beira-Mar)
- Manduca (Maritimo)

De momento lembrei-me destes bons valores da nossa Superliga ;-)

Os grandes portugueses que apostem mais nestes bons valores, e n em outros vindo s de fora, q mts vezes rendem menos ainda ...

cumps

Ghost

OFF Topic

desculpem la mas alguem me sabe dizer quando eh a reabertura de mercado na Liga Record ??

Eh que queria fazer alterações no meu plantel

obrigado

cumps

Ghost

Re:offTopic

Abre dia 1 de Fevereiro e fecha logo dia 4 ou 5...

Re:offTopic

ok ...

obrigado pelo esclarecimento ;-)

A adaptação

Penso que um jogador para vingar num grande tem que ter 3 atributos: qualidade de passe, regularidade e personalidade. Qualquer jogador que tenha estas 3 caracteristicas pode entrar num grande. Depois há sempre aqueles jogadores que para além destas têm outras qualidades, com sejam as bolas paradas, os remates de meia distância, uma velocidade acima da média, ou uma frieza fenomenal no remate.

Neste momento, com estas caracteristicas na Superliga vejo Amaral, Nélson, Rui Duarte, Abel, Miguelito, José Castro, Tonel, João Alves, Ricardo Nascimento, Nuno Assis, Jorginho, Manduca, Antchouet e McPhee.

Para se jogar num grande....

Para se jogar num grande....em principio é preciso ter qualidade acima da média, e depois estar bem preparado a nível físico, psicológico e social.

Essa coisa dos jogadores bons e burros já não funciona.

Quanto aos jogadores, já na SuperLiga, com potencial para chegarem mais longe, realço alguns jovens :

-O João Alves do Braga.
-O Targino do Guimarães.
-O Nelson do Boavista.
-O Zé Castro da Académica.
-O Wendell do Nacional.

Saud.

Como podes falar do Wendell

Se ele so veio para o Nacional em Janeiro? Viste quantos jogos dele? 1? 2? Só porque jogou bem contra o SCP? É precisamente nesse erro que os grandes clubes nao devem cair: contratar jogadores que joguem bem contra eles mas que nunca mais se ouvem falar. É fundamental a regularidade para se ir para um grande.. Le o meu comentario para entender melhor.

Abraço.

Re:Como podes falar do Wendell

O Wendell não é propriamente um estranho.
Para além dos 2 jogos pelo Nacional, vi-o em tempos numa das selecções jovens do Brasil, aos 22 anos era titular no Cruzeiro e parece-me que é um jogador que não engana.
Bom pé esquerdo, capacidade fisica e tecnica e lutador.

Opá e é primo do Geovanni (tem lá os genes) :)

Saud.

Pois...

Entao porque foi para uma das equipas com menos recursos economicos da SuperLiga?

Re:Pois...

Essas e outras equipas com poucos recursos económicos, como dizes, tambem vão buscar jogadores de qualidade.

Se assim não fosse não estavamos a discutir este artigo.

É um jogador com 22 anos que ainda não confirmou tudo. Mas pelo que vi tem tudo para chegar longe.

Grande Wender

Para mim, o bracarense é um dos jogadores de classe da Superliga. Não me importaria nada do ver em Alvalade, pois parece-me que tem suficiente futebol para fazer a transição sem problemas.

      Amaral, do Belenenses, também me parece um bom valor.

     

Re:Grande Wender

Aí esta um exemplo (para mim) de um pseudo-craque: Wender!

Eu aposto que num grande nao daria nada! Isto porque pelo que me foi dado a entender nos jogos que eu vi (e foram alguns).

Nao basta ter um bom pontape para jogar num grande, é necessario algo mais! No meu clube nunca pretenderia o Wender!

Le o meu comentario

E ves que concordo contigo.

;)

Re:Le o meu comentario

ja tinha lido o teu comentario, onde referes que o Wender tem qualidade mas nao tem cabeça. Concordamos os dois que possivelmente nao daria nada num grande, mas discordo quando dizes que tem qualidade. É o que eu digo no meu comentario, nao basta ter um bom remate (ele tem) ou cruzar bem, ha muitas mais coisas para analisar num jogador. Embora eu respeite quem ache que ele é bom jogador, mas reparem melhor no Wender...

Cumps

Sim

Eu tambem nao acho que ele tenha qualidade... para um grande. Mas na minha opiniao e um dos melhores jogadores do Braga. Remata e cruza bem. Tem boa finta e relativa qualidade de passe. Nao concordas?

Re:Sim

um dos melhores do Braga? eu nao acho... o Braga tem boa equipa, e digo-te que o Wender nao fazia la falta nenhuma.

So para resumir eu acho o Wender do mesmo calibre do Clayton...jogador que NUNCA gostei.

Cumps

Vedetas escondidas

É óbvio que grande parte dos jogadores da SuperLiga não tem qualidade para jogar no FCPorto, Sporting ou SLBenfica.
Por vezes há jogadores que se destacam por uma boa exibição diante de um "grande" e são logo pretendidos. Vou dar agora um exemplo que não passa disso mesmo pois há muitos outros na mesma situação: depois dos 4 pasteis de Belém, Zé Pedro, autor de 2 ou 3 golos foi logo dado como certo nos 3 grandes. Na minha opinião este jogador nao passa de um bom jogador para equipas de meio da tabela como Belenenses, Leiria, Guimaraes, Maritimo, Braga, etc.
Outro aspecto é que por vezes por jogar numa das equipas menos fortes da SuperLiga esse jogador se destaca. Não quer dizer que seja bom jogador. Apenas reflecte que é melhor que os outros (que podem ser péssimos). Pode destacar-se por várias formas: ou é priveligiado pelo estilo de contra-ataque da sua equipa, modelo não serve para um grande, ou pelos seus bons atributos de drible/um para um é logo dado como craque, quando não passa de um "brinca na areia" com malabarismos desnecessarios (C.Ronaldo ou R.Quaresma, por exemplo, são jogadores com essa capacidade mas que são bons a cruzar, rematar, passar, inventar, têm visão de jogo, etc, não dá para comparar). Outro aliciante "estúpido" para um grande pode ser o facto de poder marcar golos de grande espectacularidade que são frquentemente apenas uma coicidência. Estes são os iscos que os grandes por vezes apanham estupidamente. Deixam-se enganar.
Agora passemos aquilo que realmente caracteriza um bom jogador que está numa equipa pequena.
Há pouco referi que havia jogadores que se destacavam: têm de ser destacar. Mas há que disitinguir um jogador com potencial e um malabarista em qualidade.
Os 3 maiores do futebol nacional lutam pelo titulo e o seu objectivo é ganhar todos os jogos. Por isso tentam dominar todos os desafios onde entram (sei que dominar significa ter o jogo controlado, mas neste caso qualquer uma das 3 equipas que referi gostam de ter a bola). Logo, com posse de bola as movimentações são constantes e é preciso correr mais, logo há maior desgaste. Isto aliado ao facto que os 3 grandes normalmente jogarem em competições europeias significa que para jogar num grande é necessario boa condição fisica.
Depois claro que há aqueles totalistas das equipas pequenas que têm um enorme desgaste mas se repararem esses jogadores que jogam quase sempre sao normalmente "veteranos".
As grandes equipas procuram ainda jogadores regulares. Isto é: não é por uma primeira volta brilhante de um jogador que um clube com essa dimensão o vai contratar. Tem de fazer 2/3 epocas de bom nivel para merecer a confiança de um "grande".
Por último a mentalidade e o caracter de um jogador é fundamental para o seu sucesso. Quantos miudos de enorme potencial nao se perdem por serem imaturos e nao se adapatarem? Quantos jogadores se nenhum potencial por aí alem alcançam bons clubes so pelo seu profissionalismo e espirito de entrega no jogo? Isso, a meu ver, é o mais importante. Por exemplo, Jorginho, a mim, parece-me uma vedeta. Não o conheço e não o posso julgar mas é a ideia que me é transmitida. E tenho impressão que caso fosse para o SportingCP seria mais um jogador perdido sem grande qualidade. Outro exemplo de boa qualidade futebolistica mas sem cabeça é o Wender, do Braga. E também há jogadores nos grandes que não têm cabeça. No "meu" Porto, o Benny, por exemplo, já me anda a irritar com as suas infantilidades.
Para se ser contratado é preciso ter mesmo valor. ão nos podemos esquecer que as melhores contratações são, na maioria das vezes, jogadores dos Juniores/Equipa B.
Jogadores que gostava de ver num grande? Nuno Assis, Anchouet, Ricardo Nascimento, Zé Manuel, etc...

P.S. Desculpem o comentário estar um pouco confuso...

Re:não achei confuso

E penso até que é bastante claro. Mas há uma coisa nos jogadores que apontaste (à exepção do Castro)que eles têm em comum: já não são nenhuns meninos, já têm alguma experiência, condição que a meu ver demonstrou a qualidade que antes não se lhes via.

Esqueci-me do José Castro

Jogador que admiro muito...

Re:Esqueci-me do José Castro

Na minha opinião, será daqui por 3/4 titular de caras na selecção A.

...


Aí está um bom artigo

um jogador dum clube pequeno fez um bom jogo contra um grande é rotulado de craque logo no dia a seguir, provavelmente até aparecerá no telejornal como o Herói que deveria jogar num grande e muito possivelmente nas próximas jornadas, ninguém se lembra dele, porque unca mais mostrou nada de especial. Este é o tipico craque português, vendido pelas televisões e jornais e por mais alguém.

Agora jogar num grande é outra questão...
Qualidade e cabecinha no lugar são essenciais eu driria mesmo obrigatório. Infelizmente eles são tantos que teem desiludido nesse aspecto, jogar bem não é tudo se não se sabe como jogar ou onde jogar.

qualidades demonstradas!

nao concordo quando no artigo se diz que o fc porto contratou guarda-redes de qualidade demonstrada,para substituir baia.

vou mais longe ao dizer que desde que baia saiu do fc porto,só ovchinikov consegui roçar as exibiçoes de baia.

eu lembro-me de pelo menos um,que é jugoslavo,que se chama ivica krali(acho que é assim que se escreve).este jogador dava dó velo defender as redes portistas.houve tambem um polaco...

quanto ao futuro,helton da u.leiria é um guarda redes que gostava de ver de azul e branco,e bruno vale,que tem qualidades para defender as redes portistas.

Andam alguns perdidos por aí...

...um exemplo é o Hildebrand do Estugarda, que é um excelente GR, mas parece que para o ano tá no Arsenal. Tá o Sorensen à espera de um grande clube...e outros...

Italianos sim...

admiro muito os guarda-redes italianos e fazia sentido o Manchester investir no Toldo que não tem tido vida fácil no Inter por razões extra futebol. Se quiserem cometer uma loucura de Euros, que tal mesmo o Buffon que também seria uma boa estratégia de marketing devido á sua presença e aspecto físico.

Guarda Redes

Se formos a ver em termos de guarda-redes, cá em portugal so tive prazer de ver um magnifico guarda-redes... o Preud'Homme. Para mim apesar de ser portista, dava-me prazer ver esse magnifico guarda-redes a defender. Ele quantas vezes safou o benfica? Mm na altura em q bermudez era jogador e mau jogador do slb, mm com uma defesa ranhosa, ele fazia defesas que não lembrava a ng, defesas impossiveis. tive pena de ele n ter ido para o meu porto ou para um clube que lhe pudesse proporcionar os titulos que merecia. perto do preud'homme, so mm o baia, nos bons velhos tempos dele, em q as bolas cruzadas, era dos poucos que apanhava bolas em arcos, e também apesar da sua juventude, transmitia segurança. Outro guarda-redes a quem imaginei um futuro brilhante e desapareceu foi sergio leite... enfim so para me recordar dos tempos de preud'homme.

O Porto...

já mostrou interesse no Julio César do Flamengo.

A concretizar-se parece-me alguem com condições para fazer esquecer Baía.

Mas é evidente que não aprecem Baías e Schemeikels todos os dias.

 

Re:O Porto...

Acho que júlio César se mudou para o "milionário" Corinthians, mas não tenho a certeza.

Re:O Porto...

Não. O Júlio César foi contratado pelo Inter de Milão, mas como o Inter não tinha vagas para extra-comunitários, foi emprestado ao Chievo até ao final da época.

Bom artigo

Para se triunfar num grande é necessário ter essencialmente QUALIDADE e PERSONALIDADE.

O grande problema é que a maior parte das pessoas cataloga os jogadores, com base nos resumos dos jogos. Logo, se marca alguns golos já é um grande jogador, se tem um bom remate ou cruza muito bem, é ja ponderada a sua contratação para um grande.

Para se entrar num grande é preciso muito mais do que isso, isto para nao se correr o risco de ter mais um jogador encostado sem qualquer utilidade.

Por isso defendo que no meu clube, so devam ser contratados jogadores de qualidade inegavel, e que possam acrescentar qualidade e/ou experiencia ao plantel. Como o dinheiro é curto, a aposta nos jovens da casa é cada vez mais forte.

Na superliga ha alguns jogadores que acho interessantes, como Nelson do Boavista, Ricardo Nascimento do Rio Ave, Wenio do Maritimo, Joao Alves do Braga, Cesinha do Braga, e mais alguns que por ai andam.

boa um artigo sobre bola

a meu ver o exemplo do manchester é paradigmático:

quiseram ir buscar alguns redes medianos para o lugar de um simbolo do clube e foram buscar taibi a um clube menor de italia. depois o espanhol ricardo ao valladolid. rapidamente descartados.
barthez começou bem mas depois acumulou lances hilariantes.
carroll é um suplente e howard prometia mas tem um grave problema de saude.

no chelsea vimos como se foi buscar cudicini a um clube italiano menor. e o mesmo com ambrosio. e com macho o austriaco.

o arsenal foi buscar um espnhaol pouco conceituado ao celta - almunia. foi buscar lehmann que parece ter caido em desgraça.

exemplos destes há muitos.